Rua José Montaury terá circulação de carros à noite

Como sempre, o Jornal Metro nos traz novidades sobre a cidade. Parabéns ao Metro!

 

Jornal Metro – Porto Alegre – 23/08/2012



Categorias:Revitalização do centro

Tags:,

38 respostas

  1. Acho absurdo permitirem cada vez mais carros no centro de Porto Alegre. A Pça XV ficou horrível com aquele estacionamento, se foi para isso que tiraram os camelôs acho o fim, se bem que para mim eles não existiam, jamais comprei alguma coisa ali, eles só atrapalhavam o meu caminhar…..esta semana passei por lá e havia uma fila de carros esperando vaga…..acho que no centro quem vai de carro que coloque em garagens pagas, é o ônus para quem sempre quer andar de carro….
    Guilherme sem querer ser chata e já sendo, o prédio do Guaspari esta “sob” o latão e não sobre…..e ao lado havia o Ed Malakof primeiro arranha céu de Porto Alegre……..

    Curtir

  2. Será que o propósito desta abertura ao trânsito de automóveis não é simplesmente proporcionar acesso (de clientes “qualificados”) ao Chalé da Praça XV?

    Curtir

  3. Essa ja e’ a 2a reportagem que eu comento e meu poost nao aparece!?!?!?!?!!?!?!?!

    Curtir

  4. Abrir a rua para circulação de veículos à noite não é a proposta mais absurda. Absurdo mesmo é gastarem milhares de reais para isso quando poderiam investir esse dinheiro para qualificar o transporte público ou construir mais ciclofaixas.

    Curtir

  5. Ah, e essas lâmpadas aí são bem feias, devem ser as mesmas desde a década de 80. Poderiam usar ou uma com design moderno e inovador ou alguma estilo antigo, tipo as da Praça da Alfândega.

    Curtir

  6. Tudo bem, mas uma dúvida, quem passa lá de noite? Alguém com muito ódio da vida, só pode.

    Curtir

  7. Chegaram ao ponto.
    Agora só falta entender que proibir carros não vai fazer com que o transporte publico melhore, só vai lotar mais.

    Isso só vai mudar quando a prefeitura colocar uma lotação maxima nos onibus, onde ninguem vai morrer sufocado, ou ficar se esfregando em outros.

    Alias, Porto Alegre poderia ter uns onibus com ar e um preço um pouco mais alto, eu pagaria tranquilamente por esse conforto.
    Só em saber que com isso eu não iria precisar me esfregar em gente desconhecida, ja seria uma alegria na minha vida.
    Mas nem isso a cidade tem.

    E onde eu moro as lotações não fazem os caminhos que eu mais preciso, e até então, não usam o TRI.

    Curtir

    • A gente tem que se acostumar que as vezes é necessário pegar dois ônibus, e hoje a segunda passagem é gratuita.

      Fora isso, concordo sobre o ar, e acho que transporte público devia ser isento de diversos impostos e a tarifa ser reduzida a força na mesma proporção. Melhor mesmo se a passagem fosse gratuita.

      E as empresas responsáveis pelas linhas de ônibus deveriam receber pela quantidade de “vagas” disponibilizadas nas linhas e não por quanto passageiros transportam (com limites, claro). Desta forma estariam sendo estimuladas a ofertar mais vagas, enquanto hoje são estimuladas a abarrotar os veículos.

      Mas claro, para isso alguém na EPTC tem que pensar e licitações novas tem que ser feitas.

      Mobus, desculpe por roubar algumas idéias tuas hehe.

      Curtir

    • Com esse tal BRT, as paradas serão fechadas e com ar-condicionado. O motivo é simples. Haverá poucos ônibus, que serão enormes, sempre lotados e com um grande intervalo de tempo entre um e outro. Eeeh, Oooh, vida de gado!

      Curtir

%d blogueiros gostam disto: