Município retoma posse de mais um terreno na Padre Cacique

Área é fundamental para a infraestrutura de apoio da Copa do Mundo de 2014   Foto: Divulgação/PMPA

Área é fundamental para a infraestrutura de apoio da Copa do Mundo de 2014 Foto: Divulgação/PMPA

Iniciou às 10h desta terça-feira, 22, a reintegração de posse de área do Município localizada na avenida Padre Cacique 1.555. O mandado de reintegração de posse foi expedido pelo juiz Martin Schulze, da 3ª Vara da Fazenda Pública do Foro Central, atendendo sentença favorável ao Município de Porto Alegre em ação de reintegração de posse movida contra a Guanabara Comércio e Representações LTDA. A área, superior a 3 mil metros quadrados, é fundamental para a implantação de infraestrutura de apoio para a Copa do Mundo de 2014.

Em fevereiro de 2009, a ação foi julgada em primeiro grau procedente. Na ocasião, foi concedido prazo de 30 dias para a empresa deixar a área. Após a interposição de inúmeros embargos de declaração por parte dos posseiros, a desembargadora Elaine Maria Canto da Fonseca, da 18ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça, mandou que fosse cumprida a reintegração de posse.

O cumprimento da ação será acompanhado pela Guarda Municipal e Brigada Militar. No decorrer da ação um dos proprietários resistiu e a Brigada Militar está no comando da operação.

Correio do Povo

__________________

BM acredita que homem que resiste a reintegração esteja armado

Proprietário de lavagem de carros se recusa a deixar o terreno em Porto Alegre

Gate foi acionado para auxiliar na rendição do homem, que estaria armado, segundo a polícia  Crédito: André Ávila

Gate foi acionado para auxiliar na rendição do homem, que estaria armado, segundo a polícia Crédito: André Ávila

O proprietário de um posto de lavagem de carros situado na avenida Padre Cacique, em Porto Alegre, que se nega a deixar o local para o cumprimento do mandado de reintegração de posse, estaria com duas armas, conforme o relato de vizinhos à Brigada Militar (BM). “Os vizinhos disse que já viram ele tanto com revólver como pistola, mas não temos como confirmar. A tendência é que ele esteja armado”, disse o tenente-coronel Altemir Silva de Lima, do 1º Batalhão de Polícia Militar (BPM). “Vamos dar tempo que ela saia”, afirmou. Segundo Lima, já foram feitas negociações.

O homem, de 50 anos, se recusa a sair da área para o cumprimento do mandado de reintegração de posse permitido à prefeitura da Capital. Ele alega que mora no local há 20 anos. A ação judicial faz parte das desapropriações para as obras da Copa do Mundo de 2014. Vários estabelecimentos estão sendo desocupados para a reforma do viaduto Dom Pedro I, na região.

O Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) da Brigada Militar (BM) foi acionado no final da manhã desta quarta-feira para auxiliar na rendição do homem. Segundo a BM, ele teria o registro de duas em seu nome.

De acordo com o relato de uma oficial de Justiça, ao tentar entregar o documento judicial para o proprietário, por volta das 10h, ele se recusou a deixar o local e se refugiou nos fundos do estabelecimento.

A Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) precisou bloquear a avenida Padre Cacique, nos dois sentidos, por causa da movimentação da polícia. O desvio é feito pela avenida Edvaldo Pereira Paiva (Beira-Rio). Pouco antes das 14h30min, o trecho foi liberado no sentido bairro-Centro da via. Conforme a EPTC, há congestionamento na região.

Em função do bloqueio, o acesso ao comércio local e ao Colégio Maria Imaculada está prejudicado. A escola informou que as aulas correm normalmente e que será possível, em função do transtorno, que os alunos entrem com atraso. Apenas eventuais provas serão transferidas para que ninguém seja prejudicado.

posse-terreno2

Correio do Povo



Categorias:Outros assuntos

Tags:, , ,

39 respostas

  1. Quero saber é quando vao tirar o MecAurio, o posto Shell, e as escolas de samba que sismam em continuar funcionando, alem da vila que tiraram uma parte mas tem gente ali ainda, pois vem seguido pessoas dali, pedir coisa nas casas aqui na rua em que eu moro.

    Curtir

  2. Aquela área é aterro e quem esta lá invadiu, como os governos não tomam providências no inicio das invasões depois tem que agir desta forma e causar polêmica. O Inter ganhou aquela área até hoje não sei o Por quê?

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: