Finalmente um projeto para o Pontal do Estaleiro

Segundo a Zero Hora de hoje, 7 de agosto, finalmente há um projeto para a área do antigo Estaleiro Só

Após um plebiscito/referendo realizado em 2009, que rejeitou prédios de 12 andares, composto de torres residenciais, comercial e hotel, o novo projeto terá estabelecimento comercial e uma torre que pode chegar a 26 andares.

O estabelecimento comercial teria uma base com cinco pavimentos, estacionamento, praça de alimentação, supermercado e cinemas, além da torre. Haveria ainda uma alameda e um parque, que deverá ser construído em frente ao Guaíba. Os prédios não poderão ficar a menos de 60 metros da orla.

A presidente da Comissão de Análise Urbanística e Gerenciamento (Cauge) e assessora especial do prefeito José Fortunati, Rosane Zottis, informou que o projeto está sob análise e, certamente, sofrerá adequações. Sobre a torre de 26 andares, Rosane afirma que as duas leis complementares — 470/2002 e 614/2009 — que versam sobre a região não estipulam altura máxima.

— A altura será definida conforme o Estudo de Viabilidade Urbana. A gente tem tido cuidado com isso porque é uma área nobre. Mas imaginamos que a questão já tenha ficado clara para a comunidade, pois ela se pronunciou que não queria uso residencial ali. Vedado o uso residencial, as demais atividades previstas na lei são permitidas — afirma Rosane.

O parecer deverá ser conhecido em 15 dias e após virá o estudo de impacto. Ainda vai levar meses até sair do papel. Os responsáveis pelo projeto são os mesmos do anterior, o escritório Debiagi.

Por causa do desgaste sofrido em 2009, a BM Par Empreendimentos e o escritório Debiagi preferem não dar detalhes, agora, sobre o novo projeto. Aguardam, para isso, as diretrizes que a Comissão de Análise Urbanística e Gerenciamento (Cauge) formulará.

Ao lembrar da mobilização contra a construção de imóveis residenciais na orla em 2009, o vereador Beto Moesch (PP) comentou sobre a oportunidade perdida, no início dos anos 2000, de se impedir outras construções no local. Na época, foi aprovada lei que criava regras próprias para a região do pontal. Devido à preocupação com os trabalhadores herdeiros da massa falida do Estaleiro Só, o texto tramitou em regime de urgência, não teve audiência pública nem passou por comissões, observou o vereador:

— Árvore que começa crescendo torta, fica torta. Agora, pode construir. A sociedade vai ter de encarar isso, querendo ou não. Claro, há pré-requisitos que eu espero que a Cauge tome, vai ter praça, preservação ambiental. Só se impediria com um projeto de lei alterando a norma de 2001. Ou com desapropriação da área pela prefeitura.

Retirado do Jornal ZH, com alterações.

Pra quem não se lembra ou não conhece, este era o projeto anterior para a área do Estaleiro Só:



Categorias:Arquitetura | Urbanismo, Arranha Céus, ORLA, Pontal do Estaleiro, Prédios, Reurbanização

Tags:, , ,

85 respostas

  1. Porque a moderação? Usei alguma palavra imprópria??

    Curtir

  2. Acho que a única esperança que temos para que saia alguma coisa sem a interferência dessa turma que já tirou tantos projetos belos dessa cidade é que a maioria dessa corja do estraga tudo já se encontra em idade avançada em que muitas pessoas infelizmente só servem ainda para incomodar os outros. Resta torcer para que não tenham muitos seguidores…Dá muita raiva ver um projeto de 1988 que ainda hoje estaria bem atual e ter que ouvir dessa gente dizendo que encheria a orla de espigões, quando na realidade vi apenas dois prédios mais altos em torno de 20 andares em toda a extenção do projeto que parece começar no Gasometro e terminar no Pontal. Gostaria apenas por uns instantes saber o que se passa na cabeça dessa gente que sente tanto prazer em ser contra tudo que traria ou trará melhorias para a cidade e para eles próprios!

    Curtir

  3. Reparem nesse ultimo paragrafo do texto escrito num blog ecoXXXXta em 2009:

    “…Vencendo o NÃO, continuaremos precisando de respaldo para começar uma nova batalha, com força, união e ações, visando adequar a Ponta do Melo com equipamentos condizentes, para dar continuidade ao espaço de Orla maravilhoso, que se estende desde a Usina do Gasômetro até aquele belíssimo local! Para que esse parque público aconteça, necessitamos, primeiramente, contar com todos, dizendo NÃO ao Pontal do Estaleiro!!…”
    http://rsurgente.opsblog.org/2009/08/22/neste-domingo-todos-devem-dizer-nao/

    Tenhamos cuidado…..Os hipocritas do atraso nao vao sossegar!!

    Curtir

    • Podem aproveitar e ler esse post dele também: http://rsurgente.opsblog.org/2012/07/24/o-exemplo-de-tarso-genro-que-o-pt-abandonou/

      Não é coincidência… Essa cidade vide a “idade das trevas” do esquerdismo acéfalo.

      Curtir

    • Leiam esse trecho deste mesmo site “Estamos lutando tanto ou mais como em 1988! Nesse ano houve a fantástica subida na Chaminé do Gasômetro, por militantes da AGAPAN. Naquela época, éramos contra o “Projeto Praia do Guaíba”. Se esse ato não tivesse acontecido, a ORLA, a partir do Gasômetro, estaria atualmente repleta de espigões!

      Concomitante à subida da Chaminé, houve uma forte manifestação na Câmara de Vereadores, um abraço ao rio/lago Guaíba, entre outros eventos. Essa atitude forte e positiva da população porto-alegrense e gaúcha foi divulgada até mesmo em noticiários do centro do país! E conseguimos salvar aquele ma-ra-vi-lho-so trecho de ORLA, que é referência para todos os cidadãos de POA!

      Eles estão se referindo a esse projeto da Praia do do Guaíba http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?t=496410

      Curtir

  4. O Pontal, mais do que uma discussão ecológica sobre a orla, deveria ter recebido uma discussão urbanística – que levasse obviamente em questão preservação da orla.

    E em questões de urbanismo, realmente não acho que Porto Alegre precise de mais um parque naquele ponto. Precisa de algo que atraia movimento dia e noite, noite e dia, durante a semana e fim de semana, aproveitando o combo Iberê+Barra Shopping.

    Minha torcida é para que haja atrações noturnas para atrair gente e um local público que permita desfrutar a cidade ao ar livre. Imagina que tri ficar por ali sentadito na orla naquelas noites quentes de verão. Bom demais!!

    Curtir

  5. Felipe X

    Basta a prefeitura exigir mais das construtoras para prédios altos.
    Não aceitar qualquer projeto, criar uma comissão sobre a arquitetura e urbanismo da cidade (mas algo de verdade, com arquitetos de verdade, pessoas que pensam na cidade)…
    Mas claro que isso é um sonho né…

    E o Trend apesar de não ser coisa grande, pra feio não serve.. haha ele com 40 andares e mais uns prédios de 30 na região iriam formar um belo skyline.

    Curtir

  6. Confio no bom gosto do Debiaggi.

    Curtir

  7. Fiquei todo esse tempo após a votação esperando para que saisse algo bem mais alto que os 12 andares do projeto anterior que eu achava maravilhoso, mas nesse caso valeu a espera, 26 andares já está dentro do que eu sonhava que agora passa a ser realidade. E para os do contra altura, prédios altos são atração turistica sim, isso mundo afora até na Europa com um dos primeiros que foi o da Pirelli em Milan de 127m com restaurante e uma ótima vsita no último andar, servindo de cenário para vários filmes da época, sem falar dos ícones bem mais altos que atraem milhares de visitantes como no caso do Empire State, Sears Tower, a Torre se Seatle da década de 60 que a partir dela a cidade tomou outro rumo e se modernizou. Nada melhor para esses eco…x…m. que não souberam votar, muito menos enternder a pergunta sobre o que estavam votando. Que seja bem vindo a ‘Ecco Building Tower’!

    Curtir

    • Mullher, é verdade que ALGUNS prédios altos viram pontos turísticos mas saí te pergunto: o Santa Cruz é? O Império do Sol (em Caxias) é? Não, sabe por que?

      Por que não tem importância arquitetônica, não são bonitos, não estão em lista de recordes e nem tem um diferencial, como o restaurante panorâmico que falaste. E certamente essa obra do pontal não vai ter.

      Curtir

      • Mas por isso mesmo,é um projeto especial, é essa a diferença.

        Quando falamos de um prédio alto, um marco, ninguem fala do Santa Cruz (que de alto não tem nada), falamos de um marco para a arquitetura.

        Curtir

        • Cara, lamento te informar, mas projeto especial em POA é o Trend, com 20 e poucos andares e nada de icônico. Essa cidade não investe em arquitetura, não ousa nem um pouco. Não esperem que do nada vai vir uma torre gigante e linda.

          Curtir

      • Seria interessante que pensassem em colocar algum restaurante ou ou seja lá o que for para proporcionar alguma vista do alto já que na torre da Claro não é premitido esse acesso e nem sequer o Morro Santa Tereza oferece segurança para uns minutos de contemplação. Quanto a arquiterura diferencia concordo que é um referencial, mas não tudo, O Sears não é nada bonito aos meus olhos, e nem o Itália em SP pode se dizer que tenha alguma relevância arquitetônica, mas tem um restaurante no topo com ótima vista.

        Curtir

  8. aquela votação que teve anos atrás, de quem era a favor e contra a construção na orla, não foi justa ao meu ver, pois me lembro bem que quem era contra a construção venceu disparado, e ao meu ver, quem queria assim como eu a construção dos edificios, não se prestou a sair de casa ir até o local de votação votar, ou pelo menos foram minoria pois quem se prestou a ir votar eram as pessoas contra que não queriam de jeito nenhum o Pontal, tinham até faichas e camisetas

    Curtir

    • o problema é que teria de ser obrigatorio o voto, se não, nunca seria justa a votação.

      Mas todos sabem que a maioria é afavor do Pontal, o problema que quem se mobilizou, criou as mentiras e foi votar, foram os do contra…

      Curtir

  9. HAHAHHAHAHAHAA Puts!

    Curtir

  10. Agora pensem comigo…. se o povo não sabe vota na escolha de uma obra para a cidade, imagina se vai saber votar pra prefeito e governador?

    Situação complicada…

    Curtir

  11. Apoio 50 reais pra criar uma faixa e por nos tapumes (acho até que a construtora iria apoiar pra por em algum guindaste.. haha)

    “Engole o espigão, ecossauro”

    sahusahuauashuashasu

    Curtir

  12. Se o voto do povo não foi errado, então perfeito, a maioria concordou na construção de um prédio comercial de até 26 andares e a opção de não fazer praças e areas publicas no local.

    Curtir

  13. Quero ver se essa mesma turminha de ecossauros vao reclamar da 12 torres de 26 andares que vao construir no local do Estadio Olimpico!??!?!….ou dos blocoes da Terras Nature da Bento Goncalves?? ou dos pombais no entorno da Arena??….E’ claro que nao!!
    Pelo jeito o “vento”, o “esgoto cloacal” e a “saturacao” das vias publicas so atrapalham perto da ORLA!!!!
    Hipocrisia dos Eco….

    Curtir

  14. Gilberto Simon, não sabia que tinha essa barbada para projetos especiais.

    Pena que nunca criaram um belo e alto projeto especial para a cidade…

    Curtir

  15. a leroy merlym ta acertada já pra ter uma área ali, gente não ia faltar, alem do terminal do catamarã. podiam fazer rápido, não aguento mais aquele vazio. quero ir no ibere e passear na praça que terá ali. alguem sabe da torre do shopping boulevard?

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: