Milhares se reúnem para homenagear vítimas de incêndio em Santa Maria

Silêncio e lágrimas incontidas marcaram orações em frente à boate

Choro incontido marcou passagem de familiares pela boate.  Crédito: Tarsila Pereira

Choro incontido marcou passagem de familiares pela boate. Crédito: Tarsila Pereira

Milhares de pessoas, quase todas trajadas de branco, percorreram as ruas de Santa Maria, na noite desta segunda-feira. Amigos e familiares homenagearam as 231 vítimas de incêndio na boate Kiss, segurando balões, cartazes e faixas a partir da praça Saldanha Marinho.

A mobilização foi organizada pelo Diretório Central de Estudantes (DCE) da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), da qual 101 dos que perderam a vida eram alunos. A caminhada refez o trajeto dos corpos após a tragédia, passando pela boate. No local, a Brigada Militar permitiu que parentes fizessem suas orações e depositassem flores.

O silêncio tomou conta da grande fileira de pessoas na rua dos Andradas, rompido apenas pelo choro de amigos em familiares em seu luto e despedida. Depois disso, dirigiram-se ao Centro Esportivo Municipal, onde foi realizado o velório coletivo.

Por onde passou, a multidão angariou a simpatia. Pessoas mostravam cartazes com fotos de seus entes queridos que perderam a vida na tragédia. Outros, de cabeça baixa, assistiam à passagem de jovens, muitos sobreviventes da tragédia com choro e lágrimas incontidas.

Procissão lotou caminho da boate até Centro Esportivo Municipal em Santa Maria. Foto Antonio Scorza/AFP/CP

Procissão lotou caminho da boate até Centro Esportivo Municipal em Santa Maria. Foto Antonio Scorza/AFP/CP

Correio do Povo



Categorias:Outros assuntos

Tags:, , ,

1 resposta

  1. Os cartazes da primeira foto me levam a crer que o título deveria ser “Milhares se reúnem para protestar pelas vítimas de incêndio em Santa Maria”. Mas vindo dos grandes meios de comunicação protestar é algo feio, não é coisa de pessoas de bem. Homenagear sim, isso sim é de pessoas de bem.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: