União anuncia investimento de R$ 5,7 bilhões em logística no RS

Pacote contempla Salgado Filho e quatro rodovias gaúchas

Pacote anunciado faz parte da nova etapa do Programa de Investimento em Logística | Foto: Roberto Stuckert Filho / Presidência da República / CP

Pacote anunciado faz parte da nova etapa do Programa de Investimento em Logística | Foto: Roberto Stuckert Filho / Presidência da República / CP

O ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão, Nelson Barbosa, anunciou nesta terça-feira investimento de R$ 5,7 bilhões no Rio Grande do Sul. Serão R$ 3,2 bilhões em rodovias e R$ 2,5 bilhões no Aeroporto Internacional Salgado Filho de Porto Alegre.

Em relação às estradas, o objetivo é melhorar a ligação da Capital com as zonas Sul, Norte e Litoral do Estado. As BRs 101,116, 290 e 386 serão contempladas. Os trechos previstos são Porto Alegre a Carazinho na BR 386; Porto Alegre até Camaquã na BR 116 e Porto Alegre ao Litoral nas BR 101 e BR 290.

O Aeroporto Internacional Salgado Filho receberá investimento para a ampliação da pista, do pátio e do terminal de passageiros. De acordo com o governo federal, o terminal de Porto Alegre é o nono mais movimentado do país e o 1º da região Sul. Só em 2014, movimentou 8,4 milhões de passageiros.

Em ferrovias, o investimento nacional está entimado em R$ 16 bilhões. O projeto em negociação com os concessionários prevê a ampliação de capacidade de tráfego, novos pátios, redução de interferências urbanas, duplicações, construção de novos ramais, equipamentos de via e sinaliação e ampliação da frota. Serão contemplados 14 estados, entre eles o Rio Grande do Sul

O pacote anunciado hoje contempla todas as regiões do País, e faz parte da nova etapa do Programa de Investimento em Logística (PIL). De acordo com o governo, as diversas iniciativas do programa – que prevê investimentos em portos, aeroportos, rodovias e ferrovias – vão garantir a retomada do crescimento econômico do País, de modo sustentável e com a preservação da inclusão social.

Em nível nacional, Barbosa anunciou investimento de R$ 198,4 bilhões, sendo R$ 69,2 bilhões entre 2015-2018 e R$ 129,2 bilhões a partir de 2019. Os valores estão divididos em rodovias (R$ 66,1 bilhões), ferrovias (R$ 86,4 bilhões), portos (R$ 37,4 bilhões) e aeroportos (R$ 8,5 bilhões). Segundo o ministro, nova etapa de estratégia de desenvolvimentoPacote  econômico e social serve para aumentar a produtividade e o investimento no País.

Correio do Povo



Categorias:Outros assuntos

8 respostas

  1. O RS ficou com uma fatia de R$ 5.7 Bi de um total de R$ 129.2??

    Curtir

  2. rs118 nada né.. achava mais importante a duplicação da 118 do que a quadruplicação da 290

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: