Obras estão paradas nas trincheiras da Ceará e Anita Garibaldi

Serviços foram interrompidos em função do atraso no pagamento feito pela prefeitura

 Serviços foram interrompidos em função do atraso no pagamento | Foto: Samuel Maciel


Serviços foram interrompidos em função do atraso no pagamento | Foto: Samuel Maciel

Com mais de 90% dos trabalhos concluídos, as obras da trincheira da avenida Ceará estão paralisadas. Os trabalhos foram interrompidos na quinta-feira em função do atraso no pagamento realizado pela Prefeitura de Porto Alegre ao consórcio de empresas (Conpasul, Sogel e Toniolo, Busnello) responsável pela construção. Ontem pela manhã, no canteiro de obras próximo ao Aeroporto Internacional Salgado Filho, cerca de dez funcionários trabalhavam na preparação de ferros da estrutura.

A obra da trincheira, com 300 metros de extensão deveria ser concluída em dezembro deste ano. Os trabalhos começaram em dezembro de 2012 e estavam previstos para terminar em junho de 2014, durante a Copa do Mundo. A obra foi retirada do caderno de encargos da Fifa devido ao atraso na conclusão. O custo da trincheira da avenida Ceará é de R$ 32 milhões.

Outra obra paralisada na Capital é a da trincheira da rua Anita Garibaldi. O motivo para a suspensão dos serviços é a falta de pagamento por parte da prefeitura. No mês de setembro, a trincheira de 210 metros de extensão foi inaugurada. Com a paralisação dos trabalhos, fica prejudicada a conclusão das obras em duas alças de acesso da Anita Garibaldi com a Terceira Perimetral. A expectativa do Município era de que os trabalhos fossem concluídos em dezembro deste ano. A obra na Anita começou em janeiro de 2013. O custo é de R$ 13,4 milhões. Segundo a EPTC, pela região circulam 75 mil veículos por dia.

Em nota, a Secretaria Municipal de Gestão informou que a prefeitura está realizando todos os esforços para garantir o prosseguimento das obras tanto da Trincheira da Ceará quanto da Anita. A prioridade do executivo municipal neste final de ano passou a ser o pagamento do 13º salário dos servidores. A prefeitura está em permanente avaliação para ajustar o orçamento frente a ocorrências como queda na arrecadação, diminuição de repasses por parte dos governos estadual e federal e frustração na expectativa de aporte de recursos como a antecipação do IPTU. “Os recursos à construção estão garantidos através de financiamento com a CEF e o executivo municipal está em negociação com as empresas para quitar a dívida por parte da prefeitura e retomar imediatamente as obras na Ceará e Anita Garibaldi”, diz a nota.

Correio do Povo

Construção segue em ritmo lento na Cristóvão Colombo

Trincheira terá uma extensão de 300 metros

Trincheira terá uma extensão de 300 metros | Foto: Samuel Maciel

Trincheira terá uma extensão de 300 metros | Foto: Samuel Maciel

As obras na trincheira da avenida Cristóvão Colombo estão em ritmo lento em razão da dificuldade financeira do consórcio de empresas (EPT, Serenge e Serki) responsável pela construção. A Secretaria Municipal de Gestão trabalha com prazo de entrega para a passagem de veículos por baixo da Terceira Perimetral até o final deste ano. No entanto, a previsão é que as alças de acesso no sentido bairro/Centro, o muro de contenção da obra e as calçadas deverão ficar prontos no começo de 2017.

A Secretaria informa que no caso da trincheira da Cristóvão a prefeitura não deve nada ao consórcio de empresas. O contrato com o consórcio foi assinado em agosto de 2012. A ordem de início das obras foi realizada em março de 2013. A previsão era que o serviço fosse executado no prazo de 12 meses. A trincheira da avenida Cristóvão Colombo terá uma extensão de 300 metros. O custo da obra está avaliado em R$ 12,5 milhões. A estimativa de conclusão era dezembro de 2016. Segundo a Secretaria, toda a estrutura de arte já foi realizada. Falta executar 1,5% da escavação no lado bairro e 10% da pista de rolamento. Ainda estão em execução os muros de contenção junto à alça lateral (Sul/bairro).

Correio do Povo

Anúncios


Categorias:Trincheiras / passagens de nível

Tags:, ,

%d blogueiros gostam disto: