Fórum de Governança do Turismo se mobiliza pelo Aeroporto Salgado Filho

Entre as obras estão ampliação da pista e duplicação de terminal Foto: Samuel Maciel/PMPA

Em reunião nesta quarta-feira, 31, as entidades que integram o Fórum de Governança Local do Turismo de Porto Alegre decidiram, por unanimidade, organizar um calendário de mobilização pela execução das obras previstas para o Aeroporto Internacional Salgado Filho no plano de investimentos da Infraero dentro dos prazos previstos, entre as quais estão a ampliação da pista e a duplicação do terminal 1 de passageiros.

No encontro, lideranças do trade turístico defenderam que tais investimentos precisam acontecer independentemente de outros projetos que surjam para um novo aeroporto na Região Metropolitana, principalmente tendo em vista a Copa do Mundo de 2014. “Se há mais de dez anos se fala na ampliação da pista do Salgado Filho, quanto tempo será necessário para um terminal novo?”, questionou o presidente do Conselho Curador do Porto Alegre e Região Metropolitana Convention & Visitors Bureau, Norton Lenhart, destacando as carências que o terminal já apresenta com o aumento do fluxo. Para o dirigente, o fato de contar com um aeroporto dentro da cidade “é uma vantagem competitiva que a Capital e o turismo não podem abrir mão”.

A presidente da ABAV-RS, Rita Vasconcelos, reforçou que a ampliação da pista para receber aeronaves de grande porte é fundamental para a manutenção dos atuais voos internacionais que passaram a operar no Salgado Filho e as novas conexões que Porto Alegre ainda pode receber. “As companhias precisam combinar passageiros e carga para viabilizar economicamente suas operações”, alertou. O presidente da Frente Parlamentar de Turismo, vereador João Carlos Nedel, participou do encontro.

A reunião marcou a retomada das atividades do Fórum de Governança Local do Turismo de Porto Alegre como espaço de articulação e organização das entidades em torno das questões que dizem respeito ao desenvolvimento do setor. “O colegiado foi quase absorvido pela Câmara Temática de Turismo e Hotelaria do Comitê Local da Copa 2014, há cerca de um ano, e sentimos a necessidade de reativar sua inserção nos grandes temas que envolvem a cidade e o setor”, afirmou o secretário municipal de Turismo, Luiz Fernando Moraes. Além do Salgado Filho, foi destaque nas discussões a importância da Capital contar com mais espaços para eventos, entre outros temas.

Prefeitura de Porto Alegre



Categorias:Aeroporto Internacional Salgado Filho, COPA 2014, TURISMO

Tags:, , ,

6 respostas

  1. Parabéns pela cobertura do blog nessa matéria!

    Curtir

  2. Conforme a lei nº LEI Nº 12.604, DE 19 DE OUTUBRO DE 2006, e
    os arts. 221, 222, 223 e 240 da Constituição do Estado do RS, o que o Fórum de Governança Local do Turismo de Porto Alegre tem feito pelo Patrimônio Histórico, Cultural e Turístico do Estado do Rio Grande do Sul o Complexo Cultural do Porto Seco,

    Ou, só a COPA do MUNDO os interessa????

    ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL
    ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA
    Gabinete de Consultoria Legislativa
    LEI Nº 12.604, DE 19 DE OUTUBRO DE 2006.
    (publicada no DOE nº 200, de 20 de outubro de 2006)
    Declara integrante do patrimônio histórico, cultural e turístico do Estado do Rio Grande do Sul o Complexo Cultural do Porto Seco, localizado no Município de Porto Alegre.
    O GOVERNADOR DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL.
    Faço saber, em cumprimento ao disposto no artigo 82, inciso IV, da Constituição do Estado, que a Assembléia Legislativa aprovou e eu sanciono e promulgo a Lei seguinte:
    Art. 1º – Fica declarado como integrante do patrimônio histórico, cultural e turístico do Estado do Rio Grande do Sul, nos termos e para os efeitos dos arts. 221, 222, 223 e 240 da Constituição do Estado, o Complexo Cultural do Porto Seco, localizado no Município de Porto Alegre.
    Art. 2º – Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.
    PALÁCIO PIRATINI, em Porto Alegre, 19 de outubro de 2006.
    FIM DO DOCUMENTO http://www.al.rs.gov.br/legis
    1

    Curtir

  3. É incrivel, olha o ponto de mobilização que precisamos chegar para que os governantes pensem em algo.. (pensar não significa fazer)…
    Coisas tão obvias…..
    tsc tsc tsc

    Curtir

  4. agora sim, tem que ser assim mesmo, investir no que pode melhorar ainda, se o SF não tivesse mais o que melhorar eu até concordaria, mas ele pode ser melhorado e muito, so não enxerga isso quem não quer

    Curtir

  5. É o que eu estou tentando me fazer entender…. Os interessados (nós) devemos pressionar os políticos. Toda e qualquer política pública deve levar em consideração o que nós, os utilizadores, necessitamos. Não necessitamos abandonar o SF a espera de um novo aeroporto, que deve sair em 2100. Devemos pressionar diariamente para a melhora do SF e também para um novo aeroporto, até porque este novo aero seria em forma de ppp. Logo fica tudo lindo. O SF modernizado e com capacidade para receber voos até de marte e um novo aero também com esta capacidade, porque não adianta fazer algo meia boca como foi visto nos projetos preliminares. Pronto falei.

    Curtir

  6. Acho bom mesmo a prefeitura e os operadores de turismo se mobilizarem, pois se não for assim o Beto Albuquerque mela as obras no Salgado Filho.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: