Ciclovia da Ipiranga: novo trecho quase pronto

Ciclovia, em obras desde setembro de 2012, ganhará mais 1 km em dezembro

ciclovia-ipiranga1

ciclovia-ipiranga2

Jornal Metro – Porto Alegre – 25 de novembro de 2013

________________________

Vale ler o Blog Vá de Bici que fala sobre as muretas construídas em cima da ciclovia.

Clique no link abaixo:

Muretas são construídas EM CIMA da Ciclovia da Ipiranga



Categorias:Bicicleta, ciclovias

Tags:, , ,

38 respostas

  1. Primeiro, fico feliz que a Prefeitura tenha começado trabalhar pelas ciclovias. Todavia, decepciona que o encarregado pela concretização demonstra insensibilidade para a causa. Ciclovia não é moda! Ciclovia é melhora de qualidade de vida de uma cidade. Como Porto Alegre já está largada há muitos anos, a responsabilidade da atual prefeitura aumenta. Sr. Prefeito, pense nisso…

    Curtir

  2. A mureta poderia perfeitamente ser diminuida para não passar por cima da ciclovia. Que timing da prefeitura construir esses pedaços de concreto justo com a ciclovia… parece que é concorrência pra ver quem faz o trabalho mais estúpido.

    Curtir

  3. Na ZH dizem que a mureta é para proteger o guarda-copo… não que ela faça parte do conjunto histórico. Faz mais sentido isso, mas ainda assim acho estranho o tipo da estrutura. http://zerohora.clicrbs.com.br/rs/noticia/2013/11/mureta-em-ciclovia-da-ipiranga-surpreende-ciclistas-em-porto-alegre-4344601.html

    Curtir

  4. Galera, eu voto em derrubarmos a mureta, que coisa mais exdruxula isso afeta a segurança de todos, não dá pra acreditar. Eu vou ser o primeiro a derrubar este troço, não consigo imaginar alguém tomando uma decisão destas, é bisonho

    Curtir

  5. Em Poa, até as muretas são tombadas.

    Piada!

    Curtir

  6. obra mais vagabunda da história de porto alegre, e olha que a concorrência é forte.

    Curtir

  7. Não acho errado fazer a ciclovia no “canteiro central”, só acho errado fazer do jeito que está sendo feita, simplesmente jogando-a ali, ora de um lado, ora de outro, sem se importar com o que há no meio do caminho e estreitando-a a todo instante. Se é pra fazer assim, que façam dos dois lados do dilúvio ao menos.

    Curtir

    • Não pode fazer dos dois lados pois um tem que ficar livre para o maquinário pesado que limpa o dilúvio. O único jeito de fazer ali era na pista da direita, como manda o plano diretor.

      Curtir

  8. O tal contorno se transformará em um brete, que só vai passar uma bicicleta por vez…

    Curtir

  9. Deixem de ser ingênuos, quando dizem contornar querem dizer que vai ter um estreitamento, é um eufemismo. Ou acham que vão estreitar a pista dos carros para fazer a ciclovia? Nas fotos do vá de bici dá pra ver que não tem espaço.

    Mas isso aí é só um dos trocentos desvios dessa ciclovia. A realidade é que a ciclovia devia ser a direita de cada pista, unidirecional e sem nenhum dos 300 estreitamentos.

    Curtir

    • Perfeito comentário Felipe. Começou mal a ciclovia e parece que vai no mesmo estilo até o fim. Lamentável.

      Curtir

    • critiquem após a obra. adivinhação não dá, pô. vai que a prefeitura capriche dessa vez …

      Curtir

    • já se falou que construir a ciclovia dos dois lados impediria o tráfego de máquinas pesadas na limpeza do dilúvio.

      Curtir

      • Eu entendo o problema, mas me questiono se ele realmente existe. Uma ciclovia unidirecional construída sobre o talude poderia ser mais estreita do que a atual. Sendo mais estreita, em alguns pontos a barreira de proteção seria desnecessária. Sem a barreira de proteção, as máquinas poderiam acessar normalmente. Outra opção seria algum modelo de barreira de proteção removível.

        Claro, uma outra coisa que ninguém questionou até agora nessa estória da dragagem: precisa mesmo ser com máquinas “terrestres”? Não existe nenhuma solução de máquinas embarcadas (i.e. barcos que fazem a dragagem)? Sim, eu sei que o dilúvio não é navegável (por seus desníveis), mas de repente a máquina poderia entrar em pontos específicos, fazer toda a dragagem naquele setor, e sair em outro ponto.

        Curtir

      • Eu quis dizer na pista da direita do asfalto mesmo, não no talude.

        Acho que em alguns pontos não teriaessa folga, mobus.

        Curtir

  10. Vão contornar como contornam os postes e árvores? Com estreitamento e duplo sentido? Mais arriscado impossível. Sugestão: demolirmos, nós mesmos, a mureta. De noite, depois de pronta.

    Curtir

  11. Só eu que li que vão contornar a mureta?

    Curtir

  12. Eu passo pela Ipiranga todo dia, e pelo que eu vejo, a pista em si já está pronta, e já está faz muito tempo. Porque demoram tanto pra instalar os semáforos e sinalizações? Porque não planejam isso direito? Porque deixam pra fazer só depois de a pista estar pronta?

    Ah, já sei: incompetência. Dois anos e dois meses pra fazer menos de 5km de ciclovia, e ainda por cima entregar cheia de problemas. Deve ser um novo recorde.

    Curtir

  13. Mas que coisa deprimente… um muro no meio do caminho!

    A ciclovia da Ipiranga tem tudo para virar o pior exemplo de ciclovia DO MUNDO!

    Curtir

  14. Porto Triste só explodindo ou evadindo!
    Não há esperança ao sul de lugar nenhum!

    Curtir

  15. Mureta na ciclovia. Parabéns Epach, EPTC, Fortunati ou sei lá.
    O criador da ideia ganhou o prêmio de imbecil do ano.
    Levam 4 anos para construir menos de 10km de ciclovias e agora colocam uma mureta.

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: