Jogo contra Botafogo pode ser último do colorado no Beira-Rio

Problemas causados pela reforma do estádio podem fazer com que time atue em outros locais

Porto Alegre – O Inter vinha tentando adiar o fechamento do Estádio Beira-Rio para as reformas necessárias à Copa do Mundo de 2014, mas parece ter chegado no limite. De acordo com o site Terra, a Andrade Gutierrez, que vem tocando as obras na casa colorada, pressiona a direção vermelha para que o estádio seja fechado definitivamente, o que faria com que os trabalhos avançassem mais rapidamente.

A direção colorada, que sempre descartou essa possibilidade, começa a admitir a chance de atuar em outras praças até o final de 2013, quando o novo Beira-Rio deve ficar pronto. “Existe esta possibilidade, a construtora está nos pedindo para que a gente feche o Beira-Rio para que eles possam acelerar as obras. Na semana que vem a direção irá se reunir para avaliar esta situação e definir em qual local nós vamos mandar os jogos se tiver que fechar o Beira-Rio”, disse o presidente Giovanni Luigi.

Com isso, caso confirme mesmo a saída do Beira-Rio, o Inter deve optar por jogar em Gravataí, no Estádio do Cerâmica; em Canoas, no Complexo Esportivo da Ulbra; ou no Estádio do Vale, em Novo Hamburgo.

Chico Luz/Da Redação

JORNAL NH

_________________________

Se o Estádio Beira-Rio fosse fechado para melhor andamento das obras, com certeza ficaria pronto antes do final de 2013 como inicialmente acordado.



Categorias:COPA 2014, Reforma do Estádio Beira-Rio

Tags:,

36 respostas

  1. Relatório de consultoria pode complicar situação do Estádio Beira-Rio.

    Nesta quarta, Justiça fará vistoria na sede colorada.

    Decisão sobre interdição sai até sexta-feira.

    Relatório de consultoria pode complicar situação do Estádio Beira-Rio.Por Omar Freitas.

    Beira-Rio está sendo reformado para receber jogos da Copa do Mundo de 2014.germano@zerohora.com.br

    Documentos que complicam a vida do Inter ajudarão a embasar uma vistoria da Justiça na tarde desta quarta-feira no Beira-Rio. Produzido em abril, o relatório de uma consultoria — contratada pelo próprio clube para averiguar as condições do estádio —apontou um nível de risco “crítico” no sistema elétrico.

    Após a inspeção no estádio, marcada para as 14h30min, o juiz João Ricardo dos Santos Costa vai avaliar se a casa colorada será interditada para jogos. A decisão deve sair até sexta-feira.

    Em um laudo da Consultoria Suarez Saldanha — anexado à ação do Ministério Público que pede a interdição do estádio —, a empresa observa um “grau de risco crítico, com impacto irrecuperável” na estrutura elétrica (confira ao lado). Datado de 23 de abril, o documento de 24 páginas ressalta que “este grau de criticidade é atribuído levando-se em consideração o risco à segurança do usuário”.

    A empresa menciona equipamentos sem proteção, condições precárias de manutenção, deficiência de iluminação e instalações elétricas em áreas inadequadas. O mesmo relatório indica um “grau de risco regular” na estrutura de concreto do estádio, com deteriorações, infiltrações de água e processo inicial de corrosão.

    — Qualquer decisão judicial é baseada em provas e documentos que instruem o processo. Mas o Inter garante estar cumprindo todas as regras de segurança — pondera o juiz Costa.

    Anexado à ação do MP, também está um laudo do 1º Comando Regional de Bombeiros, datado de 26 de abril deste ano. No relatório, está expressa a ausência de alvará contra incêndio, a falta de hidrantes e mangueiras e a inexistência de corrimãos em escadas, entre outros pontos. Segundo o promotor Norberto Avena, que pede a interdição imediata do estádio, os problemas são anteriores à reforma.

    — As obras só agravam o risco. Sinceramente, vejo esta situação como tragédia anunciada — afirma Avena.

    Alexandre Mussoi
    Vice de serviços especializados do Inter

    “O clube sempre obteve autorização dos bombeiros e da Brigada a cada jogo. Recebemos algumas recomendações, e estamos trabalhando para realizar as partidas da forma mais segura possível. O Inter acaba de formar sua própria brigada de incêndio. E, para suprir a falta de hidrante, temos contratado um conjunto de extintores de grande capacidade.”

    Trechos dos laudos

    Classificação, descrição e localização das anomalias
    Falhas de manutenção da estrutura do concreto armado. (…) Evidências de infiltrações de água através das juntas de dilatação das rampas externas de acesso à arquibancada superior.

    Classificação quanto ao risco
    É classificado como grau de risco crítico, com impacto irrecuperável relativamente a diversos componentes do sistema elétrico, com o comprometimento do desempenho e funcionalidade destas partes.

    Tem alvará de funcionamento do Corpo de Bombeiros?

    Não. O Plano de Prevenção e Proteção contra Incêndio deu entrada no Corpo de Bombeiros, porém será modificado devido a obras no Estádio para a Copa do Mundo 2014.

    Fontes: laudos da Consultoria Suarez Saldanha e do 1º Comando Regional de Bombeiros

    Fonte: http://zerohora.clicrbs.com.br/rs/esportes/inter/noticia/2012/06/relatorio-de-consultoria-pode-complicar-situacao-do-estadio-beira-rio-3796223.html

    Vejam o que o laudo solicitado pelo próprio S.C. Internacional em abril deste ano contém, as palavras “Sinceramente, vejo esta situação como tragédia anunciada — afirma Avena”, vem de uma pessoa responsável, e só agora vem à publico pela imprensa!

    Que tipo de pessoas dirigem este clube?

    Não estão à altura da grandeza do mesmo.

    Isto mostra a irresponsabilidade, inconsegüência, uma atitude de total descaso para com a integridade física para com a sua própria imensa torcida.

    Bah o que o poder faz com as pessoas!

    Deixarem no risco milhares de vidas, só por não querer dar ouvidos à razão e praticarem
    este ato criminoso que demonstra, eles não estão nem aí para com a própria torcida colorada, ela não vale nada para os os dirigentes de seu clube do coração!

    Tirem estes caras, eles não merecem o respeito de vocês e coloquem que respeitem-nos, é para o vosso próprio bem, atitude revoltante, totalmente abominável, sem desculpa que possam dar, está escrito no laudo que solicitaram à empresa perita que eles mesmos contrataram, não acataram o aviso, omitiram durante todo este tempo, por
    quê? Vaidade, arrogância e orgulho, e interesse financeiro, se vazasse, com0 obter dinheiro público de graça?

    Estes indivíduos, deixo para todos darem seus adjetivos, revoltante é pouco, eu sabia que tinha coisa, mas isto foi além da sanidade, foi interesse finaceiro acima do valor de vidas humanas, em qualquer lugar decente teriam que dar contas à justiça, mas como no Brasil o crime compensa, não dará em nada. Coisa nojenta, e ficam desviando o assunto em reportagens nas obras do estádio do adversário, coisa de crápulas!

    Não deram valor à integridade físca e às vidas, deviam ser processados por isto!

    Curtir

  2. aliás, alugar o estadio da OAS em 2013 me parece uma noticia mais por pressão externa do q uma notícia cogitada pela direção colorada

    Curtir

  3. evidente q o Blog é um espaço de discussão da cidade e n do clube, mas de uma olhada nos comentários… dizer q nunca quiseram a copa na arena, pelo amor de deus… n adianta desprezar conquistas ou fingir q esta igualando as coisas (sul-americana é a série B da libertadores não é assim q dizem…)… o fato é q na sua história em nenhum momento o inter foi rebaixado jogando e por mais q vc queira achar uma desculpa pra isso, cavucar estes campeonatos enrolados da década de 60 n apaga nada

    mas o começo n foi uma indireta sobre jogos da série B, foi bem antes…

    Curtir

  4. Comentar dando indireta sobre jogos realizados da segunda divisão no Beira-Rio dá nisto.

    Quem fala o que quer, ouve o que não quer.

    Sem clubismo, só história.

    Se a direção colorada não quer dar o braço a torcer, dá pena de sua torcida, tomar que nada de ruim aconteça.

    Curtir

  5. o Blog poderia voltar a se focar mais em comentários sobre a cidade e deixar este mimimi de alguns comentários sobre futebol… afinal agora ja estão querendo reinventar o conceito de segunda divisão

    Curtir

  6. RETIFICAÇÃO

    A torcida colorada merece mas respeito de sua própria direção.

    Realizar eventos longe de Porto é falta de bom senço.

    Tem gente que fala o que interessa só ao seu lado, falam do tricolor jopgar duas vezes n série “B” do campeonato oficial do Brasil.

    Sabiam que o S.C. Internacional ficou fora da série “A” muito mais que isto?

    Pensei que foram oito anos, Taça Brasil 1959–1968 e após criaram o Torneio Roberto Gomes Pedrosa, o “Robertão” 1967–1970.

    Os campeões em ordem de anos:

    1959 Bahia
    1960 Palmeiras
    1961 Santos
    1962 Santos
    1963 Santos
    1964 Santos
    1965 Santos
    1966 Cruzeiro
    1967 Palmeiras
    1968 Botafogo

    Títulos Clube Edições
    5 Santos 1961, 1962, 1963, 1964 e 1965
    2 Palmeiras 1960 e 1967
    1 Bahia 1959
    1 Cruzeiro 1966
    1 Botafogo(1) 1968

    Títulos por estado

    São Paulo 7
    Guanabara 1
    Bahia 1
    Minas Gerais 1

    A Taça Brasil era a Série “A” e este o S C Internacional disputou uma só vezm em 1962.

    Em 1967 sem disputar o acesso, não existia naquela época, foi de “gaiato no navio”, iniciou sua história em campeonatos da Elite Bacional, em 1968 vários jogos teve que disputar no Estádio Olímpico contra os grandes clubes que negavam-se a jogar nos Eucaliptus, por este ser pequeno e sem conforto, e em 1969 com a inauguração do então Beira-Rio começou a disputar os campeontos brasileiros.

    É sempre bom dar uma lembrada na história, assim um sefragol para parar desta de segunda divisão, porque não haviam as divisões como existem atualmente, se exitissem, como vice-campeões estaduais, com exceção de 1962, ou seja de 1956 à 1968 venceram só um vez, assim durante todo este período não disputaram um torneio nacional da Séria “A”.

    Assim sendo, como na atualidade a maré é vermelha, não custa bada dar uma refrescada, pois o mar é azul, e assim deixarem-se de acharem-se muito.

    Ninguém fica sempre no tôpo para sempre, um dia se cairem terão de subir na bola não no convite.

    Naquele tempo, de treze gauchões perderam doze, falam tanto e esquecem-se do resto da história!

    Curtir

    • poxa, q belo comentário, nd infatil e com um conteúdo q tem td a ver com o tópico da reforma do estádio… ps – só resta revirar a história mesmo…

      Curtir

  7. A torcida colorada merece mas respeito de sua própria direção, jogar longe de Porto é falta de bom senço. Ao Felippe que parece ser filhote, sabias que o Inter fricou de fora da série “A” oito anos? A Taça Brasil era a Série A de 1957 à 1966. Depois inventaram o Torneio Roberto Gomes Pedrosa, o “Robertão”. Sem jogar na B o S C Internacional foi direto para a série A, e em 1967 e 1968 teve que jogar no Olímpico os jogos contra os grandes clubes que negavam-se em jogar nos Eucalptus, por ser pequeno e sem conforto. É sempre bom dar uma lembrada na história, assim um sefragol para parar de acharem-se muito. Ninguém fica sempre no tôpo, um dia se cairem terão de subir na bola não no convite. Naquele tempo, de treze gauchões perderam doze, falam tanto e esquecem-se do resto da história!

    Curtir

    • parabens pelo seu trabalho como historiador, deve estar sobrando tempo mesmo… além do q essa sua falácia apelativa pra idade é um argumento desesperador… podia se focar no estádio e parar com este mimimi

      o blog sempre se prezou por n ser clubista, mas estes comentários de alguns depois q o beira-rio foi escolhido como sede da copa, esta se superando a cada dia…

      Curtir

      • Clubista? A sede da Copa foi decidida desde o final de 2008.

        Quem dá comentários provocativos merece a resposta na mesma medida.

        Será no estádio com o nome atualizado, já que o Guaíba é um lago, então esta questão já foi fechada desde quando da indicação.

        Quem fala o que quer, ouve o que não quer.

        Mas numa boa, sem ressentimentos, não estamos aqui para brigar.

        Curtir

%d blogueiros gostam disto: