Porto Alegre tem menor tempo de viagem dos ônibus urbanos do país

 Capital gaúcha registrou tempo de viagem de 56 minutos em média por linha  Foto: Marcela Barbosa/Divulgação PMPA


Capital gaúcha registrou tempo de viagem de 56 minutos em média por linha
 Foto: Marcela Barbosa/Divulgação PMPA

Segundo pesquisa divulgada recentemente pela associação de defesa do consumidor Proteste, Porto Alegre é a primeira colocada em tempo de viagem entre as capitais brasileiras, com 56 minutos em média por linha. Isso significa que os passageiros das linhas urbanas ficam menos de uma hora, em média, no interior dos ônibus. A segunda colocada é Curitiba (61 min), seguida de Brasília (72 min), Belo Horizonte (74 min) e São Paulo (85 min). O último lugar ficou com Rio de Janeiro (93 min).

Porto Alegre também foi destaque como a segunda com o menor tempo de espera nos pontos de parada de ônibus, tendo uma média de intervalo entre as viagens de 19 minutos por linha de ônibus, à frente de cidades como São Paulo (25 min), Belo Horizonte (25min), Brasília e Rio de Janeiro (29 min). O primeiro lugar nesse quesito foi Curitiba (18 min), e o último com Recife (35 min).

Segundo o texto de divulgação da Proteste, “de acordo com os resultados obtidos em nossa pesquisa, a cidade que tem o melhor transporte suburbano é Porto Alegre. Ela foi a única razoavelmente avaliada pelos respondentes, enquanto as outras receberam notas muito baixas”.

O diretor-presidente da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), Vanderlei Cappellari, vê o cenário como positivo, mas ressalta que a cidade pode melhorar ainda mais. “Acreditamos que, com o sucesso da licitação, poderemos qualificar o sistema de transporte coletivo atual, com uma nova legislação e ampliação do monitoramento por GPS nos veículos, além de meta de cumprimento de tabela horária, beneficiando os melhores operadores e, por consequência, os passageiros”.

Cappellari ressalta que, além de investir nos ônibus, é necessário que o poder público siga dando sequência nos investimentos em transporte alternativos. “Recentemente, inauguramos uma linha do catamarã e as novas lotações da Restinga e Belém Novo. Até a metade do ano, realizaremos uma nova licitação para o BikePoa (bicicletas compartilhadas), investiremos em mais ciclovias e seguiremos as negociações para o futuro metrô da Zona Norte, tudo isso também contribuirá para um melhor transporte público”, finalizou.

Atualmente, a frota de Porto Alegre conta com 1.703 ônibus e é dividida em 400 linhas, que atendem a todas as regiões da cidade.

O estudo da Proteste você encontra neste link:

http://www.proteste.org.br/familia/nc/noticia/transporte-publico-deixa-a-desejar 

Prefeitura de Porto Alegre



Categorias:Meios de Transporte / Trânsito

30 respostas

  1. E antes q alguém diga “tu fala isso pq nunca pegou Belém o lami o ponta grossa” bah muito já peguei morei no Belém, os ônibus eram bons, poderia ter mais horários sim poderia, mas o caso q esses lugares São longe centro e mesmo com melhor sistema do mundo a viagem diária sempre um pouco cansativa pelo tempo e distância, oq mudaria seria um trem pois não pegaria trânsito e agilizaria tempo de viagem… mas independente disso tem um prêmio morar lá é tranquilidade, outra vibe morar no extremo zona sul parece outra cidade eu gostava

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: