RGM investirá R$ 800 milhões no RS para extrair e industrializar zircônio e titânio em São José do Norte

O presidente da empresa Rio Grande Mineração (RGM), Luiz Augusto Bizzi, confirmou nesta quarta-feira que o Projeto Retiro, a ser instalado em São José do Norte, RS, exigirá investimento de R$ 800 milhões e fará a extração de minérios de zircônio e titânio, com o objetivo de substituir as atuais importações de zirconita e rutilo, e tornar o Brasil um exportador de ilmenita.

Mina de titânio Moma, em Moçambique, da Kenmare Resources

Mina de titânio Moma, em Moçambique, da Kenmare Resources

A RGM assumiu o projeto cuja idealização foi da Paranapanema.

Ilmenita e rutilo são minerais de titânio, usados para a produção de pigmentos e de ligas especiais para área médica. A zirconita, também conhecida como zircão, é usada na indústria de cerâmicas e refratários e como aditivo em aços especiais.

O empreendimento está em fase de estudos técnicos e licenciamento ambiental. De acordo com Luiz Bizzi, a expectativa é que a licença de operações seja concedida em setembro de 2017, e o início das operações se dê em novembro do mesmo ano. A área de lavra compreende 3 mil hectares, que deverão ser explorados em sistema itinerante por um período de 20 a 30 anos.

Durante a construção da planta e demais instalações necessárias, a previsão é de gerar 1.500 empregos. Para a operação, serão 350 empregos diretos. “Vamos privilegiar a contratação de mão-de-obra local”, adiantou o presidente da empresa.

Informações: Políbio Braga



Categorias:Economia

Tags:, , ,

2 respostas

  1. A notícia é muito boa mas, a licença ambiental será liberada somente em 2017! Não é tempo demais, não?

    Curtir

  2. O lado bom é que será industrializado no local também. Temos que abandonar esse ideia de exportar minério causando dano as estradas devido ao peso dos caminhões e importar metal, causando danos novamente à estrada devido ao peso dos caminhões, fora o fato de deixar de gerar emprego aqui no país.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: