“Parte de baixo do Mercado está intacta”, diz perito

Perícia conta com dois agentes para avaliar estragos e descobrir causas do incêndio

Parte de baixo do Mercado está intacta, diz perito  Crédito: Vinícius Roratto

Parte de baixo do Mercado está intacta, diz perito Crédito: Vinícius Roratto

Após o incêndio que atingiu o Mercado Público de Porto Alegre na noite desse sábado, as boas notícias começam a chegar. Em entrevista ao Correio do Povo na manhã deste domingo, o perito Rodrigo Eber, que trabalha na avaliação dos estragos, informou que o andar térreo não foi tão prejudicado pelo sinistro. “Olhando agora, acreditamos que os danos não tenham sido tão grandes, talvez tenha atingido cerca de 10% do prédio. A parte de baixo do Mercado está praticamente intacta”, relatou.

No momento, Eber é acompanhado de mais um colega na vistoria da perícia. O trabalho, segundo ele, seguirá nesta segunda-feira e ganhará mais agentes do Instituto de Perícia. A tendência é de que entrada de comerciantes seja liberada ainda neste domingo para a retirada de produtos.

O mau tempo é a principal dificuldade encontrada pelos servidores que fazem o trabalho de perícia no Mercado Público. A água acumulada no prédio histórico prejudica o levantamento. Nas condições atuais, o trabalho dos técnicos do Instituto Geral de Perícias só será concluído na terça-feira.

Um levantamento preliminar pode ser finalizado no início da semana, mas o laudo completo tem previsão de ser concluído em 30 dias, podendo ser prorrogado, dependendo dos empecilhos encontrados pelos peritos. Os servidores procuram indícios que possam explicar o que causou o início das chamas. Entre as hipóteses cogitadas estão um curto circuito ou um incêndio criminoso.

Correio do Povo



Categorias:Outros assuntos

Tags:,

12 respostas

  1. As bancas tem proprietários, não tem? Então cada um tem que fazer a sua parte. Acredito que as bancas do Mercado possuam os mesmo proprietários ou permissionários há anos e anos, décadas. O mercado foi todo reformado acho que há menos de vinte anos na gestão do PT na Prefeitura de Porto Alegre….

    Curtir

  2. Que tal instalarem Sprinklers ?

    Curtir

  3. Olha, fico feliz que o estrago seja pouco, mas não acho que o Furtunati tenha muita sorte não… hehe… incêndio no mercado, quebra do conduto, maiores protestos da história…

    Curtir

  4. Tio Fortuna tem mais sorte do que juizo..
    haha

    Fico de cara por que foi o mercado, não sou dos mais fãs dele, mas gosto do prédio….

    Tem tanta coisa melhor pra pegar fogo…

    Mas fico feliz que não foi tanto o estrago, bem que poderiam dar uma reforma geral pro mercado.

    Aaa sim, ja começou os bla bla bla no facebook de abraçar o mercado….

    Seria mais util de criarem um multirão pra ajudar a limpar e até mesmo juntar dinheiro pra arrumar.

    Curtir

  5. Uma sugestão, até 1933 quem mantinha o Corpo de Bombeiros eram as empresas de seguros (menos incêndios menor prejuízo) porque não se passa o pires entre as seguradoras para aumentar a eficiência do sistema de prevenção e combate aos incêndios!

    Curtir

  6. O problema é a estrutura metálica, ela pode ter sofrido algumas avarias, mas pela foto parece que o centro ficou intacto.
    .
    Como diria minha avó: Temos mais sorte do que juízo!

    Curtir

    • Tens razão Rogério, quem sabe com a reforma ou um mercado novo internamente, não teremos certas mazelas que lá existiam… melhores sanitários (sem pagto…) não tantas repartições nas salas com madeiras. Não sou engenheira nem arquiteta mas acho que ele pode conservar o prédio histórico por fora (restaurado) e ser moderno internamente. Funciona???

      Curtir

      • Claro que funciona, se as divisórias de madeira fossem substituídas pelas paredes de Gesso simplesmente o fogo poderia ter ficado restrito a uma ou duas salas, também acho que os forros deveriam ser de madeira, podem passar para material não inflamável.
        .
        Nunca reparei, mas acho que a cobertura das laterais era de madeira, talvez tenha sido conservada por razões históricas, porém mesmo sendo de madeira essas poderão ser pintadas por resina que retarda o fogo.
        .
        Pode-se fazer muitas coisas que talvez não impeçam os focos de incêndio, mas retardem sua propagação. Por exemplo, poderiam na divisão entre algumas lojas, prolongar a parede de alvenaria até o teto, evitando que o fogo se propague de um setor para o outro.

        Curtir

      • Sei não, acho que cobram pelos sanitários até para filtrar o uso mesmo…

        Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: