Ciclovia é concluída na Avenida Chuí

ciclovia-chui

 

Jornal Metro – Porto Alegre – 05/09/2013



Categorias:Bicicleta, Ciclofaixas, ciclovias

Tags:, , ,

18 respostas

  1. Para mim o nome dessa ciclovia é “tô sem grana, mas quero dizer que fiz”. O mais seguro seria construir uma ciclovia do outro lado, na calçada e junto ao muro do Jockey. Sem cruzamentos, sem perigo. Mas construir gasta. E pintar uma faixinha no asfalto (leia-se tapear) é mais fácil e dá pra dizer que foi feito. Se acontecer algum infortúnio a culpa jogue-se a culpa ou no ciclista, ou no motorista, ou no pedestre.

    Curtir

  2. Não que pareça haver muita lógica nos projetos de cicliovia, mas qual seria a justificativa de fazer a ciclovia entre o estacionamento e a calçada, e não entre o estacionamento e as faixas para automóvel, que seria a opção padrão?

    Faz menos sentido ainda para mim construir a ciclofaixa da José do Patrocínio como uma via bidirecional de um lado da rua. A EPTC dá algum esclarecimento sobre as decisões de projeto deles?

    Curtir

  3. offtopic: Isso aqui já não deveria estar acontecendo em PoA?

    http://www.pmf.sc.gov.br/noticias/index.php?pagina=notpagina&noti=9907

    Ou a promessa do Fortunatti para licitação do transporte coletivo nesse ano vai ficar só na promessa?

    Curtir

    • Cara, o Fortunatti vai ficar empurrando com a barriga até que entre no esquecimento.

      Se livrar de uma máfia assim não é tão fácil. Precisa ter COLHÕES pra isso.

      Curtir

    • Note que o e vão entregar depois da copa não é um BRT, mas onibus grande e pista de concreto. BRT é mais que isso.

      Curtir

      • O que tornaria realmente um BRT (pagamento antecipado de passagem) só vai sair depois, pois segundo a prefeitura, ainda não foi feito projeto para as estações (que são facilmente feitas em pré-fabricados de vidro, aço inox, concreto pré-moldado e um pouco de automação (nada mais complicado do que um elevador) para as portas. Pelo menos o acesso no mesmo nível entre plataforma da estação e assoalho do ônibus será garantido com ônibus de piso baixo. Pessoalmente prefiro, pois em caso de pane fora da estação, as pessoas podem sair mais facilmente do ônibus.

        Curtir

        • Até onde sei o pagamento não tem sequer previsão de implantação. Considerando que tudo atrasa, algo sem data vem quando?

          Pagamento antecipado é muito importante mesmo. Mas pelo que entendi vão inclusive botar os ônibus da RM, como “os Viamão”, no corredor de ônibus. Mais uma coisa para reduzir a eficiência…

          Curtir

        • Se realmente querem algo eficiente, terão que ter tarifa integrada entre o BRT e os ônibus da RM, e quem vêm de outras cidades vai ter que desembarcar no início do corredor para embarcar no BRT.

          Curtir

  4. A qualidade do asfalto é boa, a largura é adequada, mas a tinta é a mesma de sempre.

    Agora, o que é lamentável que continuam escrevendo dando a idéia que a ciclovia termina na Diário de notícias (e esse blog divulgando assim). Isso não é verdade. A ciclovia da Icaraí não tem ligação com a da Chuí que não tem ligação com a da Diário.

    Aliás, a travessia da Chuí para a diário é de extremo risco, pois não há sinaleira nem faixa de segurança perto, não sei como ninguém foi atropelado ainda (que eu saiba).

    Curtir

    • Em síntese, somos todos otários para os gênios da EPTC .

      Curtir

      • Com certeza, eles fazem ciclovias que não resolvem os pontos realmente críticos mas quem não pedala acha que algo está sendo feito.

        Mas a questão da divulgação é coisa da prefeitura. A EPTC inclusive colocou placas indicando que as ciclovias terminam, onde indiquei. A infra é insuficiente mas é devidamente sinalizada.

        Curtir

    • E isso que nem deveria ter tinta, pelo o que eu expliquei acima.

      Curtir

  5. Essa ciclovia me parece bem melhor que as demais… Pelo menos a qualidade do asfalto e pintura.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: