Centro de Eventos do RS poderá ser no São Pedro

centro-eventos-rs-01

centro-eventos-rs-02

Jornal Metro – Porto Alegre – 22 de julho de 2013

O Hospital São Pedro:

hospital-sao-pedro

hospital-sao-pedro2

 

hospital-sao-pedro3



Categorias:Centro de Eventos do RS

Tags:, , ,

24 respostas

  1. Acho que poderia se tornar uma espécie de CCMQ e um museu da tortura do sistema manicomial praticado no passado. Nos “áureos” tempos do São Pedro, esposas inconvenientes eram internadas para que o marido pudesse conviver com a amante e idosos eram interditados para que os herdeiros pusessem a mão na grana.

    Lá dentro, quem não era louco acabava ficando.

    Curtir

  2. É uma idéia excelente e merece ir adiante. As vilas ali no terreno podem ser realocadas, talvez ainda dentro do terreno construindo-se um predio de uns 10 andares. Não é dificil fazer um projeto muito legal aproveitando os prédios atuais, mescando-os com arquitetura moderna com aço, madeira e vidro.

    Mas, acho que os prazos para retirar as vilas e os internados quase tornam essa ideia inviável. Eu diria que só para isso se leve de dois a tres anos, para depois começarem obras. Isso tudo depois de uma licitação que levaria um ano. Isto é, levaria de 6 a 7 anos para ficar pronto.

    Curtir

  3. Sinceramente na área é possível criar um grande centro de eventos, ao fundo há uma boa área que podia ser construída, a altura do prédio permite fazer auditórios razoáveis (não esqueçam que é possível escavar o terreno para das altura nos auditórios. Um estacionamento subterrâneo de dois ou no máximo três andares poderia ser construído no imenso jardim a frente.
    .
    Soluções de engenharia são perfeitamente viáveis, só falta uma boa solução arquitetônica.
    .
    O uso da área está caindo de maduro.

    Curtir

  4. Super interessante! Um grande potencial de misturar o novo com o velho e fazer um PUT@ dum marco arquitetônico!

    Curtir

  5. Não acho interessante. Este local deve ser aproveitado para outro grande projeto. O centro de convenções tem de ser algo novo e inédito, ultramoderno, mas ao que me parece pelo fato de não haver talento gaúcho para tanto é que querem simplificar a tarefa e instalar tal equipamento público nas instalações históricas daquele local, que entendo ter serventia e que sim deva ser aproveitado, mas que para servir de centro de convenções do estado não dá mesmo! A imagem deste tipo de edificação tão importante não deve ser arcaica e sim de máxima modernidade pô. O centro de convenções deveria seguir a tendência fantástica das MESSE alemãs. Acho incrível também um projeto de shopping na Rep Tcheca que bem poderia ser uma baita inspiração especialmente quanto fachada para um centro de convenções contemporâneo à altura do estado gaúcho (visitem http://www.santovka.cz), todavia infelizmente os carinhas locais são especialistas em fazer projetinhos chinfrins bem aquém da real dimensão do RS e que detonam sua imagem. Dá dó!

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: