Diretor do Departamento de Polícia Metropolitana é assaltado na Capital

Não houve agressão por parte dos bandidos durante o assalto

 

Uma dupla de criminosos armados assaltou na noite desta sexta-feira um dos diretores da Polícia Civil gaúcha, que escapou ileso do ataque, mas perdeu seu automóvel. O delegado Aníbal Germany, que é diretor do Departamento de Polícia Metropolitana (DPM), foi rendido quando voltava para casa com a mulher.

O assalto ocorreu por volta das 19h50min na Rua Pedro Boticário, no bairro Glória. Os dois homens se aproximaram do Prisma cinza do delegado e anunciaram o assalto. Não houve agressão por parte dos bandidos. Segundo o titular da Divisão Judiciária Operacional (DJO), delegado Odival Soares, que atendeu à ocorrência, o diretor do DPM não reagiu.

— Até pelo fato de ele estar com a esposa, procurou não reagir — disse.

O DPM coordena as atividades das 26 delegacias de polícia de Porto Alegre, das delegacias da Região Metropolitana, do Grupo de Operações Especiais, da Divisão Judiciária Operacional e das delegacias de polícia de Pronto Atendimento. No entanto, os criminosos não teriam percebido, na abordagem, que a vítima era policial.

— Foi um assalto corriqueiro, desses que estão praticando — afirmou Soares.

No carro ficaram dois celulares e documentos do diretor. A Polícia Civil efetuou buscas aos suspeitos no bairro Partenon, para onde a dupla teria se deslocado. Às 22h30min, aproximadamente, o veículo foi localizado na Lomba do Pinheiro. O local foi isolado para atuação de peritos do Instituto de Criminalística, requisitados por Soares para descobrir pistas dos bandidos, como impressões digitais.

O delegado Soares cogita que a dupla tenha abandonado o Prisma ao perceber que a documentação deixada no automóvel pertencia a um policial.

ZERO HORA



Categorias:Outros assuntos

%d blogueiros gostam disto: