Um bonde no bairro Rio Branco

O que faz um bonde antigo num terreno particular na rua Miguel Tostes esquina com Rua Cabral, no bairro Rio Branco?

Boa pergunta.

Um bonde antigo na Miguel Tostes. Foto: Gilberto Simon – Porto Imagem



Categorias:Patrimônio Histórico

Tags:,

20 respostas

  1. Pelos comentários várias linhas estão intactas! As aéreas deverão necesitar manutenção.

    Falando nelas, ano passado vi trilhos na 24 de Outubro, Cel Bordini e Auxiliadora estavam praticamente como há décadas, em partes tem asfalto ou enterrados.

    No Centro, Av. independência, Mostardeiros e Florêncio Ygartua continuam assim?

    Caso no futuro colocarem os VLTs, com certeza aproveitarão a malha existente com a mesma bitolagem dos trilhos, pois instalar trilhos com outra bitolagem sem aproveitar os existentes seria muita falta de bom senço!

    Alguém poderia informar-me sobre o estado de destas linhas, pois na Cristívão Colombo andaram fazendo obras do “Alvaro Chaves”, não sei se retiraram os trilhos ou não.

    Como todos que escrevem no blog residem em áreas diferentes, podem relatar qual é a situação de seus bairros e suas antigas linhas, é fácil, é olhar pro chão de avenidas e ruas.

    Curtir

  2. Estes Bondes, modernizados, aí sim!

    Ms com pintura de época, com qualidade de transporte, proibido passageiros em pé!

    No lugar de bancos de madeira, poltronas reclináveis, ar-condicionado, TV digital à bordo,
    cortinas, café e água de cortesia tipo turismo, com só duas portas de acesso, em vez de quatro como antes, câmeras de segurança e pessoal de bordo, a educação do povo e a juventude mudaram, pois como são poucos, seriam para iniciar a recuperação econômica e funcional, com adaptação de motor à gás natural, em caso de “blackouts” circulariam em linhas que exigiriam menos investimentos de forma gradual.

    Numa segunda etapa, com mais vagões recuperados, seria questão de tempo circularem em todos trajetos, com o tempo, popularizados novamente, com a politica de qualidade, e nunca super-lotados, pois mais tarde com certeza os VLTs estarão aí para esta função com os metrôs.

    Bah! Como a malha a férrea está quase toda intacta, só aterrada por asfalto, a aérea falta uma geral, barbada para ganhar dinheiro e estes empresários de ônibus e prefeitura não sabem o filão que estão perdendo, uma mina de ouro enterrada!

    E ficam procrastinando o tal Bonde Turístico! Retrógrados! Burros!

    Curtir

  3. A do Menino Deus subia a Silveiro

    Curtir

  4. Falta ainda o localização do fim das linhas São João e Menino Deus

    Curtir

  5. Só para dar uma noção das linhas principais de bondes que existiam a 50 anos atras.
    A linha Petrópolis passava da Igreja São Sebastião.
    A linha Teresópolis ia até a praça Guia Lopes.
    A linha Glória até a Igreja da Glória.
    A linha Partenon até a Igreja São Jorge.
    A linha Navegantes ia até a Igreja Nossa Senhora dos Navegantes.
    Uma linha que não me lembro o nome que passava pela Cristóvão e pela Coronel Bordini.
    A linha Duque, que era circular.
    Estas são as que me lembro, quem se lembrar de outras peço que coloque.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: