Cais Embarcadero oferece opções de entretenimento, cultura, gastronomia e descanso em Porto Alegre

Situado entre o Guaíba e o Centro Histórico, o Cais Embarcadero entrou em operação nesta semana em Porto Alegre. Inicialmente, por causa da pandemia de coronavírus, o local funciona por meio de um sistema de soft opening, com reservas.

O empreendimento ocupa uma área total de 19 mil metros quadrados
Foto: Johnny Marco/Divulgação

Assinado em uma parceria entre o DC SET Group e a Tornak Holding, o empreendimento tem o objetivo de revitalizar e proporcionar novos usos e convivência no principal cartão postal da Capital, oferecendo opções de alimentação, conveniência, lazer, esporte, cultura, entretenimento, serviços e descanso ao ar livre.

Ocupando uma área total de 19 mil metros quadrados, o Cais Embarcadero renova o espaço do Cais Mauá, de grande importância histórica para a cidade. Para a concepção do projeto, que tem como conceito principal apresentar o Guaíba de uma forma inovadora a seus visitantes, foram feitas pesquisas em docas de diferentes partes do mundo, com referências vindas de lugares como Barcelona, Lisboa, Gênova e Brooklyn, em Nova York. O empreendimento é um espaço privado e aberto ao público, que deseja ter uma experiência com segurança e conforto.

O Cais Embarcadero conta com o selo de Turismo Responsável do governo do Rio Grande do Sul. Para evitar aglomerações no local, nesta primeira etapa de funcionamento, apenas aqueles que agendaram a visita em algum dos restaurantes têm acesso ao local, em data e horários determinados.

As reservas são abertas ao público em geral e podem ser feitas pelo aplicativo Get In (disponível para Android e iOS). Os interessados devem escolher a operação que querem visitar e fazer sua reserva pelo aplicativo ou através do link https://widget.getinapp.com.br/D6W2Ze1Q. Os estabelecimentos localizados na Alameda Gourmet também poderão ser visitados, mediante reserva de mesa no espaço compartilhado.

Esse sistema faz parte do planejamento de abertura gradual definido pelo Cais Embarcadero e, por enquanto, a expectativa é que ele fique em vigor por tempo indeterminado. Neste período, os responsáveis pela administração do empreendimento pretendem continuar observando os desdobramentos da pandemia na Capital e, seguindo sempre todos os protocolos e restrições estabelecidos, começar a expandir seu modo de operação.

(Foto: Johnny Marco/Divulgação)

Horários e acesso

O Cais Embarcadero funciona de terça a domingo, das 10h às 22h. De forma provisória, o acesso é realizado de duas formas. Quem for ao local de carro pode entrar pela avenida Mauá, 1050 – Armazém A7, no segundo portão do Cais Mauá (cerca de 400 metros após o pórtico principal, localizado em frente à Praça da Alfândega).

Já para os pedestres e aqueles que chegarem em carros de aplicativo, a entrada ocorre no portão localizado na avenida Presidente João Goulart, próximo à Usina do Gasômetro e à rua General Salustiano.

Jornal O Sul



Categorias:Arquitetura | Urbanismo, Embarcadero

Tags:,

2 respostas

  1. Que bom que é provisório pq conseguiram enfeiar nosso cartão postal com esse restaurante container cor de casa noturna

    Curtir

    • Te esclareço que este armazém (A7) foi o último a ser construído no porto e não é tombado. Os demais são. Será demolido assim que começarem as obras (futuramente), do projeto do cais. Portanto, legalmente, a estrutura preta de metal, não está agredindo um bem tombado, mesmo vcs achando que sim.
      Outra coisa: é tendência no mundo inteiro essa conversa do antigo com o moderno. Existem diversas intervenções modernas em prédios antigos ou em frente a prédios no mundo inteiro. Mas Porto Alegre não pode ter, pois Porto Alegre é histórica ? Paris pode, Londres pode, Rio pode? Porto Alegre não ? Explica aí ? Quem sabe tu abre mais um pouco a tua mente. As vezes faz bem.

      Curtir

%d blogueiros gostam disto: