O Projeto de Revitalização do Cais Mauá

Engana-se quem acha que o projeto do Cais Mauá será só empresarial e comercial !

Tenho ouvido frequentemente nos foruns e blogs, e até na imprensa tradicional, pessoas falarem no projeto desenvolvido pelo Espanhol Fermín Vásquez, renomado arquiteto responsável por diversas obras na Espanha, e levado adiante por Edemar Tutikian, que o projeto é para os ricos, para os turistas endinheirados e que a população média e menos abastada ficaria a parte desta conquista da cidade. Torres de escritórios, shopping centers, e outros equipamentos privilegiariam as classes mais altas. Haveria uma notória situação de exclusão.

Eu digo que o  projeto do Cais Mauá não é um projeto excludente, pois:

– propõe diversas áreas: empresarial, hoteleira, comercial, cultural, grandes áreas para lazer;

– o espaço do porto continuará aberto;

– haverá espaços culturais e de gastronomia em toda a extensão dos armazéns do porto (mais de 2 km). Museus, restaurantes, bares. Para todos apreciarem e frequentarem.

– o shopping center terá extensa área gramada na sua cobertura, que será ligada diretamente ao futuro Parque Gasômetro, área contígua entre a Praça Brigadeiro Sampaio e a área próxima da Usina do Gasômetro e Cais do Porto. A Av. João Goulart passará sob o Parque.

Que tipo de exclusão é essa que falam os contra o projeto ?

Por que eles são contra as atividades empresariais fazendo parte do projeto ?

Os empreendedores precisam contar com uma contra-partida para que possam investir e ter um retorno financeiro viável. Ou alguém aqui acredita ainda em Papai Noel ? Não há dúvida que é absolutamente necessário a presença deste tipo de atividade. Ela dará o lastro financeiro para que o empreendimento vire realidade.  Existem alguns, que imbuidos de uma ideologia fanática, não enxergam tal situação e passam a difundir informações errôneas e falsas sobre o projeto.

O shopping center, com telhado verde, integrado ao parque Gasômetro: para tos os portoalegrenses usufuirem

Quem aqui é contra empresas privadas ? Quem é contra o lucro ? Todos almejamos o lucro ! Por que nessa hora não o consideramos?

A presença destas grandes empresas do comércio, dos hotéis é de suma importância para que possamos ganhar uma esplanada de mais de 2 km de atividades que todos os portoalegrenses poderão usufruir.  Há de se parar de passar falsas informações.

Porto Alegre precisa agora como nunca precisou deste projeto. A cidade, a partir da realização da Copa do Mundo de 2014, passará a ser conhecida a nível mundial, por diferentes camadas de populações turísticas, diferentes daquelas que compareceram nos fóruns sociais mundiais. Serão pessoas de grande poder aquisitivo ou não, mas de diversos países. Não serão apenas 15 dias, quando os jogos serão realizados no Beira-Rio. As pessoas não se dão conta da importância deste evento. A Copa será um divisor de águas. Após os jogos do evento, a cidade poderá ser encontrada, caso tenhamos sucesso até lá, nos roteiros de turismo. É muita pretensão ? Talvez, mas se não fizermos nada para tentarmos, aí sim morreremos na praia.

Portanto, nada é mais bem-vindo que este projeto de revitalização do Cais do Porto. E chega de ouvirmos pessoas contra, inventando uma série de circunstãncias para que pensemos diferente!

Gilberto Simon



Categorias:COPA 2014, Cultura, Opinião, Projeto de Revitalização do Cais Mauá

Tags:, , ,

15 respostas

  1. Sensacional, simplesmente maravilhoso o projeto que esperamos sair do papel faz mts anos. Áreas de lazer e cultura q/ c/ td certeza POA merece. Qd ouço a palavra excludente em relação ao projeto, penso que pessoas que assim o consideram estão absolutamente na contramão. ÁREAS DE LAZER aberta a tds que queiram usufrui-las. Aonde se encontra a excludência???? Torço demais por esse projeto que c/ td a certeza vai mudar a cara da nossa cidade, sem dúvida alguma p/ mt, mas mt MELHOR!

    Curtir

  2. Não sou contra a revitalização da área do porto de porto Alegre, mas sim, contra a colocar fora a área mais valiosa do Porto de Porto Alegre. Digo valiosa com relação a estrutura do porto, ótimos armazéns (necessitando apenas manutenção), maior área de atracação, maior área de trilhos para guindastes, estrutura que suporta maior carga e atracação de maiores navios, único cais de Porto Alegre que permite a nossa cidade atracação de navios, caso num futuro próximo aumentar o calado oficial das hidrovias interiores gaúchas de 17 para 19 ou 21 pés.
    O Cais Mauá, ao contrário do que todos os Porto Alegrenses pensam, é um porto. Digo mais, é porto com enorme capacidade e com a melhor estrutura do país.
    O Porto de Porto Alegre, em épocas de “Deprec”, órgão extinto para criação da SPH que detém o direito da exploração portuária (das áreas da união), foi referência no Brasil, sendo por vezes, seus engenheiros convidados a palestrar em seminários na Europa, onde o uso das hidrovias sempre foi uma prioridade.
    A não utilização com maior constância da área do Cais Mauá é devida a interesses políticos que há 20 anos vêm sucateando esta área no intuito de dizer o que hoje, todos pensam, “o cais mauá não é mais Porto”.
    Mas o Cais Mauá ainda respira, tem propostas e condições de voltara ser o grande Cais Mauá e o turismo pode ocorrer sim nesta área, mas não esta deixar de ser área operacional do Porto de Porto Alegre.
    Abraços a todos os Porto Alegrenses que lutam contra a entrega do nosso mais nobre patrimônio portuário para que alguns lucrem com isso.

    Curtir

  3. Phil

    Só para tua informação os reis europeus na idade média chegavam a tomar um ou dois banhos em toda a sua vida, ou seja quem não toma banho é porco, não esquerdista!

    Te orienta, rapaz!

    Curtir

  4. “- eu, hein?!?! com licença, mas fui ali ser feliz e aqui com vcs eu não volto mais…
    (esse blog é igual ao do polibio:
    só tem espaço pra quem ama yeda, fhc, serra e para quem odeia o pt.
    aqui não é o meu lugar. fiquem entre vcs e com o que só vcs pensam…)
    – A D E U S ! ! !”

    Hehe. Chilique de petista é muito divertido.

    Curtir

  5. Senhores:
    – eu apenas afirmei que “o britto, o rigotto e a yeda não eram do PT”.
    isso é alguma inverdade?
    – em tempo: eu sou a favor e quero muito a revitalização do cais…
    e pelas mesmas razões que vocês todos!
    – não entendi o porquê de tanta ira, falta de educação, grosseria, julgamento precipitado e mau humor.
    – eu, hein?!?! com licença, mas fui ali ser feliz e aqui com vcs eu não volto mais…
    (esse blog é igual ao do polibio:
    só tem espaço pra quem ama yeda, fhc, serra e para quem odeia o pt.
    aqui não é o meu lugar. fiquem entre vcs e com o que só vcs pensam…)
    – A D E U S ! ! !

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: