Marchezan mostra a Lerner esboço de roda-gigante para a Orla

GP - Recepção ao Arquiteto Jayme Lerner

Prefeito recebeu urbanista responsável pelo projeto de revitalização da área  Foto: Jefferson Bernardes/PMPA

O prefeito Nelson Marchezan Júnior recebeu, na tarde desta sexta-feira, 9, no Salão Nobre do Paço Municipal, o arquiteto e urbanista curitibano Jaime Lerner, responsável pelo projeto de revitalização da Orla do Guaíba, trechos 1 (Moacyr Scliar) e 3 (ainda não denominado). No encontro, o prefeito fez uma apresentação da Orla a Lerner e antecipou que no trecho 2, cuja consulta pública para concessão será lançada na próxima segunda-feira, 12, haverá uma roda-gigante de no mínimo 80 metros de altura. Esta ideia já constava em um pré-esboço do arquiteto, apresentado há cinco anos a sua equipe e a técnicos da prefeitura. Lerner, que foi três vezes prefeito de Curitiba e duas vezes governador do Paraná, veio à Capital receber o Troféu Câmara Municipal, em sessão solene no Plenário Otávio Rocha, no final da tarde. Foi a primeira visita dele a Porto Alegre depois da inauguração da Orla, há um ano.

25303993

A expectativa é de que um milhão de pessoas por ano andem na roda-gigante  Amuse BR / Reprodução

“Seu sonho da roda-gigante será realizado, governador Lerner. Como uma homenagem, guardamos a informação para lhe dar pessoalmente em sua visita a Porto Alegre”, disse o prefeito Marchezan. Lerner respondeu que espera poder andar na roda-gigante. “Pretendo ficar parado no alto para apreciar a paisagem”, brincou. O prefeito informou que o equipamento será um dos mais altos do país, maior do que o existente em São Paulo, de aproximadamente 50 metros de altura, e próximo ao que deverá ser construído no Rio de Janeiro, de 88 metros. “Com certeza, se transformará rapidamente em um ponto turístico nacional, e feito com recursos privados”, salienta Marchezan.

25303994

Para que a roda-gigante “avance sobre a água”, como descreveu o prefeito, está prevista sua instalação na minipenínsula sobre o Guaíba,  Amuse BR / Reprodução

Lerner diz que a obra da Orla de Porto Alegre é um exemplo para o país, pela retidão com que foi conduzida e pela excelência dos profissionais envolvidos na execução do projeto. “Hoje, é um dia muito feliz. Se eu pudesse, viria de cadeira de rodas de Curitiba para conhecê-la. Fiz questão de trazer os meus netos, que moram em Nova York, para verem como ficou a Orla”, comemorou.

Participaram da reunião com o arquiteto Jaime Lerner o seu sócio e também arquiteto Fernando Canalli; os vereadores Valter Nagelstein (proponente da homenagem no Legislativo) e Mauro Pinheiro; os secretários municipais de Relações Institucionais, Christian Lemos; do Meio Ambiente e da Sustentabilidade, Germano Bremm; de Parcerias Estratégicas, Thiago Ribeiro; de Planejamento e Gestão, Juliana Garcia de Castro; e de Infraestrutura e Mobilidade Urbana, Marcelo Gazen; e o diretor técnico de Projetos da Secretaria Municipal de Parcerias Estratégicas, Glênio Bohrer.

Troféu Câmara Municipal – Depois da visita ao prefeito, Jaime Lerner se dirigiu ao Legislativo, onde recebeu o Troféu Câmara Municipal. Na tribuna, ele ressaltou o orgulho de conduzir uma obra que se tornou o ponto de encontro dos moradores da cidade, o que considera um “solavanco na autoestima dos porto-alegrenses”. Em seguida, desejou aos que inicialmente questionaram a viabilidade do feito que possam usufruir o espaço da melhor forma possível. “A construção saiu dentro dos padrões de custo anunciados para que uma população imensa desfrute diariamente o Guaíba”, acrescentou.

Ao cumprimentá-lo pela homenagem, Marchezan Júnior saudou o empenho coletivo e o trabalho das antigas administrações que ajudaram a tirar o projeto do papel. “A Orla do Guaíba é o exemplo da sociedade que se organiza para trabalhar de forma conjunta em busca do bem comum, resgatando a convivência como um de seus bens mais preciosos”, destaca.

Nascido em Curitiba, em 1937, Jaime Lerner é arquiteto e urbanista formado pela Escola de Arquitetura da Universidade Federal do Paraná, em 1964. Obteve vários prêmios de arquitetura, como o 1º lugar no Concurso Nacional de Projetos para o Edifício-Sede da Polícia Federal, em Brasília (1967); 2º lugar no Concurso Internacional Eurokursaal, San Sebastian, Espanha (1966); e Silver Medal no International City Design Competition, University of Wisconsin, EUA (1989).

Em 2010, ele foi relacionado entre os 25 pensadores mais influentes do mundo pela revista Time Magazine e recebeu a Medalha de Urbanismo da L’Académie D’Architecture, da França. Em 2011, em reconhecimento por sua liderança, visão e contribuição no campo da mobilidade urbana sustentável, ele recebeu o prêmio Leadership in Transport Award, conferido pelo International Transport Forum at the OECD.

Lerner foi prefeito de Curitiba nos mandatos de 1971 a1975, 1979 a 1983 e 1989 a 1992, e governou o Estado do Paraná entre 1995 e 2002. Participou da criação do Instituto de Planejamento Urbano de Curitiba (IPPUC), responsável pelo plano diretor da cidade. Em seu primeiro mandato à frente da prefeitura de Curitiba, fez uma obra controversa para a época, mas que se tornou, com o passar do tempo, um dos principais cartões postais da capital paranaense. O novo calçamento da Rua XV de Novembro devolveu à via pública o nome imperial do qual muitos tinham se esquecido – Rua das Flores. A rua foi aberta com exclusividade para pedestres em 20 de maio de 1972.

Outra importante obra de seu primeiro mandato como prefeito foi a abertura de vias exclusivas para os ônibus urbanos (chamados “expressos”), em setembro de 1974. O sistema é chamado atualmente de Rede Integrada de Transporte.

Prefeitura de Porto Alegre

_________________

Consulta Pública para trecho 2 da Orla será lançada nesta segunda

A Prefeitura de Porto Alegre lança nesta segunda-feira, 12, o edital de consulta pública para concessão do trecho 2 da Orla do Guaíba, entre a Rótula das Cuias e o Anfiteatro Pôr do Sol. Os interessados poderão enviar contribuições para o edital que vai conceder o espaço à iniciativa privada, incluindo uma roda-gigante de, no mínimo, 80 metros. O lançamento do edital ocorre no Salão Nobre do Paço Municipal (Praça Montevidéu, 10), às 9h30, com a presença do prefeito Nelson Marchezan Júnior. PMPA

_________________

SOBRE A RODA GIGANTE:

O prefeito Nelson Marchezan afirmou, no programa Timeline da Rádio Gaúcha, que um equipamento de ao menos 80 metros de altura – equivalente a um prédio de 26 andares – está previsto no trecho 2 da orla do Guaíba

Prepare seu coração: o preço previsto para os ingressos vai de R$ 70, de segunda a sexta-feira, até R$ 90 no sábado e no domingo, por um passeio de 32 minutos.

Pelo cronograma previsto pela empresa Amuse BR, a construção começaria em janeiro de 2020, para começar a operar em julho de 2021. Achou muito tempo? É que os empreendedores vão usar planejamento brasileiro com tecnologia importada e, conforme descrevem, engenharia de alta complexidade para garantir a segurança das cabines fechadas com capacidade para transportar até 32 pessoas. Eram 24 nas especificações originais, no qual a roda-gigante teria cem metros de altura. A expectativa é de que um milhão de pessoas por ano andem na roda-gigante.

Na análise de mercado que sustenta o projeto, a empresa cita o dado de que, em 2017, as dez maiores empresas do segmento venderam 457 milhões de ingressos para atrações como essa, 8,6% acima do ano anterior. Para evidenciar o potencial nacional, cita que Thermas dos Laranjais, em Olímpia (SP), e o Hot Park Rio Quente, em Rio Quente (GO) aparecerem, respectivamente, em terceiro e sétimo lugar entre os parques aquáticos que mais venderam tíquetes em 2017. A capacidade de ocupação estimada varia de 20%, às segundas-feiras, até 85%, aos domingos.

 



Categorias:ORLA, Outros assuntos, roda gigante, Trecho 2 da Orla

Tags:, ,

16 respostas

  1. 70 conto os caras são ridículos

    Curtir

  2. Astróloga Zona Yonara faz previsão para hoje; Tempo favorável para embustes e anúncios escandalosamente falsos. Lua em Saturno indica que prefeitos em campanha eleitoral comecem a usar a mídia para tonitruar conversas fiadas.

    Curtir

  3. Construir arranha-céu é proibido!
    Construir roda gigante de 80m de altura pode ??
    P. Alegre a capital do atraso.
    Concordo com o AutoBot, ” vender este projeto de roda-gigante para todo canto do Brasil “,
    é o tipo de projeto que se torna banalizado.
    Dalleeé Camboriú.

    Curtir

    • Piada. Camboriú é um mar de cocô boiando graças àqueles pombais todos amontoados.

      Curtir

      • Não fala bobagem, P.Alegre tem apenas 40% de esgoto tratado.
        Aposto que você adora tirar fotos dos arranha-céu em Puerto Madero – BUE, ou até mesmo os de Camboriú, ou então em NYK.
        obs: as principais capitais competitivas rejeitaram o projeto banalizado da roda gigante, apenas Londres caiu nesse papo.
        Dalleeé Camboriú.

        Curtir

    • Um projeto exclui o outro por acaso? Quanta bobagem. Parece uns e aí dizendo e os buracos quando vão tapar? O que tem a ver os buracos de Porto Alegre com os projetos da orla? O que impede uma roda gigante ser construída por conta de um prédio no beira-rio? Só para citar alguns exemplo das bobagens que escuto repetidamente por aqui!

      Curtir

  4. basta dar um google no nome da empresa responsável pelo projeto, “Amuse BR”, e vê-se as notícias.
    Aparentemente eles tentam vender este projeto de roda-gigante para todo canto do Brasil, aconteceu idêntico em Fortaleza ano passado, anunciaram para a orla de lá uma roda gigante de mesma altura, esse ano a prefeitura suspendeu o projeto por não ser viável financeiramente.
    É facil para o Marchezan anunciar projetos megalomaniácos em fim de mandato, se acontecer, lembrarão dele, se não acontecer, culparão a próxima gestão.

    Curtir

    • Prefiro a ousadia no anúncio de projetos do que a campanha asfalta tudo pré eleição, o que é prática recorrente na maioria das prefeituras do Brasil! Poa carece de projetos ousados é uma cidade que não tem nenhum atrativo turístico fora o Rio Guaíba!

      Curtir

  5. O problema é aquele canal ao lado da roda gigante, onde o esgoto deve ser despejado no rio. Imagino no verão caminhando sobre a minipenínsula o cheiro agradável..

    Curtir

    • O problema é não o canal de esgoto o problema é quem gera o esgoto!!!muito bonita a roda gigante, mas saneamento básico que é bom nada!!!

      Curtir

    • Acho que esta questão do esgoto desembocar exatamente neste local é sim um ponto negativo à situação toda e merece especial atenção da prefeitura para que não se torne um impeditivo à viabilidade deste trecho da orla, independentemente do que ali seja construído – roda gigante ou qualquer outra coisa/atividade.
      Quem caminha pela ultima ponte do Arroio Dilúvio antes deste desaguar no Guaiba percebe o forte odor emanado de suas águas, principalmente em dias de calor.
      Como cita o comentário abaixo, o saneamento básico tem que ser pensado para dar condições de usabilidade e conforto a este novo espaço público.
      Quanto à roda gigante, me parece boa idéia e sem dúvidas atrairia muitos turistas, mas sua construção, manutenção, operação e exploração não devem ser feitas pela Prefeitura. Deixe que a iniciativa privada invista, inclusive na construção da tal “península” sobre o Guaiba.
      Que a Prefeitura fiscalize e faça caixa com esta concessão, e nada mais.

      Curtir

  6. é contratuitivo pensar que uma ventania não desabaria o projeto, essa região é toda aterrada, solo não deve ser firme pra uma estrutura desse porte… eu realmente quero queimar minha lingua pois queria muito essa roda gigante, não tenho estudo pra dizer se vai ou não cair, mas como disse, contraintuitivo.

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: