Caminho do Gol é exemplo para o mundo, por Humberto Goulart

Caminho do Gol - 18 de junho. Foto: Gilberto Simon

Caminho do Gol – 18 de junho. Foto: Gilberto Simon

Usando uma linguagem de futebol, o Caminho do Gol foi uma das grandes jogadas do século de Porto Alegre. Um lance digno de Neymar ou Messi. O lance inédito e exclusivo é exemplo para a Fila, o Brasil e para o mundo. Em todos os aspectos, a estrutura especial montada pela prefeitura, ligando o Centro Histórico da Capital ao estádio Beira-Rio nos cinco dias de jogos da Copa do Mundo em Porto Alegre, foi um sucesso absoluto.

As atrações culturais e os serviços ao longo de 3,5 quilômetros da avenida Borges de Medeiros receberam a aprovação de turistas e torcedores. Passei pelo trajeto nos dias do evento e me contagiei com o entusiasmo das torcidas que tiveram comportamento educado e esportivo. Foi um espetáculo à parte.

A leveza e a alegria do momento foram estimuladas pelas apresentações culturais de artistas gaúchos, que abrilhantaram o caminho, pela garantia de segurança e pelo atendimento impecável aos turistas. E preciso, também, destacar a qualidade dos serviços oferecidos pelos ambulantes que venderam lanches e bebidas. Todos estavam organizados e com boa apresentação. Os comerciantes com quem conversei aprovaram totalmente o evento e elogiaram a iniciativa da prefeitura.

A Copa do Mundo, que estava sendo tão criticada por muitos pessimistas, com certeza vai nos deixar, além do legado de obras de infraestrutura, excelentes lições e muitas ideias para o futuro. Uma delas é a de adaptar a proposta do Caminho do Gol para eventos próximos a grandes casas de espetáculos da Capital.

Os brasileiros estão de parabéns. Os gaúchos e os porto-alegrenses mais ainda. A Copa, apesar das pedras no meio do caminho de algumas obras e da burocracia — esta um entrave que ainda preciso ser superado pelo Brasil —, é um sucesso incontestável que, certamente, vai trazer um retorno ao setor econômico nos próximos anos.

As lições da Copa servirão de parâmetro para futuras iniciativas empresariais na nossa Capital. O Caminho do Gol será, também, o caminho do empreendimento.

Humberto Goulart
Secretário Municipal da Produção, Indústria e Comércio – SMIC

*Artigo publicado originalmente no jornal Correio do Povo desta segunda-feira, dia 7.

(foto adicionada pelo Blog)



Categorias:Artigos

Tags:, , , ,

25 respostas

  1. Ai o povo reclama reclama e reclama, ai sai algo bom e inovador, ai o povo vai la e coloca defeito!!! em tempos em q a administração da cidade n muda nem uma pedra de uma silmples calçada, o caminho do Gol é o céu

    Curtir

  2. Desde quando o “jeitinho brasileiro” é exemplo para o mundo?

    Curtir

  3. O Caminho do Gol foi uma boa ideia…..mas ninguem merecia ver aquele belo viaduto todo pichado e deteriorado(idem monumento aos Acorianos), fiacao horrorosa por todos os lados e falta de calcadas no Marinha(alem da “matacao” do entorno do estadio)…..
    isso os nobres “adm da prefeitura” nao comentam.

    Curtir

  4. Só acho uma falta de respeito criticar o criador do blog por ele trabalhar na prefeitura por causa de um post desses.

    Ou esqueceram que o que mais sai aqui são criticas sobre o estado da cidade?
    Nessa hora ninguém percebeu que o Gilberto trabalha na prefeitura e fica pedindo melhorias né?

    Sobre o caminho do gol, bom, achei sensacional, o que faltou melhorar foi a própria cidade, imagina se o viaduto estivesse reformado?
    E se o centro estivesse revitalizado?

    Muito bom.

    Outro sucesso foi o tal do embarcadeiro no Cais, o engraçado é que vi um povo que criticou as obras do cais, e que estão indo quase que diariamente la.

    Curtir

    • Não sei se o que mais sai aqui são críticas. Na área de comentários com certeza, mas sai bastante artigo da prefeitura no blog.. até já fiz críticas sobre isso em outras situações.

      Hã… tu VIU pessoas que criticaram o cais indo lá? Tipo, comentaristas conhecidos e tal? Por que as pessoas que eu vi criticando em geral são meio anônimas. Mas em geral não vejo contradição: elas queriam outra coisa que elas consideram melhor. Isso não quer dizer que nunca vão pisar lá.

      Curtir

      • Claro que sai, mas desde quando a prefeitura como fonte não é valido?

        Não vejo problema.
        Mas sei lá, vai de cada um, não vejo dessa forma.

        Sobre pessoas que vi criticando, falo de pessoas que eu conheço, ninguém da mídia, ou politico, ate por que eu não fui la ainda.
        Muitos reclamaram quando fecharam para as obras, falaram que privatizaram a vista e todo o bla bla bla de sempre, agora é quase todo dia postando foto no facebook por la.

        Ate preciso passar por la, estão falando que o lugar é sensacional.

        Curtir

      • Eu acho estranho ler isso em um país onde se desconfia tanto dos políticos.

        Mas para explicar meu ponto, deixo a palavra com o Ricupero: “Eu não tenho escrúpulos; o que é bom a gente fatura, o que é ruim a gente esconde.”

        Para mim isso é a regra da maioria dos políticos (ou gestores em geral).

        Curtir

    • Eu não critiquei o dono do blog. Critiquei a postagem do Humberto Goulart no Correio do Povo.

      Curtir

    • O Embarcadero não fui, mas falaram que é muito legal. E vai ficar mais ainda depois de tudo pronto.
      Ah, devem ser os mesmos que odeiam prédios altos mas tiram foto no Empire State; odeiam cais desenvolvido e tão batendo ponto no Puerto Madero, ou amam (apesar de não saberem nem o que é) a história do cais e querem protege-la, deixando abandonado. Gente que é contra por politicagem, apesar de saber que são coisas boas.

      Curtir

      • Ah, entendi, estamos falando de inimigos imaginários de novo.

        Curtir

      • Exatamente.

        Nem digo por politicagem (apesar de apoiarem uns partidos maléficos ai.. haha)

        Pra quem dizia que privatizaram o cais, que não poderiam mais usar e bla bla bla, ate que estão aproveitando bastante.
        hahaha

        Curtir

      • Só os inteligentes vêem.

        Curtir

      • Só os inteligentes criam inimigos imaginários em vez de atacar os reais?

        Curtir

    • Acho que sai mais críticas sim.
      Acho injustas as críticas ao Gilberto Simon

      Curtir

  5. Achei o caminho do gol sensacional.

    Mas não seria interessante receber elogios do que se autoelogiar? (smic=prefeitura)

    Curtir

    • Sim, é da prefeitura e onde o blogueiro trabalha. Pois é..

      Curtir

      • Tive que retirar do meu feed de notícias todos os CCs da prefeitura que são meus amigos no face, porque o puxa-saquismo é imenso! É tão forte que a falsidade fica tão latente que deve até fazer mal para a imagem do prefeito.

        Então, imagina a pressão que o blogueiro sofre? Tenho certeza que se ele fosse na onda dos CCs ele já seria até vice-prefeito! 😉

        • corrigida a palavra sofre.

        Curtir

        • Não sofro pressão alguma. E sou funcionário concursado. Não devo nada a ninguém. E não tenho partido. Detesto mais alguns do que outros. Vou anular o meu voto pra todos os cargos nestas eleições.

          Curtir

      • Não acredito que os CCs da prefeitura não te escrevem assim que sai algo que não seja “Nosso prefeito é maravilhoso”… Até eu sofro isso!

        Curtir

    • Em que mundo vives? É a coisa mais normal os gestores se autoelogiarem, ainda mais em época de eleição. Mas como o Caminho do Gol realmente foi um sucesso elogiado por todo mundo, inclusive tu, e todos que passaram por ele, qual o problema de um artigo destes? Parece que vcs estão sempre complicando as coisas tche! É o eterno reclamar por reclamar.

      É com este tipo de comentário que eu muitas vezes repenso a continuidade do Blog.

      Curtir

      • Só acho que elogio é pra ser merecido e feito por outros. Não autopropaganda pra “maquiar” os problemas da copa e dizer que foi tudo um sucesso, porque lendo esse artigo parece.
        Eu gostei do Caminho do Gol, ja disse que achei que seria uma porcaria me surpreendi.
        Sucesso foi pela receptividade do povo gaúcho e a segurança que aqui trouxeram, o resto… Nem as calçadas arrumaram, no próprio “Caminho do Gol”

        Quanto ao pensar a continuidade do blog, comentários são para debater. Não precisam ser todos da sua opinião, certo? Opiniões são diferentes e merecem, todas, serem respeitadas.

        Curtir

%d blogueiros gostam disto: