ILS II – Neblina atrapalhará menos

Crédito: Vinícius Carvalho/ Diário de Canoas / CP

Crédito: Vinícius Carvalho/ Diário de Canoas / CP

Técnicos da Anac concluíram nesta quinta (08) a inspeção nas obras de instalação do ILS 2 — equipamento que vai permitir a redução em 30% dos problemas com visibilidade em função da neblina, no Aeroporto Internacional Salgado Filho. O novo sistema deve estar operando uma semana antes do início da Copa.

A partir da finalização da vistoria, a Anac deve repassar as informações à Secretaria de Aviação Civil, ligada à Presidência da República, a qual irá preparar o relatório de liberação do uso do equipamento. A secretaria informou que irá se manifestar sobre o assunto somente na segunda-feira (12).

A liberação de mapas e cartas de navegação também depende dessa vistoria. Para substituir o equipamento ILS 1 pelo ILS 2 era necessário ampliar a pista ou retirar obstáculos como árvores da região. A Infraero garante que as obras exigidas foram concluídas. A inspeção começou a ser feita na terça (06), um dia após o aeroporto ter ficado fechado por causa do forte nevoeiro, no início da manhã.

Nos últimos dois anos, a interrupção de pousos e decolagens chegou a mais de 200 horas. A Infraero explica que, com o novo equipamento antineblina, é possível partir ou aterrissar com 350 metros de visibilidade horizontal e 30 metros de visão vertical. Hoje, a visibilidade é de 800 metros e o teto, de 60.

Affonso Ritter



Categorias:Aeroporto Internacional Salgado Filho

Tags:,

5 respostas

  1. Alguém me diz por favor porque isso não foi colocado antes!

    Curtir

  2. Não entendi. 70% dos problemas com a neblina não serão resolvidos???

    Curtir

    • Isto é por que o que deveriam instalar em POA é o ILS3, que é muito mais indicado para os freqüentes nevoeiros desta época do ano na região. Resolveria quase 100%.
      Mas, sabem como é, na república do meia boca…

      Curtir

%d blogueiros gostam disto: