Novamente, o basicão – atualizada

Passei ontem por uma pracinha que foi “reformada” pela Goldztein (ou teria sido a própria prefeitura, se alguém souber me ajude) ao lado do novo empreendimento Duo Concept, na Loreiro da Silva. Dado a grandiosidade do prédio que surgirá ao lado -ver render 1 abaixo- poderíamos esperar uma pracinha repaginada bem legalzinha.  Mas que nada. Sendo Porto Alegre, o que fizeram foi tacar oito apáticos  -sim, o que mais??? – jerivás em fileira indiana. E se deram satisfeitos com o “projeto paisagístico”.  Se bobearmos, as -sim, de novo!-  palmeiras (foto 2) que irão plantar na frente do prédio serão também jerivás.

duo-concept-2

duo-concept-1

Novamente: não há novo empreendimento paisagístico da cidade que não saia do basicão. Não há planejamento, cuidado, escolha de árvores frondosas, flores, harmonia, nada. A fórmula fácil de displicentemente jogar uns jerivás já cansou e aborreceu.

Nas montagens, sugestões do que poderia tersido feito. Clique para ampliar.

praça 00

praça 0

praça 2

praça 1

 

 

Uma versão com muitas flores e uma fonte  – NÃO seca! 🙂 E o local já assume um ares de Gramado e revira de ponta cabeça a imagem da cidade. Nada que requeira muito dinheiro. Mas é pena que nossas construtoras só pensem no lucro, não se preocupando com nossa cidade e o bem estar dos cidadãos.praça-3



Categorias:Outros assuntos

Tags:

34 respostas

  1. Enquanto a ARQUITETURA e o URBANISMO, ficarem somente na prancheta, atraves da ausncia da arte do PLANEJAMENTO da PAISAGEM NATURAL pelo campo do CONHECIMENTO, simplesmente s iremos ver COLAGENS, sem o mrito prioritada que o da QUALIDADE DA PAISAGEM.

    Quando iremos adotar PORTO ALEGRE com RESPONSABILIDADE e VISUAL, e no ser mais uma URBANOIDE

    Jamil Campos Vergara Arquiteto, Urbanista e Paisagista

    Curtir

  2. A simplicidade dessa “nova” praça só agrada alguns (inclusive eu) porque antigamente mais parecia um lixão. Precisa contrapartida de uma construtora para termos uma praça razoável? A prefeitura não tem competência pra fazer algo AO MENOS do nível que fizeram agora (que já não é grande coisa)? E olha que essa situação já vem de muito tempo…

    Curtir

  3. Concordo em gênero, grau e número contigo Marcelo. Meu, tantas árvores belas para optar e botam estas palmeirinhas. Poderia ser um espaço floridaço com ipês, jacarandás, cerejeiras, e outras. Ou então, algo mais na linha classuda que comporia bem com o empreendimento, com plátanos, cipestres, e outras do gênero. Mas, um paisagistinho (de)formado em algum cursinho chulé bota estas palmeiras patéticas. Urgh.

    Curtir

  4. eu gostei rs ficou um ambiente bem limpo

    Curtir

  5. Na minha modesta opinião nem deveriam ter dado consentimento para construirem naquela nesga de terreno, ali deveria ter saido uma praça, mas, o ” Money honey ” sempre fala mais alto. Muito concreto, pouca beleza, bolso cheio….

    Curtir

  6. Os petistas nao tem perigo nenhum de terem meu voto em um futuro proximo, mas confesso que o Adeli Sell subiu no meu conceito pela participacao eventual que faz aqui no blog, ja’ ha’ algum tempo. E’ rarissimo de ver um politico dando as caras; a maioria nem responde emails.

    Quanto ‘a essa postagem, devo dizer ao Marcelo que o basicao e’ justamente o que nos precisamos. Nao adianta pensar em quadros nas paredes, se o chao ta’ caindo aos pedacoes. Que facam o basico primeiro.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: