Contêineres: sujeira reflete mau uso

conteineres

Jornal Metro – Porto Alegre – 13/01/2015



Categorias:Coleta mecanizada de lixo

Tags:,

25 respostas

  1. Porto Alegre poderia ser uma das cidades mais limpas do Brasil, basta ver onde não tem moradores de rua e catadores, a diferença é absurda.

    Na região da rodoviária eles costumam separar o lixo, é uma desgraça, lixo pra tudo que é canto, tem uma parede preta por causa do fogo.

    A população também não colabora, mas é mais por pequenas coisas, agora os lixões a céu aberto que temos em Poa, não da pra negar, catadores e moradores de rua.

    Perto da minha casa tinha uma familia de mendigos morando em uma praça, nós sempre jogavamos bola com eles, eram bem de boa, mas era lixo pra tudo que é canto, horrivel.

    Até que um dia, sabe se la o por que, alguém matou eles.

    A praça virou um brinco depois disso.

    Óbvio, não estou dando uma solução, longe disso, nunca que eu iria querer uma coisa dessas, mas que ta na hora de um pulso firme, isso sim.

    Curtir

    • Na realidade, mendigos sempre vão existir. A questão é o quanto eles podem fazer o que querem ser responder por isso. Essa que é a diferença. Tu vê mendigos no centro de NY mas eles não podem sair espalhando lixo.

      Curtir

  2. Não sei se é regra (acredito que não), mas em meu prédio, no centro, foi estipulado que todo o lixo seco fica acondicionado no (pequeno) depósito do prédio e este é recolhido em dois dias espaçados da semana (realmente funciona!). Sempre noto uma boa quantidade de material.
    O que ainda falta é a capacidade de discernimento sobre cada tipo de material, pois por falta de conhecimento (e\ou preguiça) acontece a mistura, que muitas vezes aumenta a quantidade de resíduos pela contaminação dos potencialmente recicláveis. Simplificando: falta educação de muitos moradores…
    Sem falar no f*da-se que os catadores fazem dentro dos conteiners (e fora deles, na calçada), e a má prestação do serviço na manutenção dos mesmos.

    Curtir

    • Exatamente o que acontece no meu prédio.

      Sobre a separação do lixo, digo que a maior parte não o faz por preguiça, mesmo. No meu trabalho tem um projeto que estimula a separação do lixo, e uma das líderes do projeto… vivia colocando tudo misturado. Ou seja, faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço…

      Curtir

      • Eu concordo, boa parte do problema é preguiça. COnheço gente que mora em condomínio de luxo, vai ter zelador pra levar o lixo seco no dia que passa caminhão e mesmo assim não separa.

        Curtir

    • Algo semelhante ocorre no meu prédio; o lixo seco fica acumulado em um contêiner interno e no dia de coleta o zelador leva para a calçada. Mas nem todos os imóveis tem zelador ou são prédios. E em pouco tempo, os catadores sabem que aquele lixo é reciclavel e reviram tudo, deixando tudo aberto, depois os recolhedores não conseguem pegar todo o lixo…

      Curtir

  3. Vamos ser honestos, não importa que as pessoas não separam o lixo (e eu sou um que acha que as pessoas deveriam ser multadas por não fazer a separação), a culpa dessa sujeira toda é eminentemente daqueles retiram o lixo do contêineres deixando o exposto na rua – CATADORES.

    Chega de coitadismo!

    Curtir

    • E existiriam catadores se o povo não enfiasse o lixo seco junto do orgânico nos contêineres?

      Logo, indiretamente, a culpa também é das pessoas.

      Curtir

      • E existiriam ladrões, se não houvessem pessoas carregando dinheiro e artigos valiosos? E existiriam estupradores, se as mulheres não andassem tão “apetitosas” pela rua? E existiriam terroristas muçulmanos, se todos seguissem a religião islâmica?

        Que mania de inverter a lógica da culpa para proteger quem faz toda a M.

        Curtir

      • Tá viajando na maionese.

        Não se trata de inverter a culpa, e sim de atribuir a culpa a ambos os lados.

        O povo tem culpa por não ter educação e separar o lixo, e o poder público tem culpa por não multar quem não separa e por permitir a proliferação dos catadores. Simples assim.

        Curtir

      • … e os catadores são culpados por espalhar pela cidade o lixo que não lhes interessa

        Curtir

      • Ah, me esqueci, segundo a doutrina dominante vivemos numa sociedade em que só uma parte da sociedade é responsável pelos seus atos.

        Curtir

      • Mimimi…

        Cada um que faça sua parte e cobre do poder público que faça a sua. Todos tem responsabilidade.

        Curtir

      • Eu fico até deprimido quando além de não responsabilizarem os catadores pela sujeira ainda botam eles de heróis por ajudar na nossa reciclagem.

        Fala sério, que façam um sistema moderno e eficiente que vai gerar emprego para esse pessoal.

        Curtir

    • Da mesma forma, esses “amados” catadores são os únicos responsáveis pelo espalhamento do lixo seco, mesmo acondicionado corretamente em sacos, no ínterim entre eles serem colocados na calçada e a passagem do caminhão de lixo seco.

      Querem o que, que o cidadão também deixe de ir trabalhar e fique esperando o caminhão passar para ir correndo colocar o lixo na rua no momento exato, ou que pague um preposto para fazer esse serviço?

      Curtir

  4. A ideia dos contêineres até não foi má, mas a execução foi péssima. Fica aquele monte de trambolho diminuindo ainda mais o espaço nas calçadas, com lixo espalhado em volta, sem manutenção (o contêiner próximo à minha residência está há uns dois anos com problema pra abrir). O ideal seria contêineres subterrâneos (já mencionaram que em algum lugar é assim).

    Além disso, os horários das coletas são os melhores possíveis, só que não. Sexta-feira, em pleno horário de pico, fica o caminhão recolhendo o lixo na Fernando Machado, trancando toda a rua e causando um congestionamento desnecessário…

    Curtir

  5. E vão continuar misturando porque deveria haver 2 containers, um para seco outro para orgânico, lado a lado, como é em todas as cidades do mundo.

    Curtir

  6. Eu sempre achei uma falha não ter contêiner para lixo seco, ou então alguma local determinado para isso. Muita gente bota junto porque não sabe onde colocar o seco, ou não é claro os dias que a coleta seletiva passa.

    Curtir

  7. Mas bom saber que estão encaminhando expansão da área atendida!

    Curtir

  8. Eu concordo que deveria ter os conteineres de lixo seco, mas convenhamos que não é por isso que o pessoal não separa. É por preguiça mesmo.

    Curtir

    • Preguiça, ignorância ou porque não se importa mesmo.

      Curtir

    • Muitas vezes os horários da coleta do lixo seco são ruins e nem todos tem jeito de ficar armazenando lixo em sua residência. Se houvesse container de lixo seco seria um bom incentivo para realizar o descarte correto.

      Curtir

    • Uma coisa não justifica a outra, concordo. Só acredito que a presença de contêiner pra lixo seco seria um estímulo a mais para a separação do lixo.

      Curtir

      • Não justifica, verdade. O que quero dizer é que só por os containeres não resolve todo o problema, precisa mais que isso.

        Curtir

  9. O correto seria ter um container de lixo orgsnico e outro de lixo reciclavel, para estimular a separação do lixo e cuidado com a natureza…
    E quatro anos depois, já deveríamos ter toda a Cidade sendo atendida por essa coleta automatizada, não apenas, no máximo, 1/3 da cidade, a região central.
    E sim, por experiência propria posso dizer que o caminhão de coleta passa todos os dias, mas o de lavagem, raramente. O caminhão que higieniza os equipamentos deveria passar de 3 em 3 dias, no máximo uma semana. Se não enche de baratas, ratos e o container junta sebo, mosca…

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: