Carta Aberta ao Governador Tarso Genro – IAB-RS

Senhor Governador,

Foi veiculado na mídia gaúcha que o Senhor, juntamente com a Secretária Estadual do Turismo, a Sra. Abigail, esteve reunido na última semana com o Arquiteto Oscar Niemeyer. A pauta noticiada, um projeto para um Centro de Eventos na capital gaúcha.

Primeiramente, parabenizamo-lo pela iniciativa de instalação de um equipamento do qual a cidade carece, frente à importância do turismo de negócios e eventos para a cidade e o Estado.

No entanto, não podemos deixar de manifestar nossa surpresa frente à notícia veiculada nos últimos dias da intenção de convidar um notório colega para a realização do projeto arquitetônico.

Será que mais uma vez o “notório saber” deve ser a solução escolhida para a contratação de projetos excepcionais? Já que lá na outra ponta, projetos para equipamentos fundamentais à sociedade, tais como escolas, postos de saúde, terminais rodoviários, entre outros, são contratados em licitações por menor preço. Que abismo de qualidade é este, incentivado por esta dicotômica prática?

A realização de concursos públicos de projeto de arquitetura, processo de seleção bem sucedido em diversas cidades do Brasil e do mundo, promove a democratização do processo e a qualificação do produto deveria ser aplicada desde os mais singelos edifícios públicos até os grandes equipamentos cujo caráter prescinde da monumentalidade.

Senhor Governador, o testemunho do potencial dos concursos públicos para promoção de uma arquitetura monumental e de qualidade estão bem a sua frente, as sedes dos três poderes do Estado: os Palácios Piratini, da Justiça e Farroupilha.

Um concurso público nacional, ou até mesmo internacional para um Centro de Eventos em Porto Alegre atrairia olhares mundiais para Porto Alegre antes ainda de sua inauguração, promovendo a cidade como incentivadora da qualificação e da inovação no trato da coisa pública.

Certos de sua sensibilidade para com a questão, e no compromisso do seu governo com a inovação da gestão pública, desde já nos colocamos a disposição para a qualificação do espaço público das cidades de nosso Estado.

Respeitosamente

IAB-RS

Enviado por Tiago Holzmann da Silva
Arquiteto e Presidente do IAB RS – Instituto de Arquitetos do Brasil



Categorias:Arquitetura | Urbanismo, Centro de Eventos do RS, Concursos Públicos para projetos arquitetônicos

Tags:, ,

37 respostas

  1. Parabéns ao IAB, que mostrou coerência e autonomia na defesa do concurso público, um instituto republicano que tem sido evitado por certos governantes, de direita e de esquerda, para beneficiarem indevidamente correligionários e simpatizantes. Os que defendiam o critério do “notável saber” por ocasião da escolha de Lerner, agora não podem criticar a escolha do escritório de Oscar Niemeyer. É a mesma coisa. Ainda estamos no tempo do “cavalo do comissário”, infelizmente.

    Curtir

  2. Acho um absurdo convidarem o Niemeyer. Sou a favor do concurso neste caso. Pena que a Voluntários da Pátria não pode mais ser utilizada como área para o Centro de Convenções, seria o ideal, mas colocaram naquela área com grande potencial para toda a cidade casa populares, que viraram uma quase favela….
    Pedro

    Curtir

  3. Acho mais razoável o ON ser contratado sem concurso do que o Lerner. Ainda mais que o último só fez um calçamento com bolinhas de gude e trocou o bar flutuante por um carrossel. hehehe, avacalhei.

    Curtir

  4. Derivando um pouco….
    Eu tinha curiosidade em saber qual seria o resultado de um plebiscito, nos mesmos moldes do fogacinha, cagão na época, quando nao peitou a questao estaleiro só, sobre esse assunto do centro de eventos. Queria saber se haveria um levante pró niemeyer/tarso como houve contra uso misto no estaleiro. Sei lá, pode parecer bobagem, mas suspeito as vezes de pura polarização política pra explicar esse bate boca improdutivo que transformou o estado no mais “politizado” (e retrógrado) do país. E nao, nao quero plebiscito. Quero concurso.
    No mais, achei ótima a carta ao governador, mas penso que a grita do iab tem que ser mais contundente.

    Curtir

    • Posso falar por mim. Votei contra o projeto do estaleiro e sou totalmente a favor de concurso nesse caso do centro de eventos. Não vejo relação de uma coisa com outra. Infelizmente ainda existem pessoas que apoiam (ou não) as ações de determinados governantes baseado no partido a que pertencem. Na maior parte das vezes os que fazem isso são petistas ou anti-petistas. Nos dois casos são patéticos.

      Curtir

%d blogueiros gostam disto: