Novo modelo de sinaleiras em Porto Alegre?

O leitor do Blog e Jornalista Jonathas Costa envia esta imagem, já divulgada aqui e nos pergunta, após verificar  que no canto direito da imagem há um semáforo para pedestres bem “futurista”.

Será que este é o novo modelo de sinaleiras nas avenidas que receberão os BRTs?

Veja a imagem:

Imagem: Prefeitura de Porto Alegre



Categorias:Meios de Transporte / Trânsito

Tags:, , ,

28 respostas

  1. Concordo contigo, vivemos no país da lei de Gérson, levar vantagem em tudo.

    Educação e a palavra Brasil não combinam mesmo.

    O que vem dos políticos que governam, vem aquele ditado, “o exemplo vem de cima!”

    Não sei como enquadras “boa situação financeira”.

    Não basta trabalhar durante trinta ou quarenta anos ou mais neste país.

    No meu ponto de vista eles é que tem uma “baita boa condição financeira”, mordomias, 15º salário, 60 dias de férias por ano, isto quando vão pro trabalho, fora os auxílios viagens, compras de roupas, aluguéis, combustível, verbas para os gabinetes, em Brasília e em seus estados, etc.

    A melhor profissão para quem não está nem aí para uma boa conciência.

    Governam e legislam em causa própria, e “blindam”, quem eles querem.

    Fui buscar no dicionário esta palavra que está tão na moda, e achei interessante o significado mais abrangente de blindar: é proteger; resguardar; revestir, cobrir para que nada de mal aconteça. É uma “couraça” que usamos para nos cobrir contra qualquer ato externo que possa fazer dano.

    Assim os políticos corruptos, estão a salvo, de vez em quando cassam um para “inglês ver”, o “bode expiatório” deste ano foi o Demóstenes.

    Mas quantos outros estão envolvidos neste caso do tal Cachoeira e em outros passados e em quantos ainda à serem descobertos pela mídia?

    São farinha do memo saco, nenhum deles tem minha confiança, nenhum mesmo.

    Conheces aquela música, “..se cantar pega ladrão não sobra um meu irmão,…?

    Agora vão enrrolar e inventarão algo para desviar a atenção da população, afinal os Jogos Olímpicos terminarão, assim este país, com naquela frase do presidente francês Charles DE Gaulle, “o Brasil não é um país sério”, nunca foi tão atual, e ele mencionou isto há quase cincoenta anos atrás!

    Os magistrados então nem falo, além de vantagens semelhantes, tem nas mãos o poder sobre as leis e julgam segundo o que interessa-lhes.

    Quando pegam desembargadores e juízes fazendo maracutais, eles blindam também, e protegem igualmentecomo os polítiocs fazem , verdadeiro clube das elites!

    E o povo? Bem o povo que se dane!

    Os aposentados? Que danem-se mais ainda!

    Pra eles os aposentados são lixo.

    Basta ver como julgam os processos, agora vimos o acôrdo da Previdência e o Sindicato Nacional de Aposentados, os reajustes e créditos até 2022.

    Conheço pessoas que contribuiram com dez, vinte salários e agora recebem pouco mais de tres, ou seja, e quem contribuiu com um salário mínimo está recebendo reajustes quase tres vezes maiores que os mesmos!

    Que país é este?

    Em poucos anos quem contribuiu com mais receberá igual ou mas que com um salário mínimo!

    Estas distorções só para o povo do INSS, aposentadoria dos políticos , magistrados, militares, e funcionários públicos são atrelados, e assim temos duas classes distintas neste país.

    Fato que fere claramente a tal “Carta Magna dos Direitos Humanos”, todos são iguais perante a lei etc. toda baboseira, que aqui nesta terra brasilis é dar nôjo destes caras.

    Realmente os favelados, não sou um deles, mas eles tem “bons exemplos” a seguirem!

    Curtir

  2. Concordo contigo, vivemos no país da lei de Gérson, levar vantagem em tudo.

    Educação e a palavra Brasil não combinam mesmo.

    O que vem dos políticos que governam, vem aquele ditado, “o exemplo vem de cima!”

    Não sei como enquadras “boa situação financeira”.

    Não basta trabalhar durante trinta ou quarenta anos ou mais neste país.

    No meu ponto de vista eles é que tem uma “baita boa condição financeira”, mordomias, 15º salário, 60 dias de férias por ano, isto quando vão pro trabalho, fora os auxílios viagens, compras de roupas, aluguéis, combustível, verbas para os gabinetes, em Brasília e em seus estados, etc.

    A melhor profissão para quem não está nem aí para uma boa conciência.

    Governam e legislam em causa própria, e “blindam”, quem eles querem.

    Fui buscar no dicionário esta palavra que está tão na moda, e achei interessante o significado mais abrangente de blindar: é proteger; resguardar; revestir, cobrir para que nada de mal aconteça. É uma “couraça” que usamos para nos cobrir contra qualquer ato externo que possa fazer dano.

    Assim os políticos corruptos, estão a salvo, de vez em quando cassam um para “inglês ver”, o “bode expiatório” deste ano foi o Demóstenes.

    Mas quantos outros estão envolvidos neste caso do tal Cachoeira e em outros passados e em quantos ainda à serem descobertos pela mídia?

    São farinha do memo saco, nenhum deles tem minha confiança, nenhum mesmo.

    Conheces aquela música, “..se cantar pega ladrão não sobra um meu irmão,…?

    Agora vão enrrolar e inventarão algo para desviar a atenção da população, afinal os Jogos Olímpicos terminarão, assim este país, com naquela frase do presidente francês Charles DE Gaulle, “o Brasil não é um país sério”, nunca foi tão atual, e ele mencionou isto a quase cincoenta anos atrás!

    Os magistrados então nem falo, além de vantagens semelhantes, tem nas mãos o poder sobre as leis e julgam segundo o que interessa-lhes.

    Quando pegam desembargadores e juízes fazendo maracutais, eles blindam também, e protegem igualmentecomo os polítiocs fazem , verdadeiro clube das elites!

    E o povo? Bem o povo que se dane!

    Os aposentados? Que danem-se mais ainda!

    Pra eles os aposentados são lixo.

    Basta ver como julgam os processos, agora vimos o acôrdo da Previdência e o Sindicato Nacional de Aposentados, os reajustes e créditos até 2022.

    Conheço pessoas que contribuiram com dez, vinte salários e agora recebem pouco mais de tres, ou seja, e quem contribuiu com um salário mínimo está recebendo reajustes quase tres vezes maiores que os mesmos!

    Que país é este?

    Em poucos anos quem contribuiu com mais receberá igual ou mas que com um salário mínimo!

    Estas distorções só para o povo do INSS, aposentadoria dos políticos , magistrados, militares, e funcionários públicos são atrelados, e assim temos duas classes distintas neste país.

    Fato que fere claramente a tal “Carta Magna dos Direitos Humanos”, todos são iguais perante a lei etc. toda baboseira, que aqui nesta terra brasilis é dar nôjo destes caras.

    Realmente os favelados, não sou um deles, mas eles tem “bons exemplos” a seguirem!

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: