Licitação para venda de terrenos da BM não tem interessados

Nova estratégia de venda será avaliada

ginasio-brigadaNão houve interessados na licitação de concorrência da venda dos terrenos do Ginásio da Brigada Militar e Academia do Corpo de Bombeiros, em Porto Alegre. A abertura dos envelopes da concorrência estava programada para a manhã da segunda-feira (26), na Central de Licitações do Estado (Celic). De acordo com a Celic, uma nova estratégia será avaliada e uma outra data deve ser definida.

O lote do Ginásio de Esportes da Brigada Militar possui uma área de 9.849,17m², localizado na Rua Felipe de Oliveira, nº 15. O lance inicial de venda para esse terreno é de R$ 40.522.000,00. O outro é o terreno onde funciona a Academia do Comando do Corpo de Bombeiros Militar do RS, localizado na Rua Silva Só, nº 300, compreendendo uma área de 24.788,56m², no valor inicial de venda de R$ 85.366.000,00. Os dois terrenos serão vendidos em lote único no valor total de R$ 125.888.000,00.

Parte do pagamento do valor ofertado do lote único fica condicionado à execução de áreas construídas, por parte do comprador, onde serão instalados os empreendimentos para o Complexo do Comando-Geral e da Academia de Bombeiro Militar e o Complexo de Educação Física da Academia de Polícia Militar, até o limite de R$ 34.996.309,72. Outra parte é feita por meio de caução, em uma parcela de 5% sobre o valor da avaliação, entregue no dia da concorrência. O saldo restante será quitado em duas vezes: 50% no prazo de 30 dias, a contar da publicação do resultado final da homologação no Diário Oficial do Estado. Os outros 50% no ato de assinatura do contrato de promessa de compra e venda e permuta por área construída, mediante apresentação de guia de arrecadação.

A permuta por área construída prevê as futuras instalações do Complexo do Comando-Geral e da Academia de Bombeiro Militar na área onde funciona o Centro Estadual de Treinamento Esportivo (Cete), que terá sua utilização maximizada, pois além de servir à comunidade, também será aproveitada pelos Bombeiros. E do Complexo de Educação Física da Academia de Polícia Militar em área localizada na Avenida Coronel Aparício Borges, 2001. Ambos terrenos na Capital são de propriedade do Estado.

Jéssica Moraes / Rádio Guaíba / Correio do Povo



Categorias:Outros assuntos

Tags:, ,

12 respostas

  1. Eu já tinha cantado essa pedra…

    Curtir

  2. Lembram do terreno do Estado na Praia de Belas que tinha sido anunciado uma troca com o Zaffari pela construção de um presidio novo e que acabou um puxadinho do Central.Estas construtoras não vão comprar pelo preço de mercado o terreno e sim pelo menor preço possivel,assim que se fica rico.

    Curtir

    • Tecnicamente, o preço de mercado é sempre o menor preço possível. Quando o preço de venda de algo não é o menor possível, esse não é o preço de mercado, e via de regra quem paga esse preço é o governo,

      Curtir

      • Foi postado aqui quando da noticia do leilão que o preço pedido estava no valor dos terrenos da região,vou dar um exemplo,uma tia minha que faleceu deixou um imovel bem localizado na tristeza foi colocado para vender em uma imobiliária que sugeriu um preço de um milhão de reais,não vendeu até hoje,mesmo que o mercado imobiliário cote estes valores para venda quem quer ganhar dinheiro em cima não vai pagar.

        Curtir

  3. Nos leilões de veículos ou equipamentos da prefeitura os peritos decidem um valor inicial e se não há lance acima desse valor, o próximo leilão começa com a metade do preço dos peritos. Como todo mundo sabe dessa regra e é sempre assim, ninguém dá lance algum no primeiro leilão e espera o segundo para comprar mais barato. Alguém sabe se esse tipo de licitação funciona assim também?

    Curtir

  4. 70 milhões mais o custo de construir a sede dos bombeiros no lado do CETE com tanque ultra profundo e não sei mais o que, não é?

    Curtir

  5. Comprar imóvel de quem tá na m3rda é a melhor coisa que há. O desesperado proprietário pede 100 e o comprador acaba levando por 50. Basta esfregar o cheirinho do dinheiro nas fuças do dono. O cara vende na hora. 125 milhões? kkk Vão arrematar por 70….e olhe lá.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: