Porto Alegre retoma obras

Viaduto da Bento Gonçalves será uma das obras retomadas  Foto: Anselmo Cunha/PMPA

Viaduto da Bento Gonçalves será uma das obras retomadas Foto: Anselmo Cunha/PMPA

A prefeitura de Porto Alegre espera receber até o final deste mês os R$ 424 milhões necessários para concluir as obras pensadas de início para a Copa do Mundo, mas que foram retiradas da matriz de responsabilidades para o Mundial.

Nesta quarta (19), a Capital saiu da lista do Planalto que relaciona municípios inadimplentes. O repasse está sendo aguardado desde a metade de janeiro, quando foram assinados os contratos de financiamento.

De acordo com a Secretaria de Gestão, o município não era devedor, mas a comunicação do pagamento de um débito quitado em 2009, por motivo desconhecido, pode não ter chegado aos organizadores do cadastro de inadimplentes. A etapa foi concluída e agora não há mais entraves para a liberação, sustenta a pasta.

As obras estão praticamente paradas. Houve a concentração dos recurso disponíveis para as construções do entorno do Beira-Rio, que vai sediar jogos da Copa do Mundo. A escolha foi feita para não haver risco de a Capital ficar de fora do Mundial. Do conjunto de obras que deveria ficar pronto antes do torneio, só deve ser concluído a que estiver nas região do estádio do Inter e o viaduto ao lado da rodoviária.

Affonso Ritter

Justiça destrava obras

A posse de parte de um terreno público localizado na avenida Plínio Brasil Milano, esquina com a rua Dom Pedro e avenida Carlos Gomes, foi recuperada pelo Município de Porto Alegre. O mandado de reintegração de posse do imóvel, expedido pela 7ª Vara da Fazenda Pública, foi cumprido na manhã desta quinta (20).

A área, onde funcionava uma lavagem de carros e outros negócios, é necessária para a construção de um viaduto que integra o conjunto de obras de mobilidade urbana realizadas em Porto Alegre.

A Procuradoria de Patrimônio e Domínio Público atuou na ação. Já há sentença em primeiro grau favorável ao Município para a reintegração de posse da outra parte do imóvel, onde funciona uma revendedora de veículos. A Procuradoria-Geral do Município (PGM) aguarda o julgamento do recurso apresentado pelos ocupantes da área.

Enquanto isso, as áreas do Município localizadas na avenida Padre Cacique necessárias para as obras de mobilidade no entorno do estádio Beira Rio foram reintegradas. A última delas foi o imóvel onde funcionava uma pet shop, processo da 3ª Vara da Fazenda Pública. Após a desocupação do prédio pela proprietária do estabelecimento comercial, foi realizada a demolição.

Affonso Ritter



Categorias:Outros assuntos

22 respostas

  1. Fortunatti, o prefeito das obras de Corel Draw. Eu pergunto aos senhores: o que será de Porto Alegre após a Copa? Se com dinheiro da união entrando em função não conseguiram fazer, o que nos espera pra depois? Medo. A cidade estará largada às traças. Hoje depois de muito tempo passei pela 24 de Outubro, próximo ao Parcão. Como que uma via tão importante, que conecta uma das principais e mais requintadas região da capital (Parcão e Padre Chagas), pode ter um asfalto totalmente esburacado e se esfarelando?

    Curtir

  2. Se souberem algo sobre isso ( recuperação da Praça Dom Sebastião), postem aí. Fiquei curioso pelo que vai surgir de lá…

    Curtir

  3. Começaram a depositar areia, container, etc.. na Praça Dom Sebastião. Cheguei a ficar espantado… positivamente, mas pensei afinal o que irão fazer por lá? Irá recuperar os monumentos que encontram-se abandonados em manutenção e cuidados a muito tempo? Afinal, que definem e por que não divulgam o que irão fazer? Ou melhor, muito do que foi divulgado, não fizeram… Em suma: qual o projeto de recuperação para aquele local, que é próximo daonde moro????

    Curtir

    • Eu vi também. Passei em frente ontem. Ainda não consegui mais informações. Assim que conseguir postarei. Mas é uma reurbanização da praça. Cheguei a ver o cartaz que vão colocar no local. Não acho que seja uma reforma significativa. Apenas uma maquiagem do local.

      Curtir

  4. Atrasaram e aumentaram os custos de obras de uma cidade, antes de um evento importante, por simples burocracia, ou por burrice, ou, o que piora tudo, por má-fé?

    Curtir

  5. ^^
    O Fortunatti nao e’ uma maravilha…..mas qual seriam nossas outras opcoes??
    Tenho medo da resposta.

    Curtir

    • Tenho minhas dúvidas se a “Tia Manu” seria realmente pior, como diziam.

      Curtir

    • A solução é por outro comunista na prefeitura e deixar a cidade parada no tempo novamente.
      haha

      É aquela coisa, o brasileiro só consegue votar no menos pior, por isso do Fortunatti estar na prefeitura.

      Curtir

    • Um petista “picolé de chuchu” sem experiência administrativa e uma comunista de shopping que gosta de usar Prada e Louis Vuitton. Embora concorde que o Fortunati não é grande coisa, ainda é melhor que essas opções e disso não tenho qualquer dúvida.

      Curtir

    • Eu poderia criticar o Fortunati por tantos atrasos, mas me nego a dar méritos ao governo federal que só o que fez foi tentar de todas as maneiras jogar água no trabalho de qualquer prefeito ou governador que não fosse do seu partido. Esse atraso na liberação das verbas, com desculpas inúmeras; o terrorismo da ANTAQ com as obras da revitalização do cais mauá; os grupos organizados ligados ao ParTido tentando obstruir qualquer iniciativa de revitalização… Não vou entrar no jogo deles. O Fortunati pelo menos está pensando alto.

      Curtir

  6. Walter,
    Perfeita colocação…
    E eu que fui eleitor de Fortunatti digo que a administração dele entre uma DAS PIORES que já vi…
    Está batendo todos os recordes…
    Virou o Prefeito da FOTO e das oportunidades erradas nas horas erradas…

    Curtir

  7. Walter,
    Pode a Cristovão Colombo estar bloqueada desde Julho/2013 e a única coisa que fizeram é retirar meio-fio e enterrar meia dúzia de tubos???
    Pode-se fechar uma via importante da cidade por 9 meses e se chamar de estratégia???
    Pode-se começar uma obra sem indenizar os moradores atingidos???
    Me desculpe, isso nem aqui e nem na china se chama estratégia, isso se chama ignorância…
    O Planejamento Estratégico está só na GAVETA de quem trabalha nessa secretaria e não aplicam nada, a prova disso está nas ruas, nas obras sem recurso, na falta de dinheiro…
    É o planejamento em contar com o DINHEIRO DOS OUTROS e não trabalhar com o que se tem…

    Curtir

    • PS,
      Não falei que isso é planejamento estratégico. Só me referi a um PENSAMENTO ESTRATÉGICO de quem, vendo uma janela de oportunidades, se atirou por ela. Isso não justifica a falta de planejamento ao lidar com as obras, pois a prefeitura poderia ter reorganizado suas secretarias, contratado gente competente (via concurso ou CC). Mas não, continuou inchando seus quadros em troca de favores políticos, além de aceitar projetos DOADOS pelo SINDUSCON, os maiores beneficiados com tudo isso, numa paceria muito escusa que o prefeito vem tendo com seus amigos pessoais.
      Pode acreditar que eu mais do que ninguém estou extremamente insatisfeto com a falta de planejamento dessa gestão, pois desde que fecharam a Cristóvão colombo, o trânsito todo passa em frente a minha residência. Ou seja, há 9 meses não posso abrir a janela da minha sala por causa da fuligem e barulho que vem do trânsito.

      Curtir

  8. E para que serve o Planejamento Estratégico da PMPA??? Para planejar isso.
    Uma Secretaria com alto custo para dar esse retorno a População???
    Porto Alegre parece uma cidade atirada, abandonada, mal cuidada, mal administrada…
    Figuras publicas sempre tirando o corpo fora e quando dá gosta de aparecer em fotinho deninauguração…
    Essa é Porto Alegre…

    Curtir

    • Não conseguem nem fazer a manutenção vai conseguir fazer um monte de obra ao mesmo tempo?

      Curtir

      • Nunca fui eleitor do Fortunatti e não é agora que serei, mas dá para entender de certa forma a “ganância” desse homens por anunciar vinte mil obras, mesmo sabendo de sua incapacidade para administrá-las. Acontece que a torneira da União não abre toda hora e o prefeito aproveitou a oportunidade para encher todos os baldes que podia, sabendo que uma obras começada terá que ser terminada de uma maneira ou de outra. Por isso, não tiro os méritos dele desse “pensamento estratégico”.
        Por outro lado, como não tínhamos e não temos um Planejamento Urbano eficiente (por culpa dele e do antecessor), as obras que foram lançadas foram as que estavam aí engavetadas…

        Curtir

        • Dinheiro não falta, faltam projetos. Projeto eu quero dizer projeto e não render. Projeto tem que ter, por exemplo:
          1. Custo
          2. Prazo
          3. Etapas detalhadas até a conclusão
          4. Materiais e técnicas a serem utilizadas
          5. Impacto no trânsito, qualidade de vida, segurança…

          e principalmente

          6. Prazo de retorno de investimento… obra “para melhorar” não serve, tem que ter bem claro em quanto tempo aquela obra paga-se em valores monetários a partir de redução de acidentes, tempo de deslocamento, redução da poluição…

          Curtir

  9. Excelente noticia.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: