Beira-Rio deverá contar com 1,5 mil operários durante o pico da obra

Estádio de Porto Alegre pode ultrapassar número de funcionários do Castelão e da Arena Corinthians

Obras no Beira-Rio poderão ter até 1,5 mil funcionários (crédito: Divulgação)

Em obras há apenas uma semana, o estádio do Beira-Rio, em Porto Alegre, deverá contar com um contingente de funcionários maior do que o Castelão ou a Arena Corinthians.

De acordo com o gerente de patrimônio do Internacional, proprietário do estádio gaúcho, Hélio Giaretta, “no pico das obras, 1,5 mil pessoas trabalharão no Beira-Rio”.

O número supera os mil trabalhadores da arena cearense, a mais avançada da Copa, cuja marca deverá ser de 1,2 mil funcionários no auge das obras. E também é superior ao contingente atual de operários do estádio de Itaquera, em São Paulo, com 1,4 mil homens no canteiro atualmente.

O Inter e a Secretaria da Copa em Porto Alegre, no entanto, lembram que a equipe de trabalhadores no Beira-Rio ainda é muito pequena, porque a fase de demolições internas, que demanda pouca mão de obra, ainda não acabou.

Na próxima semana, começa a terraplanagem e a demolição dos demais vestiários do estádio. O primeiro setor do Beira-Rio que deverá ficar pronto, e cujo início das obras se deu na primeira fase da reforma em 2010, é a arquibancada inferior.

PORTAL 2014



Categorias:COPA 2014, Reforma do Estádio Beira-Rio

Tags:,

1 resposta

  1. Quando será o “pico das obras”? Durante a montagem de arquibancadas? Cobertura? E quando iniciará o mesmo? A empresa precisa se antecipar na busca de funcionários, pois a mão-de-obra em construção civil está meio escassa no país.

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: