O absurdo das sinaleiras da Terceira Perimetral

Um leitor nos escreve e manda estas fotos, com o intuito de relatar algo absurdo em uma das principais vias de Porto Alegre, a Terceira Perimetral e seus milhões de semáforos.

Nesse final de semana, ao trafegar pela via, me deparei com a instalação de mais um semáforo, na altura da Rua do Presídio.

Abaixo uma foto da primeira sinaleira depois do cruzamento da perimetral com a Avenida Bento Gonçalves (550m depois do cruzamento):

  sinal01

Nada contra sinaleiras para pedestres, apenas para demonstrar quantas sinaleiras existem em um trecho de menos de 1km. Agora mais um semáforo, no cruzamento com a Rua do Presídio:

sinal02

E por fim, um pouco mais adiante, o mais novo semáforo da Terceira Perimetral, esquina com a Rua Mário de Aragão:

sinal03



Categorias:Meios de Transporte / Trânsito

Tags:, , ,

40 respostas

  1. POA é a capital das sinaleiras, agora queria saber se o pessoal que reclama aqui das sinaleiras, não faz parte da maioria dos motoristas desta cidade que andam virando a roda, trancando todo trânsito, ai quando o sinal fecha, passa no vermelho! o gaúcho adora fazer isto, e quando você quer trocar de pista, da o sinal, e o motorista que esta atrás acelera por gosto p/ não deixar hahaha, Gaúcho ama fazer isto! Sem falar outras coisas! Estou mentindo? E eu sou totalmente contra correr, agora andar a 20, 30km/h é fogo! Sem falar que a gaúchada é muito manca no volante, os piores e mais mal educados motoristas do pais, e eu que estou dizendo isto sou Porto Alegrense.

    Curtir

    • Gente que tranca cruzamento é foda.
      Ainda terei um batmóvel da vida de titâneo com garras no para-choque e quando alguem trancar um cruzamento encostar ele nos carros alheios, só para riscar litros.

      Curtir

  2. Melhor do que ter que caminhar 300 metros para atravessar uma rua. Não achas?

    Minha visão, como pedestre.

    Curtir

  3. O correto seria a EPTC pegar o mapa de sinaleiras da cidade, chamar motoristas de ônibus, taxistas, usuários das vias, motoristas ou não, pedestres principalmente em reuniões de grupos em vários horários da semana, para muitas pessoas irem lá e falar com os tecnicos que anotariam as queixas, as propostas de mudança, voltando a um grupo técnico para reavaliar o conjunto delas.
    Vou aproveitar este debate e passar isto ao Vanderlei Cappellari – venderleicappellari@eptc.prefpoa.com.br – atual e secretário que se mantem – para uma análise.
    Espero ter contribuído com este debate.
    Adeli Sell

    Curtir

    • Aproveita e pergunta por que o Vanderlei Capellari não coloca nenhum semáforo de pedestre nas esquinas com semáforos SEM FASE ESPECÍFICA PARA PEDESTRE, desse modo reforçando o Artigo 38, parágrafo único do CNT que especifica a preferência do pedestre nas conversões. Pergunta também para ele por que que não existe uma multa por desrespeito à faixa em Porto Alegre. E se não for pedir muito, pergunta também por que as ciclovias de Porto Alegre foram desenhadas de modo que o carro tem estabelecida a preferência em função da instalação de semáforos específicos para ciclistas quando o ideal seria que os ciclistas cruzassem as transversais junto com os veículos somente tendo prioridade em relação aos veículos que convertem. Se ele tiver resposta para uma dessas perguntas eu ficarei surpreso, muito surpreso.

      Curtir

    • Chamar os motoristas só? E os pedestres??

      Curtir

  4. quase ninguém deve atravessar esses semaforos, apenas quando o shopping Belvedere sair do papel…

    Curtir

  5. Esse novo semáforo na verdade só será utilizado quando forem feitos os desvios na Perimetral por conta da obra do viaduto da Bento. Os carros que vem do Norte pela Perimetral serão desviados, e voltarão pela Rua Mário de Aragão.

    Curtir

  6. se ao menos fossem bem sincronizada ainda não teria problemas, porém elas não são,

    tem algumas soluções simples que ajudariam muito como por exemplo colocar quanto tempo falta para fechar a sinaleira assim os carros poderiam diminuir um pouco a velocidade ou aumenta um pouco fazendo com que o trafego não necessitasse parar,

    porem um dos maiores erros de projeto nessa perimetral é as faixas de segurança que não são alinhadas, as pessoas não atravessam na faixa pois tem que caminha toda parada de ônibus, isso expõem os pedestres a um risco muito alto pois os motoristas não estão esperando alguém através fora das faixas nessa situação.

    Curtir

  7. Eu não tenho problemas com as sinaleiras da perimetral. Ponho sessentinha e me vou embora. Tenho é problema com os portoalegrenses lerdos que insistem em andar a 40, 50Km/h, fazendo o paredão da barbeiragem e obrigando todo mundo a parar na sinaleira.

    Curtir

    • Eu adoro ser “lerdo” no trânsito.Nas raras vezes que dirijo,não passo de 50km/h dentro da cidade.Acho engraçado como o motorista porto alegrense fica bravo por não poder dirigir de forma agressiva porque estou na frente dele em uma velocidade que gera pouquíssimo risco para mim,para os ciclistas e para os pedestres. Abaixo a pressa!

      Curtir

      • Motorista portoalegrense gosta de matar gente.

        Curtir

      • “Abaixo a pressa?” Não, Ricardo. Abaixo gente colona que não se importa com o resto do mundo. PoA é movimentada; quer andar devagarzinho, sem atrapalhar ninguém, vai pra Tenente Portela. Aliás, ando sempre no limite de velocidade e respeito os pedestres mais do que qualquer outro motorista em Porto Alegre; aposto isso contigo.

        Curtir

        • Não.Fico em POA mesmo,andando devagar(dentro do limite mínimo de velocidade) e os incomodados que mudem de faixa!

          Curtir

        • Aiai… o limite mínimo, desculpa sempre usada pelo pessoal da roça quando vem dirigir na cidade grande. Então vamos ler a segunda parte do artigo 62, que diz:
          Art. 62. A velocidade mínima não poderá ser inferior à metade da velocidade máxima estabelecida, respeitadas as condições operacionais de trânsito e da via.
          E do artigo 43, inciso I:
          I – não obstruir a marcha normal dos demais veículos em circulação sem causa justificada, transitando a uma velocidade anormalmente reduzida;
          Mas isso não entra na cabeça dos colonos: andando no limite da via, não é criado risco e não atrapalha ninguém. Mais gente passa, há menor probabilidade de gerar engarrafamentos (mudar de faixa pra desviar de uma chicane ambulante atrapalha também, viu), a cidade anda e ninguém se incomoda.

          Curtir

        • Exatamente, Cecílio a mínima é 50% da máxima. Então a pessoa pode dirigir a 30km/h na perimetral sem “atrapalhar o trânsito”.

          “Colono” é quem acha que andar no limite da velocidade permitida é coisa de “descolado”, de gente de cidade grande. Isso sim é um pensamento limitado.

          Curtir

        • Por isso mesmo, Marcelo, que as sinaleiras são sincronizadas para 30Km/h, certo?

          Curtir

        • Eu não sei pra qual velocidade as sinaleiras são sincronizadas, só sei que a EPTC é péssima em engenharia de trânsito. Faz vias que estimulam as altas velocidades, ao invés de incentivar motorista a respeitar a lei e principalmente a vida dos outros.

          Na minha opinião a máxima na cidade deveria ser reduzida para 50km/h e nas vias locais e residenciais para 30km/h. Mas tudo isso com fiscalização, pois hoje o limite é 60, 40 e não existe fiscalização alguma além dos pardais.

          Curtir

    • 60km/h é a velocidade máxima. Quem anda a menos que isso não é “lerdo”. É quem respeita a lei.

      Curtir

  8. Olha, estando sincronizados eu não vejo problema em ter mais semáforos.

    Curtir

  9. Sincronizaram ao menos?

    Curtir

  10. Dois absurdos: excesso de semáforos e mobiliário urbano feio, mal-cuidado e despadronizado.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: