Começou nesta terça elaboração do laudo do Esqueletão

Profissionais de laboratório da UFRGS serão os responsáveis pela análise que deve estar pronta em 13 meses Fotos: Cesar Lopes/ PMPA

Os serviços para elaboração do laudo que irá avaliar as condições do Edifício Galeria XV de Novembro, conhecido como Esqueletão, localizado no Centro Histórico, começaram nesta terça-feira, 26. As inspeções que definirão o futuro da construção serão feitas por técnicos da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) por meio de um contrato firmado entre a prefeitura e a instituição. 

“Buscamos a universidade pela sua capacidade técnica e de entrega dentro do prazo que necessitamos. O futuro do Centro Histórico passa por uma decisão sobre o futuro do Esqueletão”, destaca o secretário municipal de Planejamento e Assuntos Estratégicos, Cezar Schirmer. A elaboração do laudo ficará a cargo do Laboratório de Ensaios e Modelos Estruturais (Leme) e tem prazo de conclusão de 13 meses, com 22 semanas de atividades técnicas.

Serão realizados levantamentos, ensaios de campo e vistorias que incluem o uso de equipamentos como drones. “Iniciaremos um trabalho minucioso, onde a prefeitura irá investir quase R$ 255 mil. Vamos definir a real situação em que se encontra a construção e, através dos apontamentos técnicos, resolver de uma vez por todas esta questão que ficou marcada como um símbolo do abandono do Centro da nossa cidade”, diz o secretário municipal de Obras e Infraestrutura, Pablo Mendes Ribeiro.

Desocupação – O início dos trabalhos da UFRGS no local só foi possível depois da desocupação definitiva do prédio. “Após um processo judicial longo, conseguimos, em colaboração com a gestão municipal, Ministério Público e Poder Judiciário, desocupar integralmente o prédio e proteger as pessoas que ali moravam, trabalhavam ou mesmo que transitavam por um local de risco, cuja extensão agora será avaliada pela UFRGS”, afirma a procuradora-geral adjunta de Domínio Público, Urbanismo e Meio Ambiente, Eleonora Serralta.

Além da desocupação, foi necessário fazer a limpeza da construção, executada pela Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (SMSUrb) por meio do Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU) que retirou 123 toneladas de material e entulho do local. Cerca de 20 garis trabalharam na remoção e coleta dos resíduos que estavam acumulados no imóvel. 

Prefeitura de Porto Alegre



Categorias:Arquitetura | Urbanismo, esqueleto

Tags:,

4 respostas

  1. O ideal era a demolição andar por andar, assim como fizeram no edifício antigo de 20 andares em NY, para construir o One Vanderbilt no lugar. O problema é: onde a prefeitura arrumaria tal verba? Já que uma demolição desse tipo pode ser até mais cara que a clássica implosão por dinamite.

    Curtir

  2. Prefeitura tentando resolver problema criado pela própria prefeitura.

    Matéria do dia 08 desse mês:

    https://prefeitura.poa.br/gvp/noticias/prefeito-em-exercicio-recebe-embaixadora-do-haiti

    O prefeito em exercício Ricardo Gomes recebeu nesta sexta-feira, 8, no Paço Municipal, a embaixadora do Haiti no Brasil, Rachel Coupaud, que está em viagem pelas capitais para tratar dos imigrantes no país. “Somos uma cidade aberta. Os haitianos são muito bem-vindos e nos preocupamos com a integração deles em Porto Alegre.

    A maioria são eles. Não sei onde, mas eles conseguem uns kits, todos exatamente iguais, vem dentro de uma maleta preta.

    Curtir

    • Não sei se a maioria são haitianos. Creio que aqui em Porto Alegre tem uma grande parcela de senegaleses. Mas com certeza, eles vendem um kit mesmo, tudo igual. E quem ganha não são eles, é quem distribui esse kit. Eles ficam com uma pequena parte.

      Curtir

  3. sugestão: volta a fazer aqueles comentários emitindo tu opinião em negrito azul, eu gosto de descordar de você e isso gera engajamento no site

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: