Sepultado há pouco vendedor ambulante morto no centro de POA

O vendedor ambulante Leandro Nunes, de 28 anos, certamente nunca imaginara que seria morto por uma bala perdida em pleno centro da capital do Rio Grande do Sul ontem às 9 da manhã na Dr Flores.

O disparo partiu de um dos dois assaltantes que recém haviam atacado uma joalheria na Andradas. Em fuga, os bandidos foram abordados por um suposto policial à paisana, e um deles reagiu com um disparo de revólver calibre 38, que acabou acertando em cheio o peito de Leandro.

No dia 26, no pacato Bom Fim, um vigilante foi baleado numa tentativa de assalto. Será uma nova tendência de extrapolação da violência em Porto Alegre?



Categorias:insegurança

Tags:

21 respostas

  1. Como ouvi em outro espaço de discussão, enquanto a bandidagem apronta, os brigadianos tomam mate em algum posto pela cidade.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: