Obras do segundo piso do Mercado Público iniciam na segunda-feira

Foto: Gilberto Simon

As obras de revitalização do segundo piso do Mercado Público de Porto Alegre terão início na próxima segunda-feira, 17. A partir das 19h30, as equipes começarão a isolar áreas necessárias para os trabalhos de retirada das escadas rolantes, dando a largada ao processo que culminará com a recuperação estrutura, danificada pelo incêndio ocorrido em julho de 2013.

A iniciativa envolverá a troca de dois elevadores, duas escadas rolantes e a reforma elétrica das instalações relativas ao segundo pavimento. Visando alterar o mínimo possível a rotina e a dinâmica do primeiro piso do Mercado Público, os trabalhos ocorrerão, em sua maioria, no turno da noite.

O Mercado Público é a alma da cidade. Desde o começo da nossa gestão, estamos trabalhando para que ele volte a funcionar a pleno e com qualidade, acolhendo, cada vez mais, os porto-alegrenses e os turistas. O começo desta obra é um importante passo para alcançarmos esse objetivo” – prefeito Sebastião Melo.

Os novos elevadores terão capacidade para dez pessoas cada, obedecendo a todas as normas de acessibilidade e segurança. As escadas rolantes a serem instaladas substituirão equipamentos danificados e com mais de 20 anos, cuja tecnologia se encontra defasada. A reforma elétrica dará condições à utilização do segundo piso e modernizará o Mercado Público, oferecendo aos usuários uma estrutura alinhada aos padrões tecnológicos atuais.

Os recursos para a realização da obra fazem parte de um Termo de Conversão de Área Pública (TCAP) firmado entre a prefeitura e a empresa Multiplan. A pedido do Executivo Municipal, a empresa concordou em antecipar o cumprimento das obrigações do TCAP para viabilizar a reabertura do Mercado Público, que contará com investimento de até R$ 9,4 milhões.

“Esta ação possui dois aspectos que devem ser ressaltados. O primeiro é o retorno da atividade plena do Mercado após tanto tempo. O segundo é a integração em prol de um símbolo de Porto Alegre por meio da soma de esforços com uma empresa que investe pesado na nossa Capital. Essa filosofia sempre dá bons resultados”, avalia o secretário de Planejamento e Assuntos Estratégicos e coordenador do programa Centro+, Cezar Schirmer.

Projeto elétrico – Nas semanas seguintes após a retirada das escadas rolantes, terá início a reforma elétrica. Serão substituídas as instalações provisórias instaladas no pavimento superior, dando lugar e uma rede adequada às exigências do novo Plano de Prevenção e Combate a Incêndios (PPCI), aprovado no Corpo de Bombeiros Militar (CBMRS), e aos requisitos da subestação de energia elétrica e do quadro geral de distribuição de baixa tensão (QGBT).

O segundo piso passará a contar com um novo projeto luminotécnico, que melhorará a eficiência energética do sistema e contará com iluminação operacional e de serviço necessárias às áreas comuns. Também serão instaladas novas luzes de emergência – incluindo balizamento de rotas de fuga – e novas redes lógica e de telefonia, modernizando a capacidade de comunicação e conectividade do Mercado.

Pintura externa – As tintas para revitalizar a parte externa do Mercado Público foram doadas pela empresa Suvinil, por meio de chamamento público aberto pela Secretaria Municipal de Parcerias. A licitação dos serviços de recuperação e pintura da fachada externa do Mercado Público já possui proposta vencedora, no valor de R$ 1,02 milhão. O prazo de execução é de sete meses a contar da ordem de início de obras.

A secretária de Parcerias, Ana Pellini, destaca a relevância para o patrimônio histórico que o Mercado Público possui. “Um ponto marcante para todos os gaúchos e que precisa ser preservado. A ideia é trabalharmos respeitando os projetos e memoriais descritivos. Após análises e realização de testes de tonalidade das tintas, ficou definido que a cor original poderá ser mantida”, confirma.

Termo de Conversão em Área Pública (TCAP) – A lei complementar do parcelamento do solo prevê a destinação de parte da área de grandes empreendimentos ao Poder Público, para instalação de equipamentos públicos, como praças, escolas, postos de saúde, entre outros. Quando não há necessidade de novos equipamentos na região, existe a possibilidade de recompra dessa área pelo empreendedor, que deve ser paga em dinheiro ou por meio da realização de obras. Os R$ 9,4 milhões a serem investidos no Mercado Público integram um TCAP da Multiplan em decorrência de empreendimento realizado pela empresa na Zona Sul da Capital.

Prefeitura de Porto Alegre



Categorias:Arquitetura | Urbanismo, Programa de Reabilitação do Centro Histórico, Revitalização do centro

Tags:

6 respostas

  1. F I N A L M E N T E !

    Curtir

  2. Quando vão se mexer para a troca das arcaidas e medievais paradas de onibus de Porto Alegre? Nosso prefeito fala a todo momento que a sistema está falido, pergunto: Qual cliente se sente bem, confortável e seguro em algo imundo, sem qualquer tipo de informação nas paradas, sem iluminação? Estas ao lado do mercado retratam um pouco este descaso completo com a população, é um absurdo.

    Curtir

    • Com certeza meu caro. Essas paradas são além de esteticamente sofríveis, a ponto de enfear a cidade, algo muito mísero em termos de conforto e funcionalidade. Parece que nessa cidade não há ninguém com competência em termos de design para projetar algo mais agradável visualmente, mais resistente, limpo, confortável e seguro também. Cara dá uma olhada nesses modelos de paradas sustentáveis de Posadas na Argentina, que não é uma cidade nem tão grande e nem tão rica como POA:

      https://enfoquemisiones.com/estacion-junin-posadas-habilita-la-primera-parada-sustentable-de-misiones-con-capacidad-para-139-personas/

      Curtir

    • Muito bem lembrado. Eu cansei de abrir protocolos de reclamação nos canais de atendimento da prefeitura relatando o estado deplorável das paradas e terminais de ônibus da cidade. Nunca houve resposta, tampouco providências. É marca registrada de Porto Alegre (de norte a sul e de leste ao centro) manter estações e terminais de ônibus em péssimas condições.

      Curtir

    • Em poa temos pelo menos 4 padrões diferentes de paradas de onibus, o que dificulta muito para quem nao é da cidade o endentimento de o que é um ponto de onibus e o que não é

      Temos as paradas “normais”, o telhadinho de zinco.
      “parada segura” a que segue o padrão dos corredores de onibus (preferida da prefeitura)
      Paradas antigas com telhadinho de fibra
      Paradas só com a placa de onibus.
      Bonus: Pontos de taxi que parecem com as paradas de onibus de zinco e com as antigas que tinham acento estofado e placa de publicidade.

      O padrão que poa quer seguir é o questionavel padrão das “paradas seguras” que é feio e grande.

      Mas para mim o mais questionavel é o fato de quando vem alguma verba de fora (federal normalmente) para a troca de paradas a prefeitura decide fazer isso onde ja há paradas relativamente boas em quanto nos bairros afastados e vilas voce sequer tem um telhadinho, piso ou um banco na parada luz entao nem pensar!.

      Anos atras, com verba federal, se refez todas paradas da av ipiranda a fim de “padronizar todas paradas de um mesmo trecho e mostrar o modelo a ser seguido” li isso em um jornal na epoca, alem de trocar paradas boas por outras nóvas tambem se trocou o pizo onde ja havia pizo bom.

      Essas coisas me fazem lembras a vez que marchezan foi a europa para trazer novidades e achou incrivel ter portas usb nas paradas de onibus para cada um carregar seu celular… as vezes falta noção de quem é seu povo quais as necessidades de sua cidade. Nao posso esquecer o meme que surgiu após isso com todas pessoas falando “poa ja tem carregador em todas parada, é só voce se discuidar que alguem ja carrega o seu”.

      Curtir

    • Ate poderia concordar, mas fazer toda a reforma nas paradas para que, se todos nós sabemos que menos de dois dias depois de inauguradas, serão destruídas e ficarão imundiciadas por adesivos de toda sorte de propagandas?

      Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: