Novo consulado dos EUA pode abrir até final de 2012

A perspectiva otimista é de que até o final do ano o consulado dos EUA em Porto Alegre, cuja reabertura foi anunciado nesta segunda (09) esteja funcionando, mas o provável é que seja no primeiro trimestre de 2013, escreve Zero Hora online.

Sua importância para o governo norte-americano pode ser medida pelo tamanho do contingente que será enviado para a representação: três dezenas de servidores, o triplo do que existia na década de 90, quando o consulado anterior foi fechado.

A reabertura propiciará um aumento de pelo menos 20% nas viagens de gaúchos aos EUA, estima a Abav/RS. Isso porque hoje tirar o visto demanda uma viagem de ida e volta a São Paulo ou Rio, que pode custar até R$ 800 extras, em passagens.

O tema é tão importante que a Embaixada norte-americana enviou a Porto Alegre o diplomata John Matel (seu diretor de Relações Externas) para dar aos gaúchos detalhes do novo consulado. Matel não é um estranho no ninho. Morou em Porto Alegre entre 1984 e 1986, trabalhando no consulado (que fechou em 1996) e tem inclusive uma filha gaúcha, Marisa, nascida no Hospital Moinhos de Vento em 1986 (mas mora fora do Brasil desde então).

A estimativa é que possam ser emitidos de 500 a mil vistos por dia útil em Porto Alegre, 5 vezes mais do que no consulado anterior em 1996.

Affonso Ritter



Categorias:Outros assuntos

Tags:

6 respostas

  1. Para mim uma grande piada: anunciar reabertura de um escritório para daqui a 2 anos??? Vontade política? Não me parece.

    Curtir

  2. Parece que ficou para 2014.

    Curtir

  3. Assim espera…
    Vai ser muito bom para a cidade…

    Curtir

    • Negativaram o Guilherme só porque ele disse que a abertura do consulado será muito bom para a cidade! Hahahaha. Eu me divirto com essas negativações non-senses! A pessoa acha que negativando irritará o negativado, mas eu acho é muito divertido saber que tem gente maluca de todo o tipo nesse mundo. Hahahahaha. Um consulado desses só vem agregar valor à cidade e às suas relações comerciais inclusive. Não há como ser algo ruim. Só é ruim para quem é vizinho de um consulado, pois eles bloqueiam todo o entorno (quadra), proibindo não só estacionar como até mesmo parar o carro rapidamente apenas para o desembarque ou embarque de passageiros, por motivo de segurança, além daquelas filas gigantescas de gente no meio da rua esperando para poder entrar no consulado. Quem já esteve em frente dos consulados de SP, Rio, Recife e da embaixada em Brasília sabe bem como é isso.

      Curtir

%d blogueiros gostam disto: