Comitê em Defesa do Salgado Filho contesta Padilha, envia pedido de informações à Infraero e recorre ao Ministério Público

Foto: José Arthur Eidt

Foto: José Arthur Eidt

O Comitê em Defesa do Aeroporto Salgado Filho, movimento que reúne mais de 70 entidades, enviou oficio com pedido de informações à presidência da INFRAERO. O Comitê discorda das decisões tomadas pelo Ministro Padilha que retardam, mais uma vez, as obras de extensão da pista em 920 metros. “Não há fundamentação técnica nem coerência nas imposições do Ministro”, diz Claudio Candiota, advogado e presidente da ANDEP (Associação Nacional em Defesa dos Direitos dos Passageiros do Transporte Aéreo), entidade que coordena o Comitê, juntamente com OAB/RS e Fórum Latino Americano de Defesa do Consumidor.

O Conselho de Administração aprovou a obra de extensão da pista, mas condicionou o início da obra à retirada das famílias no entorno. Os técnicos do Comitê discordam da exigência que contraria acordos assinados com o Município. A área está cercada e à disposição da INFRAERO, desde 2011.

No ofício, ainda sem resposta, o Comitê destaca que “retirar obstáculos que se encontram em área externa àquela onde será realizada a obra é óbice tecnicamente injustificável”. Alega, ainda, que “não há fundamentação jurídica a amparar tal exigência. Não há lógica em retirar, antes, obstáculos que só podem ser considerados “obstáculos às operações aéreas que só ocorrerão depois de concluída a obra”. O prefeito José Fortunati considera a manobra procrastinatória. É “enrolation”, disse.

Veja a matéria integral na Revista Aviação Notícias, clicando aqui.

(publicado mediante autorização da revista)



Categorias:Aeroporto Internacional Salgado Filho

Tags:, ,

9 respostas

  1. Temos todos lutar por nosso direito e nossa necessidade……nao vamos aceitar que um “burrocrata”……atrasem este trabalho que e urgente, e também neste momento de crise abriria muitas vagas para trabalhadores da construção civil, o que muito importante para nossa economia, tao carente no momento de vagas….e perspectivas….que se inicie os trabalhos no menor tempo possível…..

    Curtir

  2. Neverending story.

    Curtir

  3. Depois que um voo fez pouso de emergencia em Canoas, na base aérea, Lançaram e aprovaram rapidinho o projeto de ampliação da pista e fizeram todas aquelas apresentaçoes a midia e poderes.

    Uma pena que tudo isso foi “só pra ingles ver”, pra acalmar os animos dos empresarios que querem cargas maiores no SF e a população que quer voos diretos e é claro as aeronaves que temem uma tragedia igual a de sao paulo em que por falta de pista (dentre outros motivos) o avião bateu direto em um angar.

    Uma pena tamanho “lobby” que vemos aqui.

    Curtir

  4. Anote: não sai pois o Padilha é famoso por negociatas de ganhos pessoais e nesse caso com certeza tem algo por trás. ….

    Curtir

  5. Sr. Eliseu Padilha é melhor encaminhar o seu pedido de demissão no cargo da AVC as suas palavras e esclarecimentos não são as mesmas de interesse do povo gaúcho. Queremos o início das obras de ampliação da extensão da pista do Salgado Filho, chega de mentiras e muita enrolação o povo não é bobo e vai com certeza cobrar de todos os políticos que estão trabalhando contra os interesses da nossa economia gaúcha e desenvolvimento do Rio Grande. Acorda. Eliseu Padilha. Estamos de olho no que acontece na Secretaria de AVC e Infraero.

    Curtir

  6. Acredito no Fortunati. De enrolation ele entende como ninguém.

    Curtir

    • Minhas desculpas, foi realmente erro de digitação e muita pressa o correto é Secretaria Aviação Civil – (SAC).

      Curtir

%d blogueiros gostam disto: