Artistas grafitam paredes do Túnel da Conceição

Participantes de oito países realizam pinturas em área de 20 metros quadrados

Participantes de oito países realizam pinturas em área de 20 metros quadrados Crédito: Fabiano do Amaral

Participantes de oito países realizam pinturas em área de 20 metros quadrados
Crédito: Fabiano do Amaral

O Túnel da Conceição recebe neste fim de semana pinturas de 60 artistas especializados em grafite, em Porto Alegre. A ação faz parte do projeto Meeting of Styles, que é uma rede internacional que visa o fortalecimento desse tipo de arte, e foi organizada pelo Instituto Trocando Ideia. Participaram artistas de oito países, que realizaram pinturas em área de 20 metros quadrados (5m x 4m). Ação ocorre até domingo.

O marcineiro Cassiano “Mono” Alves, 35 anos, dividiu sua área com o amigo tatuador Élton Senna Gomes, de 30 anos. Os dois são praticantes de skate e praticam o grafite há cerca de dez anos. A arte que eles realizaram não foi nomeada, mas representa o fascínio que ambos têm pelo meio ambiente. “Fazemos pinturas psicodélicas com a intenção de agradar a quem passa”, afirmou Mono.

A obra dos dois mesclou a pintura com elementos retirados do lixo, como garrafas PET, isopor e galhos de árvores secos. “Gosto de pintar elementos da natureza como árvores e água”, comentou Gomes. “Queremos fazer um paralelo do mundo em que vivemos com o meio ambiente. As pessoas que seguem apresadas em seus veículos podem se distrair com coisas belas”, reconheceu Mono.

Correio do Povo



Categorias:Arte

Tags:, , , ,

17 respostas

  1. Alguem poderia me indicar alguns contatos de grafiteiros? Sou de um grupo escoteiro e queremos pintar uma parede de 2m de altua por 4m de largura. Obrigada

    Curtir

  2. acho estranho quando pessoas reclamam do espaço da cidade ser utilizado pelas pessoas porque seu carro estava parado…

    Curtir

  3. Mas eles vão fazer isso só no túnel bairro-centro ou centro-bairro também? Passei por lá hoje, estava muito engarrafado, mas achei muito legais as obras de arte.

    Curtir

    • Só no sentido bairro-centro.

      Curtir

      • Eu acho que bairro-centro não define muito bem um sentido de perimetral. haha Mas tá compreensível pra quem conhece.

        Curtir

        • No túnel há esse sentido Lucas. Entrando nele vindo pela Osvaldo Aranha, é em direção ao centro. Entrando nele vindo pela Conceição, é indo em direção ao bairro. O Túnel integra a primeira perimetral, mas a radial Osvaldo Aranha – Protásio Alves também.
          Obs: a Av. Mauá fica no Centro, e faz parte também da primeira perimetral. Meio confuso, mas é a realidade de POA. Se uma avenida tivesse que integrar a primeira perimetral sem passar pelo centro propriamente dito, só fazendo sobre o Guaíba.

          Curtir

          • Ao meu ver o túnel faz parte da primeira perimetral. Mas eu entendo o que tu quer dizer.

            Curtir

  4. Foi pelas 10 e pouco, mas não estavam grafitando. Estavam isoladas as pistas junto às paredes, muita gente, EPTC e aquela tranqueira. Nem lembrei de tirar foto de tão indignada que estava, Amanhã, quando voltar vou fazer outra rota, evitando o Túnel. Respeito e acho legal a iniciativa, mas nos pegou de surpresa, portanto, vou por outro camino e pronto. Só achei impróprio o horário de sábado de manhã pq tinha muita gente saindo de Poa. Mas valeu, passou ….

    Curtir

    • O evento foi bastante divulgado. Inclusive aqui no Blog. Eu achava até que eles iriam fechar o túnel sentido bairro-centro. Acho louvável este evento artístico e não devem sempre os carros limitar estas ações.

      Curtir

    • O grosso do engarrafamento não foi causado pelos grafiteiros. Com as obras do viaduto na frente da rodoviária eles colocaram todo o trânsito passando por trás da rodoviária passando por 2 sinaleiras e onde tem intenso movimento de pedestre. Para ir para o centro tinham que pegar a Castelo Branco na contramão e depois a Mauá.

      Curtir

  5. Podiam fazer o mesmo no esqueletão do centro (e outros prédios em mesmo estado)… seria demais!

    Curtir

  6. Só que o horário que iniciaram não pode ser pior… o engarrafamento que se formou foi infernal. A EPTC colocou cones para proteção dos artistas e isso ocasiou o afunilamento dentro e fora do túnel. Levamos 40 minutos da Reitoria até a saída da Rodoviária. Gosto de arte e grafismo mas na devida hora. Tem todo final de semana e até a madrugada para os artistas fazerem seus painéis…

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: