IAB-RS lança campanha por concurso público para as estações do metrô de Porto Alegre

Diante da perspectiva real de implantação do Metrô em Porto Alegre, o Departamento RS do IAB vem se manifestar de forma a fortalecer princípios historicamente defendidos por esta entidade.

Primeiramente, reconhece a importância da implantação desta modalidade de transporte em Porto Alegre, como uma forma de integrar o conjunto de soluções exigidas para a melhoria da mobilidade urbana e da qualidade de vida da população, valorizando o transporte coletivo. Assim a implantação do metrô deverá estar integrada à reestruturação do sistema geral de transporte, considerando todas suas modalidades.

Destaca que a implantação do metrô não é apenas uma questão de mobilidade urbana. Deve ser considerada como geradora de transformações na dinâmica da cidade como um todo e no entorno de cada estação, em particular. Assim, é uma oportunidade ímpar de desencadear projetos urbanos integrados, capazes de dar respostas à diversidade de cada setor urbano nos seus múltiplos aspectos. Além da mobilidade, o metrô envolve questões de infraestrutura, paisagem natural e construída, espaços públicos e distribuição de atividades.

Neste sentido, é papel intransferível do Poder Público coordenar o processo de implantação do metrô e suas respectivas estações, elaborando desde estudos prévios específicos, definição de diretrizes, delimitação de áreas, até consultas à população e à técnicos de diversas áreas do conhecimento.

Diante da magnitude dos impactos decorrentes dessas intervenções, o IAB preconiza o uso do concurso público como instrumento imprescindível e incontestável para a elaboração dos projetos capazes de conduzir às soluções mais adequadas a cada situação.

O concurso público propicia a produção de espaços de qualidade, através de um processo democrático, transparente e dotado de lisura na escolha das propostas mais qualificadas entre várias alternativas. Este procedimento possibilita a publicidade de resultados e o conseqüente acompanhamento pela sociedade ao longo do processo.

Arte de divulgação: Andreia Bocian

Fonte: IAB-RS

____________________

Entenda como é a seleção através de um concurso e suas vantagens

As equipes de profissionais inscritas têm acesso a uma documentação base que define, por exemplo, a importância dos locais de intervenção, o seu funcionamento e as normas exigidas, assim como parâmetros necessários para adequar tecnologias pretendidas.

Esta base documental orienta para valores e características que serão observados nas soluções, tais como: questões relacionadas à cultura local, à função, ao uso, à manutenção e economia de recursos e meios, bem como soluções que valorizem o ambiente e as pessoas.

Sendo assim, as equipes têm condições iguais de poder livremente desenvolver e apresentar suas propostas.

Após a entrega dos trabalhos, um júri avalia as soluções apresentadas com base em critérios técnicos e de qualidade informados aos concorrentes. Diferentemente de uma licitação que escolhe quem fará o projeto pelo menor preço ofertado, no concurso público há a escolha de uma solução, sendo que esta é feita por profissionais qualificados que identificam qual é a melhor proposta dentre todas, que será contratada por um valor de honorários previamente determinado.

Pela transparência do processo, pela possibilidade de participação de todos os profissionais, pela grande oportunidade de publicidade de todas as etapas, pelo caráter público e democrático, pelo acompanhamento da comunidade e da imprensa, pelo cuidado seletivo para utilização de recursos públicos, por dar oportunidade a novos talentos, à criatividade e à inovação, justifica-se a preferência por esta forma de seleção para a contratação de projetos de arquitetura de novos equipamentos públicos que seguramente se tornarão referências arquitetônicas e turísticas para a cidade de Porto Alegre.

_________________________

Agora sim o IAB-RS age de forma certa, na minha opinião. Não existe projeto ainda, o prazo pra construção da primeira linha subterrânea do Metrô de Porto Alegre é bem extenso. Então, para qualificar os projetos arquitetônicos que irão surgir, bastante justo que se faça concursos, eu diria, até de alcance internacional, para definir como serão as futuras estações do nosso metrô. Boa iniciativa do IAB-RS.  Gilberto Simon



Categorias:Arquitetura | Urbanismo, Concursos Públicos para projetos arquitetônicos, Meios de Transporte / Trânsito, Metro Linha 2

Tags:, , ,

10 respostas

  1. Concursos para selecionar o melhor já diz tudo, grande IAB.

    Curtir

  2. Aviso geral:
    Estamos procedendo verificação de endereços de e-mail.
    Comentário com e-mail falso será deletado.
    Apenas a equipe do Blog vê os e-mails. Não ha problema algum colocar o e-mail verdadeiro.
    Próximos comentários coloquem e-mails válidos por favor.

    Curtir

  3. Finalmente, deixaram de chororo e tomaram uma atitude.

    Curtir

  4. Um dos problemas dos concursos por aqui é que não escolhem os mais belos, e sim, os que são feitos de garrafas pet (com papo de mimimi sustentável). Uma pena.

    Curtir

  5. Parabéns IAB-RS pela iniciativa!!!

    Curtir

  6. a hype studio tem um projeto fantástico para a estação da FIERGS !

    Curtir

  7. Tomara que não tentem se inspirar nos bunkers de São Paulo. No Rio tem umas incríveis.

    Curtir

  8. Tendo visto exemplos de estações de grande beleza e bom gosto construídas em outros países, seria importante que o concurso fosse a nível internacional.

    Curtir

  9. Grande iniciativa! Vamos ver se anda..

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: