Audiência sobre transporte público é adiada em Porto Alegre devido a confusão

Lotação e confusão na entrada da Câmara motivaram transferência para o Ginásio Tesourinha

Houve confusão inclusive com estouro de rojões. Crédito: Ederson Nunes / CMPA / CP

Houve confusão inclusive com estouro de rojões. Crédito: Ederson Nunes / CMPA / CP

Em meio a grande mobilização dentro e em frente à Câmara Municipal de Porto Alegre, nesta quinta-feira, foi adiada a audiência sobre o transporte público. A data de 10 de março foi escolhida para o novo encontro que também será transferido para o Ginásio Tesourinha.

O Bloco de Lutas ocupou a entrada da Câmara e houve um princípio de confusão, inclusive com estouro de rojões. A manifestação foi contida com o forte aparato policial, com cavalaria e Batalhão de Operações Especiais da Brigada Militar fazendo a segurança.

Os manifestantes, cerca de 200 pessoas, seguiram com gritos de ordem após a decisão, mas começaram a se dispersar. “Dia 10 vai ser maior”, prometeram os participantes do protesto, muitos deles mascarados.

O diretor da EPTC, Vanderlei Cappellari, que explicaria o processo de licitação dos ônibus, definiu o adiamento em função da superlotação do plenário da Câmara. Cerca de 300 pessoas ocupavam o Plenário Otávio Rocha. No Tesourinha, a estrutura permitirá melhor atendimento aos participantes.

audiencia-transporte-poa-02

audiencia-transporte-poa-03

Correio do Povo



Categorias:onibus

Tags:, , ,

40 respostas

  1. Com a presença de TURBAS nunca que essas audiências públicas chegarão a algum lugar.

    Curtir

  2. Mudando UM POUCO SÓ o assunto, mas se tratando de transporte Público.
    Acabei de ler uma matéria no G1 sobre a greve dos motoristas em Curitiba. E eles ficaram 3 dias sem onibus e conseguiram um reajuste de um reajuste de 9,28% – que equivale a 5,26% do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (INCP) mais 3,28% –, mais abono de R$ 300 e reajuste de 10,5% na cesta básica para os motoristas e cobradores de ônibus de Curitiba e Região. Só que com este reajuste, os motoristas passarão a receber R$ 1.814,93, e os cobradores R$ 1.028,10. agora a pergunta: Porto alegre tem um transporte público inferior a Curitiba e os motoristas ganham bem mais que eles e fizeram a população da cidade pagar 4,00 por viagem para poder trabalhar gastando o que não se tinha em mais de duas semanas e ninguém faz nada, fala nada… Por isso eu sinceramente fico preocupado com essa cidade. Acontece de tudo aqui e a população parece gado….
    link da noticia: http://g1.globo.com/pr/parana/noticia/2014/03/motoristas-e-cobradores-de-curitiba-aceitam-proposta-e-encerram-greve.html

    Curtir

    • “[…]Porto alegre tem um transporte público inferior a Curitiba e os motoristas ganham bem mais que eles e fizeram a população[…]”
      #1: Transporte inferior a Curitiba em qual aspecto? Pergunto isso para poder prosseguir à próxima pergunta:
      #2: O que tem a ver o c* com as calças? O motorista é um empregado que não decide aspectos sobre qualificação do transporte público da cidade. Logo, não me parece haver sentido algum nessa sua argumentação. Se comparasse os salários dos responsáveis diretos pela qualificação do nosso transporte, como políticos, secretarias e empresários do setor, aí sim haveria sentido. Mas sua abordagem não tem o mínimo de senso!

      Curtir

  3. Vamos aos fatos: o Edital já está pronto, fato anunciado pela EPTC, só vai sair o Edital por força de decisão judicial, caso contrário, não iria ocorrer.

    Se faz uma Audiência Pública, quando o Edital já está pronto, pelo que vejo os que aprovaram as demandas, se voltaram para a discussão do ar condicionado, fato muito estranho quando da manifestação do Presidente da EPTC em dizer que o custo de passagem irá aumentar por causa deste item, aliás, criaram essa discussão com a finalidade de dizer que o povo decidiu, será mesmo que decidiu, o que teria levado a Pref. Mun. POA em levantar essa discussão, com o propósito de se justificar o preço da passagem, bela jogada Capellari.

    Pensaram que o povo não iria participar do processo de apresentação do Edital, se enganaram, aliás, há muito tempo os Agentes Públicos da Pref. Mun. POA tratam o cidadão que paga impostos como se fosse um mero expectador nas decisões tomadas pelo Paço Municipal, estão muito enganados.

    Enfim, estamos diante de mais um processo polêmico que começou pela falta de transparência por parte da EPTC, Pref. Mun. POA, o próprio chefe do Executivo Municipal que nunca está presente em situações como essa, sempre viajando, só aparece nos melhores momentos como se fosse o salvador do mundo.

    Infelizmente, temos que aguardar a saída deste grupo do Paço Municipal até o próximo pleito.

    Questão de tempo e, ainda dizem que o povo participa de todo esse processo, só se for como mero expectador, em que o cidadão paga a conta para satisfazer os prazeres desta turma de políticos que reinam neste Município e neste Estado.

    Essa é a Copa do Políticos e não do povo gaúcho e brasileiro.

    Curtir

  4. Olha se as pessoas ou instituições que vão a estas audiências realmente pudessem influenciar no resultado final da licitação ai at´r terias justificativa estas mini batalhas.Mas infelizmente tudo isto é pro-forma,já tá tudo decidido e no final vai ficar tudo na mesma.

    Curtir

  5. Na União Soviética os ônibus eram estatais e funcionavam maravilhosamente bem. Mas claro, isso era quando a CCCP existia…

    Curtir

    • Até hoje o transporte público na Rússia é muito melhor que no Brasil. Em Moscou, além de metrô, há ônibus, ônibus elétrico, bonde, trens metropolitanos, marshrutkas (equivalente a nossa lotação), transporte fluvial, monorail… E o valor da passagem é o mesmo daqui. Sei que entre as marshrutkas há livre concorrência, qualquer um pode registrar sua van e sair transportando gente. Há um folheto com a autorização que fica pendurado na van. Dói admitir, mas a Rússia é mais capitalista que o Brasil

      Curtir

      • Dói admitir em relação à Rússia ou ao Brasil ? …
        Por isso que eu digo. Esqueçam esa história de comparar o Brasil com qualquer País desenvolvido. A nossa turma é aquela do relatório da ONU sobre analfabetismo. China, Índia, México, Nigéria, Bangladesh, Paquistão e outros menos votados.

        Curtir

        • Dói admitir que o capitalismo funciona muito melhor na terra dos “vermelhos” do que aqui no Brasil e que a “máfia russa” prejudica bem menos gente que a nossa máfia ATP/EPTC.

          Curtir

        • O que dói mesmo é ver como ainda hoje estamos estamos presos ao raciocínio dicotômico (esquerda é ruim, direita é bom; capitalismo é bom, socialismo é ruim; coréia do norte é ruim, EUA é bom).

          O mundo hoje é extremamente complexo e cheio de nuances. Se seguirmos pensando em preto e branco o rumo do país e das cidades, rechaçando de pronto qualquer ideia que não se alinhe com a minha pré-concepção de mundo, é muito difícil evoluir.

          Curtir

  6. O que mais me admira é a faixa de um grande “esperto”, falando em estatização já dos ônibus. Sera que realmente essa inteligência rara acredita nisso? Provavelmente não existia na época da CRT.

    Curtir

    • A grande verdade é que esses filhinhos de papai pouco se lixam, querem é agitar, são lobotomizados por partidos medíocres a exigir estatização, afinal nem um deles nunca vai precisar do serviço publico, então quanto mais podre pior. A luta é pela volta do cabide de emprego.

      Curtir

    • Capitalismo não serve concessão pública, nem aqui nem nos EUA.

      É um serviço que tem que ser eficiente para baixar o custo, então ter vários “concorrentes” nenhuma cidade do mundo consegue ter. E é dever do estado prover transporte, se não competente para isso a saída é a concessão pública.

      Tem várias alternativas, poderiam fazer que nem é nos EUA, empresa pode administrar concessão pública, mas sem lucro. No sistema de transporte cai como uma luva, pois os usuários já pagam o custo do capital, custo para manter, custo da depreciação. Não precisa ter lucro, aqui em POA tem empresa segundo o TCE que lucra 19%. 6% já é alto para um mercado sem concorrência.

      Curtir

      • Concordo em tudo que tu disse.

        Curtir

      • Faz sentido. O lucro, em empresas normais, serve para investir em melhoria, inovação, explorar novos mercados… e tudo feito em segredo para não entregar a estratégia para os concorrentes. Empresas de ônibus não fazem nada disso. Trocar de ônibus já está embutido na depreciação. Investir em equipamentos ou inovação, eu não vejo como, porque ela não pode fazer isso sem aprovação do poder público, ou seja, não precisa de um “lucro” para isso, pode-se especificar quanto se gasta de inovação e embutir na passagem, deixando as claras o que e quanto gasta. Explorar novos mercados, também não tem como, pois não há novos mercados, todo o mercado de transporte coletivo é concessão.

        Esse lucro das empresas de ônibus funciona como o lucro das empresas normais, mas não cumpre o correto papel que deveria. Enquanto empresas normais usam esse lucro para consolidar-se no mercado melhorando o serviço/produto, as empresas de ônibus usam o lucro para consolidar-se no mercado através de doação de campanha ou promoção de seus próprios candidatos para vereador, investindo massivamente em um ou outro nome. Isso sem contar o uso de dinheiro para coisas mais sujas, como pagamento de propina direto para agentes públicos.

        Curtir

    • Eu sou contra a estatização, mas não entendo por que tanta revolta com uma opinião divergente da tua. A CRT era péssima, mas há empresas públicas que funcionam razoavelmente bem.

      Curtir

      • Mas nada funciona, nem estatal nem privado. Quer balela maior do que as privatizações ? Tudo bem que agora é mais fácil comprar telefone, mas os serviços são caríssimos e porcos. As teles são as campeãs de reclamações nos Procons. Junto com os bancos, cartões de crédito, Tv’s por assinatura.
        Normalmente as empresas privadas que prestam serviços públicos, cobram MUITO caro. E devem existir muitas razões pra isso: lucro absurdo dos empresários, população passiva, $ para caixa 2,3,4 de partidos políticos, e etc…estradas pedagiadas que o digam.

        Curtir

  7. Na Câmara existem 3 portões. Os chamados “manifestantes” estavam no portão do estacionamento principal.

    No portão para pedestre (que fica bem na entrada), estava lá eu, imprensa (reporteres e cinegrafistas), 2 secretários municipais de Porto Alegre, conselheiros do Orçamento Participativo. Todos sem exceção foram barrados pela Guarda Municipal de entrar. E nem adiantou o secretário ligar pro “chefe”. Ficou lá, junto a população.

    O pior disso que só tava lá a Guarda Municipal. Um orgão da polícia do executivo. Não existia um servidor da Câmara para isso. Não basta para o prefeito cooptar os vereadores com proprina (ou caixa 2) ou cargo de comissão, agora tem que encampar a Câmara com sua polícia.

    Curtir

    • Não entendi… O que vc está dizendo que o portão de pedestre estava livre para os secretários, vereadores, Cappellari… E não houve reunião pq a não quiseram? É isso? Essa de “adiar por causa da bagunça” não tem nada a ver com a bagunça e sim com a prefeitura que não quer ouvir as demandas?

      Estou começando a achar que o fato da justiça ter dado mais tempo para prefeitura não vai adiantar nada…

      Curtir

      • Todos os portões estavam fechados. Até os secretários, funcionários da Câmara, ficaram do lado de fora.

        Pelo que sei, vai ter que ter 2 audiências públicas. Antes do edital (que segundo o Fortunati está pronto desde dez e vai ser liberado dia 5 março) e outra depois do edital.

        O prefeito desde ano passado já prometeu não comparecer mais em audiência com a população. É muito desgaste pro político que não está muito preocupado em ouvir a população (deve estar bem confortável já que recebeu 65% dos votos). Pelo menos esses são os últimos anos no poder (pelo menos aqui em POA). Mas quem manda nem é ele, é o Melo seguindo do famoso Busato.

        Curtir

        • O edital vai ser lançado dia 5 mesmo? Ganharam mais 30 dias para fazê-lo, não?

          Curtir

        • Segundo Fortunati, o editar está pronto desde dez do ano passado. Dia 5 vai ser mostrado.

          O que demonstra quanto democrático é os governantes de POA. Essa audiencia tinha que ser feita bem antes de fazer o edital, pois serve para a população falar o que quer do transporte público.

          Curtir

    • Eu também estava lá nesse portão, com vários conselheiros do op. Cheguei lá às 18:30 e não consegui entrar. No portão que eu aguardava a guarda municipal sequer falava com a gente pra explicar o que tava acontecendo. Faltou preparação. Com essa atitude da prefeitura, achei muito bom a audiência ser adiada. Faz treze anos que me interesso pelo assunto transporte público e quando finalmente eu pude tentar contribuir com alguma coisa, fui barrado no portão da Câmara, como se não fosse um cidadão querendo participar, mas um baderneiro.

      Curtir

  8. Não concordo com a estatização… Isso causaria a maior enxurrada de CCs entrando nas empresas de ônibus jamais vista na nossa história.

    Curtir

  9. Esse bloco de luta deve ser investigado. Vao descobrir cobras e lagartos. Pena nao cercarem e darem um pau nesses desocupados

    Curtir

    • Também acho que o bloco não tem foco algum e está virando um aglomerado de gente querendo birrar contra o governo (seja quem for), mas nunca vi resolver algo com paternalismo (darem pau).

      Curtir

  10. Na Ucrânia e na Venezuela as pessoas vão as ruas pedir liberdade e lutar contra as garras do estado. Aqui na Banânia os patifes vão pedir mais estado…. quem entende esse povo?

    Curtir

    • AHaHaH acontece que o povo lá não está pedindo menos estado, está pedindo outro estado.

      Curtir

      • Outro estado, que não reprima aqueles que desejam trabalhar e ascender financeiramente. Que não imponha regulações até na quantidade de produtos que cada pessoa pode comprar. Que não confisque bens, não tome conta de empresas julgando fazer “justiça social”.
        Eu não consigo imaginar esse outro estado, se não bem mais enxuto do que o atual.

        Curtir

        • Acredito que para os Venezuelanos o estado brasileiro seria ótimo, e é bem grande. A questão muitas vezes não é o tamanho em si, mas como atua. Na boa, nada contra teu ponto de vista, mas acho que ele é teu e não deles… está pondo palavras na boca dos outros.

          Curtir

        • O que eu falei no comentário acima é justamente a atuação do governo.
          Quando eu falo em tamanho do estado me refiro ao campo de atuação. Nesse sentido, em quanto mais áreas o estado tiver presente, necessariamente maior ele será.

          Curtir

  11. Quero ver quantos porcos fardados teremos no Tesourinha.
    Será que se repetirão as imagens do “corredor de 4 fileiras da PM” sobre a gurizada, como ocorreu em SP?
    .
    Outra pergunta que faço é: pra que(m) serve essa “democracia” da prefeitura que no final das contas, em 90% das vezes, usa as audiências para fazer esse simulacro e acabar decidindo o que previamente já havia decidido, como no caso das “audiências surdas” com os ciclistas.
    .
    É lastimável vermos cidadão sendo barrados na casa do povo, ou em julgamentos, como também ocorreu em SP no caso do ciclista que teve o braço decepado por um bebaço!
    Sempre alegam a temida segurança… porém esquecem-se de que somos nós que “seguramos” suas estabilidade no “emprego” por 4 anos!
    .
    Será que o povo intimida mesmo o executivo portotristense? se for isso nunca mais teremos aumento no preço das passagens de ônibus.
    .
    Ah, antes que me esqueça: Fora Capellari, tu é muito mas muito insuficiente, muito burro mesmo, e também, é claro, muito boi de piranha do DesaFortunati, assim como o Melo, testa de ferro.

    Curtir

    • Enquanto o povo não tiver educação, vai continuar assim, todo mundo sabe que qualquer coisa vira bagunça.

      E sim, vai deixar nas mãos do povo pra decidir coisas que as vezes nem eles que deveriam entender, conseguem entender.

      Ainda mais com a mente desse povinho comunista, ai viramos uma Cuba.

      Curtir

      • Bah, tem que meter cuba de novo… imagino que já estamos iguais a cuba, visto que não há concorrência no transporte público, é um negócio de amigos que nada tem de capitalista.

        Curtir

    • Não sei que tipo de problema tu tem para pensar que a policia deve simplesmente deixar os manifestantes fazer o que bem entenderem.
      Aliás, esse manifestantes devem ter fumado maconha estragada. “Estatização”????
      Quem em sã consciência tem uma ideia de giríco dessas? Não sabem que o caos que se instalou no setor dos transportes é causado justamente pela forte regulação existente? Querem passe livre? Ok, mas contentem-se em usar onibus sucateados e pagar o dobro do que custaria a passagem em IMPOSTOS.

      Curtir

      • Forte regulação? Só se for regulação por parte das empresas de ônibus…

        Curtir

        • Das duas partes Solrac, hoje se uma empresa quiser entrar no mercado oferecendo um preço menor e mais qualidade ela simplesmente é impedida. Tanto pelos empresários que lá estão quanto pela prefeitura.
          Tenta registrar uma empresa e sair buscando passageiros na rua. Tu não passa da primeira quadra e teu veículo é apreendido. (Na verdade tu nem chega a conseguir o registro).
          Se as empresas dominam o mercado e impedem a concorrência a culpa é do poder público que é conivente.

          Curtir

        • Exatamente Julian! Nesse sistema de ônibus não há livre concorrência e a livre iniciativa é simplesmente barrada. Isso não é capitalismo nem aqui nem na China, literalmente!

          Curtir

      • Estatização é um atraso mesmo, mas nessa briga não tem inocente. Alguns manifestantes estão lá para comprar briga e deviam ser reprimidos (ALGUNS), e nossa polícia (como corporação, não cada PM individualmente) sempre foi violenta e despreparada.

        Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: