Vídeo: Rosário, Argentina – vista aérea (atualizado)

Reparem na orla, com bares.

_____________

 

Bônus:

Prédios modernos próximos da orla.

Por que Porto Alegre não pode ter prédios próximos da orla ? Por que uma minoria não quer ?????

 

_____________

Ambos vídeos de Osvaldo Mussi.

Sugestão de post: Gerson Ibias, Londres.

__________________________

Segue uma galeria de fotos feitas pelo leitor Filipe Lázaro, em 2012. Algumas enfocam bem a orla. 



Categorias:Projeto de Revitalização da Orla, video

Tags:, , , , ,

35 respostas

  1. Na boa, se é pra ter esses espigões horriveis, melhor não ter nada heh

    Curtir

  2. @ Felipe X:
    Querer discutir com esses idiotas mentirosos e mal intencionados?
    Leia com calma as mentiras e calunias que eles escrevem.
    Foi a mesma coisa com o Pontal.
    Bando de canalhas!

    Curtir

    • Não sei, descreve as mentiras.

      Sobre o pontal, toda a população tem culpa. O prefeito por ceder a pressão e covardemente fazer aquela votação que só disperdiçou dinheiro público.

      O resto da população por omissão, quase ninguém foi votar. Eu fui votar a favor do projeto e e me senti quase sozinho quando vi o resultado. Com um resultado daqueles, no final eles estão certos, só eles se mobilizaram!

      E não foi um grupinho “esquerdopata” que fez isso sozinho, vi até radialistas declarando voto contrário. Tinha um vídeo de diversas “celebridades” apoiando o não aquela época.

      Curtir

  3. Diz que na orla de Rosário tem até lugares onde é possível alugar caiaques para o pessoal que quer remar no rio, algo impensável em POA.

    Curtir

  4. Como várias pessoas apontaram, parace a cidade gêmea de POA. A grande diferença é a altura dos prédios, confirmando mais uma vez que uma das únicas cidades do mundo com medo de altura é a nossa. Ah, merecíamos um ponte nova como a deles. Outra GRANDE oportunidade perdida de se criar um landmark para a cidade.

    Curtir

    • A altura dos prédios só? E a arquitetura? E o capricho na conservação daquele monumento gigantesco? Os calçadões? As praias?

      Curtir

      • O parque (Parque de España) é a grande diferença. Os caras tem muita estrutura, com bares, os armazéns do cais com exposições permanentes, bancos, iluminação, paisagismo… olha, quando enviei as fotos pro Gilberto bateu até saudade de Rosario e depressão pelo Gasômetro.

        Curtir

  5. Se vc sofre de pressao alta, problemas psicoticos,
    nauseas e alergia a ecoxiitas….nao clique nos links abaixo:

    https://www.facebook.com/events/307471112773268

    https://www.facebook.com/defesadaalegria

    =============

    Parte do texto dessa corja de MENTIROSOS:

    “……..Estamos de portas abertas! Vem discutir o futuro do Cais, escondido pelo concreto e ameaçado por megaempreendimentos privados.
    Somos o #OcupaCaisMaua, uma frente de coletivos e indivíduos atentos aos rumos do nosso porto.

    Entenda o caso:

    Um Cais sem povo? Quem vai ao Centro da cidade mal percebe que atrás de um longo muro existem guindastes e armazéns não utilizados, um conjunto de construções históricas chamado Cais Mauá. Para além dele, abre-se um amplo horizonte de água, plantas, ilhas, com um lindo pôr-do-sol. Naquela margem nasceu a cidade. Naquela margem começou a ser contruído, há cerca de 100 anos, o maior porto fluvial do Brasil. Público. Por décadas aquela foi a principal entrada, saída e cartão-postal da cidade. O acesso, antes livre, agora é proibido.

    Por quê? O Cais Mauá agora tem dono: em 2010, no governo de Yeda Crusius, foi iniciado o seu plano de privatização. Esse antigo espaço no coração da cidade foi entregue a um consórcio, o Consórcio Cais Mauá SA, que pretende transformar o lugar em um empreendimento comercial de luxo.

    O que vai ser do nosso Cais Mauá? O plano do consórcio de utilizar o porto como fonte de lucro não leva em consideração o interesse público do espaço. Não há definições claras sobre o projeto, que não foi sequer debatido ou apresentado à população. Queremos discutir e queremos um Cais com diversidade. Será que a cidade precisa de mais um shopping, na beira do rio? Vale a pena entulhar a beira do nosso Guaíba com mais 4000 carros estacionados? Se queremos uma verdadeira revitalização, é preciso que levemos a VIDA da cidade para lá! Por isso convocamos, ocupamos e provocamos ao afirmar que Cais do Porto tem que ser Cais do Povo….”

    Curtir

    • Qual o problema de querer discurtir como vai ser usado o espaço? Tudo bem que a linguagem é tinhosa, mas muita gente aqui mesmo se queixou da proposta, que é virar um pólo de design ou algo assim.

      Curtir

    • Eles tratam como se tivessem acesso livre aos armazéns antes da privatização.
      Além do mais, após a modernização, terão o acesso que tinham e hoje é restrito.

      Isso pra mim é falta de laço. Alguém influente desse grupo de retardados saiu perdendo em alguma e vai contra os interesses do povo. E o pior, tem 10 mil pessoas que vão atrás.

      Curtir

      • Não tinham e vão continuar não tendo – quer dizer, vão poder ver sofás em alguns deles 😛

        Ataques ad hominem não discuto.

        Curtir

      • Isso de sofás é a maior furada. Não dura dois meses, verás.
        Todo mundo já cansou dessas lojas que vendem sofás feios por uma fortuna. Ainda mais com a crise que haverá ano que vem.

        De qualquer forma, antes não acessavam por ser armazéns de cargas. Amanhã por ser lojas de sofá. Espero que terminem essa obra logo, que essas lojas vão a falência e abram bares e restaurantes.

        Curtir

      • Não tinha pensado dessa forma, mas se a falência do polo de design gerar outro tipo de comércio melhor. Mas ainda assim, não é acesso livre.

        Lembre que nem todos eram armazém de cargas, aliás boa parte desses em reforma não eram. Mas eram totalmente subutilizados realmente, só tinham acesso livre nas binais, feira do livro e um ou outro evento.

        Curtir

    • E esses mesmos do grupo, basta rolar uma graninha, que tão se siriricando no Puerto Madero.
      Sei pq vi conhecidos nesse grupo e que tão sempre em BsAs.

      Curtir

%d blogueiros gostam disto: