Prefeitura aprova adoção de nove pontes e uma passarela na Capital

Passarela da avenida Goethe com o Parcão está incluída na proposta geral feita pela empresa adotante. Foto: Gilberto Simon

A prefeitura aprovou a proposta entregue pelo Grupo Imobi para adoção inédita de nove pontes e uma passarela da Capital. A adoção é resultado do edital de chamamento público lançado em outubro, que permite a adoção de 107 viadutos, trincheiras, pontes e outras obras de arte do município, por pessoas físicas ou jurídicas de forma individual ou coletiva. 

Publicada no Diário Oficial de Porto Alegre (Dopa – página 28), na sexta-feira, 13, a homologação da proposta permitirá que o adotante seja responsável pela revitalização e manutenção de nove pontes de cruzamentos entre a av. Ipiranga com as ruas José Albano Volkmer, Frei Germano, com a Cristiano Fischer, Silva Só (2), av. Praia de Belas, av. Borges de Medeiros  e com a Edvaldo Pereira Paiva (2). A passarela da av. Goethe com o Parcão também está incluída na proposta geral feita pelo adotante, que foi analisada e aprovada por uma comissão composta por técnicos da Secretaria de Infraestrutura e Mobilidade Urbana (Smim). O prazo de duração do termo de adoção proposto é de quatro anos e pode ser interrompido pela prefeitura a qualquer momento.  

Entre os serviços apresentados na proposta estão a pintura externa, dos corrimãos, dos meio-fios, dos bueiros, dos postes de luz e da sinaleira, a reforma e manutenção de calçadas, limpeza com a remoção de resíduos e pichações, reparos superficiais e a manutenção dos ralos e bocas de lobo. A proposta aprovada indica os serviços de modo geral, sendo necessário que o adotante apresente ainda, de forma  individual e detalhada, os projetos de intervenções para cada um dos equipamentos. Estas novas propostas, que passarão por outra análise da comissão, precisam incluir ainda a sugestão de contrapartida que será solicitada pelo adotante, como a instalação de placas a totens.    

Obras de artes especiais – As adoções de viadutos, pontes, trincheiras, passarelas e passagens de nível, como as realizadas pelo Grupo Imobi, foram possibilitadas pelo executivo através do Decreto 20.631 de 29 de junho de 2020, regulamentando a Lei 11.602, de 8 de maio de 2014, que institui o Programa de Adoção de Viadutos do Município; e a Lei nº 12.583, de 9 de agosto de 2019, que autoriza a adoção de equipamentos públicos e de verdes complementares por pessoas físicas e jurídicas.

Prefeitura de Porto Alegre



Categorias:Outros assuntos

2 respostas

  1. Penso que Porto Alegre precisa de muito mais como por exemplo, cuidados com a sinalização pintada na avenidas como demarcação de faixas de segurança, meio-fio pintados para favorecer o transito à noite, pinturas reflexivas para sinalização à noite nas divisas de sentido das avenidas ou demarcação com olhos de gato, pintura das divisões nos leitos das avenidas para orientação do transito. Andar à noite e com chuva em Porto Alegre, é um verdadeiro desafio ao motorista que muitas vezes não identifica em que faixa de rolamento se encontra.

    Curtir

  2. Me parece muito bom! Tomara funcione direitinho. A paisagem urbana agradece! Parabéns pela iniciativa!

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: