Farrapos terá trânsito liberado na Trincheira da Ceará

Abertura do trecho rumo à BR 116 é primeira parte da conclusão da trincheira da Ceará | Foto: Brayan Martins / PMPA

Abertura do trecho rumo à BR 116 é primeira parte da conclusão da trincheira da Ceará | Foto: Brayan Martins / PMPA

A saída da Capital pela avenida Farrapos e BR-116 voltará a ser uma boa opção aos condutores e passageiros de ônibus. A partir desta sexta-feira, 30, será liberado o trânsito na Farrapos, na pista Centro-bairro, entre as ruas Padre Diogo Feijó e Edu Chaves, nas proximidades da Trincheira da Ceará. O prefeito José Fortunati, secretários e técnicos da prefeitura realizarão vistoria no local às 8h.

Com isso, a avenida, que tem quatro faixas por sentido de circulação, não terá mais bloqueios de trânsito no trecho. A Farrapos será alternativa para sair da cidade com mais agilidade, desafogando um tráfego de mais de 20 mil veículos por dia, sentido Porto Alegre-Interior. A liberação faz parte da primeira fase de conclusão das obras da Trincheira da Ceará, que deverá entregue no início do ano que vem.

A rota que era utilizada como desvio, ruas 25 de Fevereiro e Edu Chaves, será mantida apenas como alternativa, pois obras seguem sendo realizadas nas vias secundárias. Agentes da EPTC intensificarão o monitoramento no local. Os semáforos terão os tempos ajustados para garantir fluidez e segurança ao tráfego.

As fases da obra da trincheira e seus empecilhos

– Renegociação de preços para fazer frente à nova solução estrutural da trincheira. O consórcio inicialmente recusou-se a aceitar os preços impostos pelo município, por considerá-los baixos. Tais preços já tinham passado pelo crivo do órgão de controle e agente financiador. Portanto, o município tinha convicção em seus valores. Após o município anunciar nova licitação, o consórcio voltou atrás e retomou a obra, em janeiro de 2015.

– A restrição de horários imposta à obra, devido sua proximidade com o aeroporto (trabalhos de execução das paredes diafragma somente à noite), levou à necessidade de estabelecimento de um cronograma com prazo de execução além do inicialmente planejado. Também dificultaram a obra o solo arenoso da área, o lençol freático, a vizinhança com o Trensurb e o trânsito intenso na região. 

Pista Centro-bairro, entre as ruas Padre Diogo Feijó e Edu Chaves, ficará livre  Foto: Divulgação/PMPA

Pista Centro-bairro, entre as ruas Padre Diogo Feijó e Edu Chaves, ficará livre  Foto: Divulgação/PMPA

Prefeitura de Porto Alegre

Anúncios


Categorias:Outros assuntos

3 respostas

  1. Vai resolver principalmente os problemas criados pela propria obra

    Curtir

  2. mas é feia essas vigas vermelhas. Não sei da onde tiraram que vermelho combinaria com cinza do cimento kkkk

    Curtir

    • O viaduto Leopoldina (João Pessoa com Loureiro) é azul, as paradas de ônibus são amarelas e as lixeiras laranja!

      Curtir

%d blogueiros gostam disto: