Segurança será fortalecida em Porto Alegre para a Copa de 2014

Centro Integrado de Comando e Controle permitirá otimização de recursos e retorno em tempo real

Porto Alegre contará com novos equipamentos para ampliar e fortalecer a segurança durante a realização da Copa do Mundo de 2014. O mais importante é o Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), que será instalado nos dois primeiros andares da Secretaria Estadual de Segurança Pública. O equipamento, que estará interligado ao CICC nacional, em Brasília, permitirá a otimização dos recursos humanos e retorno em tempo real das ações na área de segurança.

Para garantir o devido funcionamento foi contratada uma consultoria. A empresa inglesa KPMG é a mesma que atuou na organização do sistema de segurança de Londres durante os Jogos Olímpicos deste ano. “Eles já estão trabalhando no Brasil, visitando os locais e verificando o que é necessário para que tudo esteja pronto seis meses antes da Copa”, afirmou o presidente da comissão estadual de Segurança Pública e Defesa Civil para Grandes Eventos, delegado da Polícia Federal Sérgio Henrique Silva da Silva.

Segundo ele, esse será um dos grandes legados deixados pela Copa no Brasil. Depois do evento, o serviço estará disponível para a Polícia Rodoviária Federal (PRF). A avaliação ocorreu na manhã desta terça-feira, durante reunião mensal do grupo, que é formado por representantes de diversas áreas nos âmbitos do governo federal, estadual e municipal. A comissão é coordenada pela Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos do Ministério da Justiça.

No encontro, Silva aproveitou para fazer um balanço sobre os equipamentos que estão sendo adquiridos na área de segurança para a Copa. Está em processo de aquisição o “imaginador aéreo”, que é instalado em aeronaves e permite visão noturna e um grande acompanhamento panorâmico de grandes extensões de área. Outro utensílio é a plataforma de elevação, que será adotada no Estado em um caminhão com cabine elevada, para viabilizar o monitoramento amplo, ideal para gerenciamento de crises ou de multidões.

Também será adquirido o Centro de Comando Móvel, que servirá para dar apoio às operações. A aquisição desse tipo de veículo e tecnologia está em avançado processo de licitação, explicou o presidente da comissão. Já a compra de “tecnologia embarcada ou móvel” deverá ter a licitação aberta apenas em 2013. Isso ocorre em função da dificuldade para definição de que tipo de equipamento será adquirido, ressaltou Silva.

O encontro de hoje reuniu representantes da Polícia Civil, Brigada Militar, Departamento Estadual de Trânsito do Rio Grande do Sul (Detran), Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), Defesa Civil, entre outros departamentos relacionados.

Correio do Povo



Categorias:COPA 2014, segurança

Tags:, ,

5 respostas

  1. Ai no brasil as autoridades acham a bandidagem e chacinas semanais uma coisa exotica e interessante, mas os estrangeiros nao acham isso nao! Imagina se comecam a matar a gringalhada como fazem normalmente por ai???? Nao vai pegar bem, e a reacao nao sera esta coisa ridicula de vestir uma camiseta branca e dar voltinhas na quadra pedindo paz!!

    Curtir

  2. Como é que vão fortalecer uma coisa que não existe?

    Curtir

  3. Novos vagoes do trensurb. So que nao.

    Curtir

  4. E quando é que vão fortalecer a segurança para todo os outros dias?

    Curtir

    • Pensei a mesma coisa.

      Se continuar com a mesma quantidade de policiais que temos hoje, vai ser mais ou menos assim: todos os policiais focados em proteger as áreas em torno dos estádios, e o resto da cidade/estado a bangu, com os marginais atacando….

      Curtir

%d blogueiros gostam disto: