Reformulação do Parque Assis Brasil terá participação da iniciativa privada

Reforma completa deverá ficar pronta somente em 2020

Projeto de reformulação do Parque Assis Brasil Crédito: Reprodução

No segundo dia da 35ª Expointer, em Esteio, o secretário estadual da Agricultura, Luiz Fernando Mainardi, apresentou o projeto de reestruturação do Parque de Exposições Assis Brasil. A ideia é buscar financiamento através de Parceria Público-Privada (PPP). A remodelação custará aproximadamente R$ 370 milhões e a previsão é que o parque gere receita para a manutenção com a utilização da área durante o ano para diversos eventos. O projeto prevê uma concha acústica, hotel e Centro de Eventos.

Mainardi aponta que ainda deverá haver um espaço permanente para a Associação Brasileira de Criadores Cavalos Crioulos, o Núcleo do Cavalo. Além disso, o secretário ressaltou que já existem interessados em financiar o projeto. “Já temos vários interessados em participar de uma licitação ou uma PPP”, destacou.

O governador Tarso Genro assinou a lei que autoriza a criação de uma empresa pública vinculada à Secretaria da Agricultura, que será a responsável por explorar comercialmente o parque. Dentro de duas semanas, o projeto deverá ser enviado para apreciação na Assembleia Legislativa. Segundo Mainardi, R$ 20 milhões já estão garantidos para a reforma, parcela proveniente do empréstimo realizado pelo Governo do Estado com o BNDES.

Após o fim da Expointer deste ano, o secretário projeta que comecem as reformas das pistas, além da reformulação do Pavilhão da Agricultura Familiar. Já a reforma completa deverá ficar pronta somente em 2020 e é “um projeto de Estado, não de governo”, destacou Tarso Genro.

A Farsul, o Sindicato das Indústrias de Máquinas e Implementos Agrícolas (Simers), Associação Brasileira de Criadores Cavalos Crioulos (ABCCC) contrataram o Escritório M.Stortti para realizar o projeto arquitetônico.

_____________________

_____________________

Correio do Povo



Categorias:Arquitetura | Urbanismo, Paisagismo, Prédios

Tags:, ,

11 respostas

  1. Por que tudo demora tanto?

    E, Meu Deus, por que mais uma EMPRESA PÚBLICA? Não faz o mínimo sentido criar mais cargos públicos para administrar um parque de exposições!!!!!!!!

    Curtir

  2. Bah, a região metropolitana vai bombar em 2020! Ponte do Guaíba, metrô(que provavelmente se enrolará até esse ano). Falta pouco gente! Vamos ser pacientes, só 8 aninhos! Ah: Tô debochando, lógico.

    Curtir

  3. O Oceanário desistiu oficialmente em nota divulgada à imprensa em Julho desse ano. O blog não catou essa, mas foi matéria de capa dos jornais do Grupo ABC no dia.

    Curtir

  4. Nossa, 8 anos para reformular um parque.
    Espero que na inauguração tenha um evento, tipo Rock in Rio. Pra demorar tanto no mínimo terá uma estrutura descente né?! hehe

    Curtir

  5. Podemos dar adeus ao oceanário então?

    Curtir

  6. 2020? Alguma piada?

    Curtir

  7. Imagina se isso é proposta de outra governo? Iam começar imediatamente uma companha contra a privatização do mais importante Parque de Exposições do RS.

    Curtir

  8. Em 2020????? Vão construir uma filial da Disney aqui, ou uma nova cidade? Uma reforma demorar tanto? Sério???

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: