Bairro do Paraíso, em São Paulo, vai ganhar minipraça em vagas de estacionamento

minipraça-sp-04

O bairro do Paraíso vai ganhar a primeira minipraça de São Paulo criada após a regulamentação deste tipo de espaço pela prefeitura. Chamado de parklet, o local é feito avançando a calçada sobre vagas de estacionamento, na rua.

Ele vai ficar na rua Coronel Oscar Porto, perto da esquina com a rua Abílio Soares. Terá bancos, mesas e guarda-sóis, com paisagismo em vasos e espaço para estacionar bicicletas.

A previsão é que seja inaugurado na quarta (13), com a presença do prefeito Fernando Haddad (PT). Nas últimas semanas, ele vem participando de eventos ligados à bicicleta, nova bandeira da gestão.

Após iniciativas experimentais, Haddad decidiu criar regras para os parklets e publicou um decreto em abril.

Empresas interessadas em criar estes espaços precisam seguir as normas, que versam sobre o local de implantação, segurança e acessibilidade. Os projetos são aprovados pelas subprefeituras, que firmam um termo de cooperação com os responsáveis.

O novo parklet foi aprovado no fim de julho com prazo de duração de três anos. A iniciativa é uma parceria da ONG Mobilidade Verde e dos escritórios de design Zoom, H2C e Contain’It.

Segundo a ONG, foi preciso muita negociação com moradores e comerciantes do entorno para acertar detalhes do projeto.

Como o parklet ocupa duas vagas de estacionamento, os moradores pediram a criação de duas vagas exclusivas para idosos perto dali, pedido atendido pela CET.

Duas barracas de feira montadas no local também foram movidas, e como contrapartida foram incorporadas mesas e cadeiras à mini praça. Os clientes das barracas, de pastel e caldo de cana, devem se beneficiar do novo espaço.

Outra preocupação dos moradores foi quanto ao ruído, já que a praça fica bem em frente a um prédio residencial. Os idealizadores dizem que o barulho não será problema, pois é causado pelo tráfego de veículos –eles afirmam que a praça vai reduzir a movimentação.

Para evitar qualquer problema, foi feita uma medição de ruído antes da implantação do parklet e uma outra está prevista para depois, para que os dados sejam comparados.

Uma das atrações do novo parklet será a valorização da história do bairro: serão criados cartazes com a história das ruas e de moradores ilustres da região.

Segundo a prefeitura, outros cinco pedidos para a instalação de parklets estão sendo analisados. A ONG diz que está participando de projetos de dez espaços.

Veja mais imagens:

 

Folha de São Paulo

ANDRÉ MONTEIRO
MAGÊ FLORES
DE SÃO PAULO 13/08/2014



Categorias:Arquitetura | Urbanismo, Meios de Transporte / Trânsito

Tags:, ,

8 respostas

  1. São Paulo se reiventando. Acho que o comentário do Ricardo é válido, em uma cidade tomada por indigentes e onde qualquer um faz o que bem entende no espaço público como sucede em Porto Alegre, a tendência são estruturadas como estas virarem verdadeiros ninhos de rato. Enquanto não houver uma abordagem séria com a questão dos “moradores de rua”, na realidade indigentes, vai ser difícil tornar o meio urbano de Porto Alegre atraente.São Paulo inclusive já toma medidas e NY já fez isso a muito tempo, já em POA nada e ainda há gente glamourizando tal realidade.

    Curtir

  2. Achei meio mal acabado. Prefiro a solução de Gramado, em que há bancos e pérgolas de madeira de demolição.

    Curtir

  3. Isso vai acabar virando morada de sem-tetos.

    Curtir

  4. Que droga einho…
    Por que não aproveitar o espaço para uma ciclovia?

    Curtir

    • Os cicloativistas piram! hehehe

      Curtir

    • Acho que essas estruturas seriam mais voltadas para ruas de baixa velocidade, 30, 40 km/h, onde não precisa de ciclovias e as bikes poderiam usar as mesmas faixas de rodagem que os carros.

      Um lugar onde isso ficaria interessante, seria na praça Dom Sebastião, ao lado do Cachorro do Rosário, afinal, já é um ponto consagrado em Poa, e a própria empresa poderia custear a manutenção do Parklet.

      Curtir

  5. A João Alfredo está implorando por esses parklets.

    Curtir

  6. Carrolari pira .

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: