Shiyan Yunlihong desiste de fábrica de caminhões em Camaquã

Montadora chinesa iria investir R$185 milhões na primeira unidade brasileira

Shiyan-YunlihongA empresa chinesa Shiyan Yunlihong desistiu de instalar uma fábrica de caminhões em Camaquã, no sul do Rio Grande do Sul. A devolução do terreno foi feita à prefeitura municipal nesta semana. Segundo a companhia, a retração da economia brasileira e a falta de investidores interessados motivaram a desistência.

O investimento de R$ 185 milhões para a instalação da primeira unidade da montadora no Brasil foi oficializado em 2012 no Palácio Piratin (foto), sede do governo estadual. Na época, a previsão era de que o projeto gerasse 200 empregos na implantação e 455 postos de trabalho na operação. A fábrica iria atender aos mercados brasileiro, latino-americano e africano.

Revista Amanhã



Categorias:Economia Estadual

Tags:, , , ,

15 respostas

  1. Jura, tem crise não djow…
    É tudo coisa da mídia golpista, e do FHC.

    Curtir

  2. Esse é o Rio Grande do Sul que não cresce

    Curtir

  3. Ué, mas o Sartori vai fazer que nem o Olivio?? Ford 2?

    Curtir

  4. O Sartori não tem culpa da situação da economia BRASILEIRA.

    Curtir

  5. Legado Petista deixa sua segunda marca no RS. Na primeira foi ideologia, na segunda vez foi a economia.

    para o malandro ali de cima, o texto é bem claro:

    Segundo a companhia, a retração da economia brasileira e a falta de investidores interessados motivaram a desistência.

    Valeu Dilma, Tarso, Olivio e o pai do Petrolao LULA.

    Curtir

  6. There is NO demand around the world and in Brazil, plus they do not want to take any more risk, which is too high. it’s that simple. Some Brazilians here need to grow up (as usual) about that bogus left vs right nonsensical political fight.

    Curtir

  7. Olha, tá todo mundo achando que a próxima economia a quebrar, e aí quebrar o mundo, é a chinesa da onde essa empresa vinha.

    Mas vocês dizem que não existe crise global, só o Brasil está em crise

    Curtir

    • A China quebrar, sendo credora dos principais países ocidentais (a começar pelos EUA)? Duvido muito.

      Curtir

%d blogueiros gostam disto: