Conduto Álvaro Chaves volta a se romper

alvaro-chaves

 

Jornal Metro – Porto Alegre – 29/10/2013



Categorias:Outros assuntos

Tags:,

16 respostas

  1. Pode ter dado toda essa mer*a com essa obra, mas quem mora na zona norte notou uma diferença nos alagamentos.

    Não que isso justifique, mas melhorou.

    Curtir

  2. ATENÇÃO GILBERTO !

    Ressuscite os posts de um ano atrás do mestre Rogerio Maestri. Putaria está contada lá com propriedade. Obrigado .

    Curtir

  3. Obras públicas, mas (mal) executadas por empresas privadas.
    Consórcio PRM- Pavicom, MAC (aquela do Eliseu Padilha hummmm) e Ribas,
    http://www.ibts.org.br/jornal/jor0805_txt05.htm
    Engraçado que nós falamos tanto das empreiteiras de “fora” (Andrade Gutierrez, OAS, Odebrecht) e aqui no RS também são sempre as mesmas que fazem obras públicas: Pavicom, MAS, Toniolo Busnello, Sultepa. Pois é…bom…enfim…

    Curtir

    • Putz…

      Não da pra levar a sério alguém que usa como foto do perfil um símbolo de um regime que matou mais de dois milhões de pessoas…

      O problema não é empresas privadas construírem, é o processo como se da a contratação que é um estímulo para corrupção e roubalheira.

      Curtir

      • Prezado Rodrigo,
        Na verdade se vocês considerar todos os regimes comunistas do mundo (URSS, China, Cuba, Coréia do Norte (grande líder democrata King Jong), Repúblicas Satélites da URSS na Europa, Albânia (grande líder democrata Enver Hodja) e Cambodja (Pol Pot) provavelmente o número de mortos (perseguidos políticos e etc… ultrapassa 20 milhões)
        O meu avatar no momento é o símbolo da NKVD- Comissariado do Povo Para Assuntos Internos (A Polícia Secreta/ Política de Stalin- antecessora da KGB) e que levou a cabo um dos maiores assassinatos em massa da história, o massacre de Katyn, onde mais de 27 mil poloneses (generais, almirantes, oficiais de média e baixa patente, soldados, professores, médicos, engenheiros e até mesmo escoteiros) foram executados com tiros na nuca. Fato negado pelos soviéticos até os anos 90 quando a verdade veia a tona, apenas pela queda do Regime Comunista, caso contrário os soviéticos ainda estariam mentindo. O próprio Stalin negou na frente dos poloneses que tivesse dado tal ordem. Mas 50 anos depois a verdade prevaleceu, e a ordem assinada de próprio punho por Stalin, e executada por Lavrentiy Beria (então chefe da NKVD) foi finalmente conhecida. Para vergonha dos Soviéticos e revolta dos poloneses.
        Meu avatar é de denúncia, não de apoio.
        Apenas para terminar: um pouco mais para refletir sobre como a vida é bela no comunismo: ” Durante a revolução do Camboja, Pol Pot rebatizou o país como República Democrática do Kampuchea, e após a invasão de Phnom Penh as pagodas, teatros e museus da cidade viraram chiqueiros para porcos. ele defendia uma sociedade 100% agrária, ordenou a destruição de qualquer rastro de tecnologia. No campo, o trabalho começava ás 4 hs da manhã e terminava ás 10 da noite. os camponeses recebiam 1 xícara de arroz a cada 2 dias. mais de 90% da classe artística foi exterminada” .

        Curtir

        • E o Vietname, aquele proposto e bombardeado por teus amigos americanos. Lá eles só matavam pobres. Limpeza social para eliminação de camponeses. Vai te enxergar, filhote de nazista. E Estude HISTÓRIA. Não a panfletagem capitalista que mata milhoes de fome todos os anos. Mas isto é que pobre morre de vagabundo, não é?

          Curtir

      • Quando eu vi pela primeira vez essa imagem também pensei em xingar o cara, mas primeiro resolvi ler os comentários. Daí concluí que ele não tem nada de comunista hauhahua

        Curtir

  4. A serviço de quem estavam os fiscais da obra?

    Curtir

    • Era exatamente isso que ia comentar: como que não fiscalizam direito as obras!?
      Sugeriria duas providências: (a) ações de improbidade administrativa contra os responsáveis e (b) que o CREA criasse uma comissão especial para fiscalização de obras públicas.

      Curtir

  5. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    ai ai

    Curtir

  6. É impressionante como as obras públicas são mal feitas nesse país.

    Curtir

  7. Baita obra, hêinhô!

    Va fa a Napoli!

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: