Primeiro hub da saúde de Porto Alegre é lançado (atualizado)

Post atualizado às 23:06 de 23 de junho de 2017

_________________________

Melnick, Zaffari e Hospital Moinhos de Vento são sócios do empreendimento

Captura de imagem do vídeo do empreendimento.

A construtora Melnick Even, o Hospital Moinhos de Vento (HMV) e o Grupo Zaffari anunciaram nesta terça-feira (20) a localização do primeiro hub da saúde de Porto Alegre. Em um terreno de mais de 14 mil metros quadrados será construído um complexo multiuso que terá um supermercado da bandeira Bourbon Shopping (com 12 mil metros quadrados de ABL, um empreendimento residencial e comercial da Melnick Even e uma unidade do Hospital Moinhos de Vento para diagnóstico e atendimento de baixa e média complexidade. O hub ficará situado na Avenida Aparício Borges.

O Linked, complexo multiuso da Melnick Even, com VGV [ou Valor Geral de Vendas, índice calculado pela soma do valor potencial de comercialização de todas as unidades de um empreendimento a ser lançado] de R$ 105 milhões, será composto de duas torres com 314 unidades. A torre residencial tem infraestrutura independente, composta de 140 unidades de lofts e apartamentos de um dormitório.  A torre comercial terá 168 salas comerciais e consultórios, além de seis unidades clínicas.

“É um empreendimento que não é comum no mercado imobiliário, pois tem a capacidade de induzir ao desenvolvimento de uma região, de transformar talvez um bairro e principalmente, de impactar milhares de moradores do entorno. É um empreendimento, portanto, bastante audacioso e relevante por não estar resumido a um empreendimento imobiliário e seus compradores”, comemora Leandro Melnick, presidente da Melnick Even.  “O Moinhos se propõe a ser um hospital de excelência já somos um dos dez melhores hospitais da América Latina. O Moinhos está fazendo 90 anos neste ano, um período intimamente relacionado com a cidade”, destaca Mohamed Parrini, superintendente executivo do Hospital Moinhos de Vento. O empreendimento começou a ser planejado ainda em 2010. Porém, a burocracia fez com que o projeto só fosse aprovado neste ano e deve ficar pronto em 2020. “Conseguimos chegar em 2017 com o projeto aprovado, licenciado, mas que o cliente, o morador da região, o consumidor só vai enxergar em 2020. Então são 10 anos. Esses processos são assim”, recorda Cláudio Zaffari, diretor do grupo.

LOCALIZAÇÃO:

Arte: Porto Imagem sobre imagem Google Earth

Por Dirceu Chirivino

Revista Amanhã

_______________________

O vídeo do primeiro Hub:

Esse é o primeiro de quatro HUBs, que estão sendo executados com essa parceria.
Este vídeo explica melhor:

 

Anúncios


Categorias:Arquitetura | Urbanismo, Prédios, Shopping Centers

Tags:, , , ,

24 respostas

  1. boa parte da arquitetura do prédio não tem valor estético algum, só caixas sem janelas, não entendo porque tiram as arvores pra mostra-la kkkkk

    Curtir

  2. Realmente, a arquitetura é de uma tristeza…

    Curtir

  3. A arquitetura é a última preocupação deles!!! o negócio é lucrar!!! e com o lucro vão viajar pelo mundo e desfrutar de uma boa arquitetura!!!

    Curtir

    • LUCRO ! ó que horrror! sim queria o que? investir nesta época de crise já é uma ousadia sem tamanho, tem mais é que ser arquitetura funcional, ainda mais naquela baixada ali. Empresário não faz favor ao investir, senão lucrar, melhor deixar o dinheiro no banco.

      Curtir

      • O que espanta é fazer empreendimentos para obtenção de LUCRO em cima de algo básico para qualquer ser humano ,uma saúde de boa qualidade,penso assim!!!

        Curtir

      • O pior é o agricultor, que lucra com uma necessidade fundamental das pessoas, a comida. Melhor seria estatizar tudo, assim não teríamos lucro, só fome, doença e miséria.

        Curtir

  4. Valorizará em muito aquela área, fato! Agora o que queremos muito ver é o lançamento glorioso do empreendimento do Pontal do Estaleiro.

    Curtir

  5. Não consigo avaliar muito bem a arquitetura de um edifício por um render, pois creio que arquitetura é muito mais que apenas a estética.
    Mas, me limitando a comentar o empreendimento, me parece que vai ajudar a desenvolver a região, em parceria com os investimentos em mobilidade feitos nos últimos anos. É claro que isto traz consigo eventos positivos e negativos mas, de maneira geral, os positivos se sobressaem.
    Outro fator que tem me chamado a atenção é o interesse de grandes construtoras neste novo setor – clinico privado – direcionado em edifícios com características hospitalares. Requer um projeto arquitetônico muito específico, obedecendo normativas muito além do plano diretor (nisso também reside a arte de projetar e, consequentemente, a arquitetura – opinião estritamente pessoal).

    Diante da crise é importante que as construtoras atualizem sua área de atuação, buscando novos clientes o que muitas vezes torna os empreendimentos cada vez mais particulares. Isto reverte em mais mercado para os arquitetos e engenheiros que, não raras vezes neste tipo de projeto, têm que trabalhar em cooperação com um numero cada vez maior de profissionais.
    Não sei se o projeto foi desenvolvido em Porto Alegre, mas fico bastante contente com o investimento.

    Curtir

  6. Porque os que reclamam aqui de tudo, não criam uma empresa e constroem algo bonito e valoroso???? Criticar é muito, muito fácil, agora quero ver fazer melhor que este empreendedores, estão de parabéns, numa cidade estagnada o setor privado investi em um projeto de valor agregado. Parabéns e devemos valorizar mais este tipo de investimento que gera renda e diversos empregos diretos e indiretos e foca em algo tão essencial que é a saúde

    Curtir

    • kkkkkkk que analogia é essa? Então o torcedor que reclama do jogador em campo deve começar a jogar futebol para substitui-lo?
      Além do que, se eu construisse algo ‘bonito e valoroso’ o feio ainda continuaria lá, pois não fui eu que fiz. Sem sentido algum.
      Não entendi de que forma renda de empregos, investimento etc contra-argumenta a estética do prédio..
      Também não entendi o ‘parabens’ aos empreendedores, como se a intenção deles fosse movida por boa ação kkkkk ninguém investe se não vai ter lucro.

      Curtir

  7. Salas comerciais a partir de 300mil. 40m²

    Curtir

  8. Joga no SkyScraperCity esse projeto, se a molecada lá achar feio é porque a Melnick fez um ótimo trabalho e o conjunto será belíssimo. Não tem erro.

    Curtir

  9. Não querendo defender a Melnick, mas é a construtora que mais lançou empreendimentos e aqueceu a economia da construção civil aqui na capital nos últimos meses. Sendo em época de crise é uma ótima notícia. Mais investimento no setor -> mais empregos.
    É fato que alguns empreendimentos não apresentam um requinte a mais, mas na maior parte das vezes são cases populares e mais baratos, os clássicos “de entrada”, estilo Viva Vida.
    As fotos desse empreendimento estão desatualizadas. O canal deles no YouTube enviou um vídeo agora a tarde que mostra uma fachada um pouco diferente.

    https://drive.google.com/file/d/0BwwPayklZ9WmQlo5TEFrTnB4WVU/view

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: