Usina Termoelétrica de Uruguaiana vai voltar a funcionar

Usina Termoelétrica de Uruguaiana está parada desde 2009. Foto: Cristiano Guerra

O IBAMA renovou a licença de operação da usina termelétrica da AES Uruguaiana (RS), cuja retomada é negociada pelo Ministério de Minas e Energia com a Petrobras, Sulgás e TSB.

Segundo a AES, há pontos a serem ainda definidos, mas o deputado Frederico Antunes (PP) recebeu informação do Ministério de que a retomada da operação ao menos com uma turbina deve ocorrer ainda na primeira quinzena de novembro.

A usina está parada desde abril de 2009, quando a YPF argentina suspendeu o envio do gás natural à empresa.

Affonso Ritter

_________________

OBS.:  A Usina – UTE Uruguaiana, pertence ao grupo AES, e tem capacidade instalada de produção de 639,9MW.



Categorias:Energia

Tags:, ,

9 respostas

  1. Dinheiro do povo parado, e vamos ter problema com falta de energia,o consumo só aumenta e a produção, não., e o preço. Vamos quebrar o monopólio do estado da energia. Liberdade ao mercado.

    Curtir

    • José Luiz.
      .
      Não sei se sabes, o monopólio do governo sobre a energia, na produção, transporte e distribuição já foi quebrado há décadas!
      .
      Não sei da onde tiraste que não há aumento da produção por culpa exatamente do governo.
      .
      Pelo que eu saiba RGE e a AES SUL são empresas privadas, há leilões livres de energia, há mercado livre de energia e obras como Machadinho, Dona Francisca de geração hidrelétrica há quase 20 anos já eram privadas.
      .
      Me surpreende este comentário!

      Curtir

    • Não sei se o meu comentário entrou ou não, mas vou dar uma base do que era.
      .
      O setor de geração, transporte e distribuição de energia não é monopólio do Estado há mais de 20 anos, não sei qual é a o problema que o José Luiz está levantando, pelo que eu saiba só aqui no RGS a AES Sul e a RGE não são públicas e praticamente 100% das usinas de geração de energia são privadas.
      .
      Ué! Não entendi mais nada!

      Curtir

  2. Retrocesso total. Tinha que fechar essa usina e investir em energia renovável.

    Curtir

    • Caro Senhor
      .
      Qualquer especialista no assunto, mesmo o pessoal que fala sobre o PeakOil sabe que as reservas atuais de gás atingem a quase 150 anos de consumo, por que não utilizar?
      .
      Dê um bom motivo!

      Curtir

  3. Pelo que sei a Argentina não dispõe de gás no invernopara atender a demanda, inclusive priorizando consumidores residenciais/hotéis em detrimento às indústrias. Já no Brasil o grande consumo de energia elétrica é no verão, quando precisamos que a UT Uruguaiana funcione, inclusive para fornecer aos argentinos tb. Tem política por trás disso.

    Curtir

  4. Lembro-me que na época da empolgação do mal fadado gasoduto que trouxe o gás até Uruguaiana falava-se em trazer até POA, como inúmeros projetos pelo caminho, como por ex converter a Usina Térmica de Alegrete, que funciona a óleo combustível. Ora, os projetos e contratos são são mal feitos que logo logo aparecem os furos. Não havia gás nem para consumo interno.
    Felizmente não era investimento público o da usina.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: