Imagens: “Rota do Pedestre” somente em português (atualizado)

Recebemos estas fotos tiradas por leitora que mostra duas placas da sinalização turística de Porto Alegre, específica para pedestres.

Notem que as placas estão exclusivamente no idioma português. Não seria o caso de colocarem em pelo menos mais um idioma, o inglês?

Estamos a menos de 2 anos da Copa 2014 e começam um projeto de sinalização turística em apenas um idioma?

No mínimo estranho.

Ou será incompetência de quem organizou o projeto?

Foto: Laura Souto

Foto: Laura Souto

 

_______________________________________

CONTRAPONTO PREFEITURA

A Coordenação de Projetos da Secretaria Municipal de Turismo esclarece que as placas são do projeto de Sinalização Turística para Pedestres no Centro Histórico, em implantação. No total, serão 140 placas, sendo 111 entre “indicativas” e 29 “interpretativas”.

O projeto das placas obedece ao que determina o Guia Brasileiro de Sinalização Turística, que define tamanhos e padrão das placas para esse tipo de sinalização. As chamadas placas “indicativas” têm tamanho menor que não comporta mais de um idioma, além de serem usadas para indicar atrativos turísticos, na maioria nomes próprios que não costumam ser traduzidos.As placas “interpretativas”, de piso e de parede, são de tamanho maior porque acrescentam informações sobre atrativos. Neste caso, elas trazem informações em três idiomas (português, espanhol e inglês)

Eliana Zarpelon
elianaz@turismo.prefpoa.com.br
http://www.portoalegre.rs,gov.br/turismo



Categorias:Sinalização, TURISMO

Tags:, ,

28 respostas

  1. OLha, como DESIGNER GRÁFICO esse negócio que pelo tamanho não cabe duas línguas é BA-LE-LA. Passa isso pra mim que eu encaixo duas linguas ali com facilidade.

    Curtir

  2. Olha, o único país que visitei que tinha esse tipo de placa em inglês foi os EUA. Recentemente fui na Itália e era tudo em italiano. Nessa aí concordo com a prefeitura. O que tem que estar em inglês é o mapa, o guia, etc… Querer placas pela cidade toda em inglês é provincianismo.

    Curtir

  3. A Coordenação de Projetos daSecretaria Municipal de Turismo esclarece que as placas são do projeto de Sinalização Turística para Pedestres no Centro Histórico, em implantação. No total, serão 140 placas, sendo 111 entre “indicativas” e 29 “interpretativas”. O projeto das placas obedece ao que determina o Guia Brasileiro de Sinalização Turística, que define tamanhos e padrão das placas para esse tipo de sinalização. As chamadas placas “indicativas” têm tamanho menor que não comporta mais de um idioma, além de serem usadas para indicar atrativos turísticos, na maioria nomes próprios que não costumam ser traduzidos. As placas “interpretativas”, de piso e de parede, são de tamanho maior porque acrescentam informações sobre atrativos. Neste caso, elas trazem informações em três idiomas (português, espanhol e inglês).

    Curtir

    • Acho que esse guia não é uma lei, não precisavam seguir um guia que não é adequado.

      Curtir

    • Estados e municípios sempre reclamam da intromissão de Brasília, mas são os primeiros a se escorarem em guias inadequados, mesmo sem necessidade.

      Curtir

    • Justificativa de pensamento miudinho e de cidade sem a mínima vocação turística. Pelo menos o titulo da placa, “Rota do Pedestre”, deveria ser traduzido, já que os nomes próprios não o são. Ao menos o turista saberia o que indica aquela placa. Mas, pior que isto, é a sinalização de indicação de trânsito: não levam a nada nem a lugar nenhum. Imagine você sair da zona sul, por exemplo, e tentar chegar no aeroporto (ou qualquer outro local como Centro, litoral, serra. Campanha ou qualquer outro): não vai conseguir nunca!

      Curtir

%d blogueiros gostam disto: