Aprovado primeiro projeto de recuperação de prédios no Centro Histórico de Porto Alegre

Imagem: PMPA/Divulgação

Cerca de um mês após o início da análise técnica, o Escritório de Licenciamento, vinculado à Secretaria do Meio Ambiente, Urbanismo e Sustentabilidade (Smamus), aprovou o projeto de recuperação do prédio histórico, localizado na esquina da avenida Mauá com a rua Caldas Júnior. O conceito do “Cais Rooftop” segue as novas regras da Lei Complementar 930/21, criada para permitir a reabilitação de edificações da região central da cidade.

“O Centro é a alma da cidade. E, agora, a transformação começa a sair do papel. Muito importante ver os empreendedores investindo no desenvolvimento da cidade” – prefeito Sebastião Melo

“A lei, aprovada pela Câmara e sancionada pelo prefeito, começa a ser aplicada já no início do ano. O mercado respondeu rapidamente ao nosso convite e os técnicos da Smamus trabalharam com agilidade para dar essa cara nova ao Centro”, afirma o titular da Smamus, Germano Bremm.

O projeto “Cais Rooftop” atende uma série de exigências da lei, como qualificação das fachadas com frente para a via pública, priorizando o uso de fachadas ativas, uso misto residencial e não residencial nas edificações, requalificação do patrimônio histórico, utilização de cobertura verde, com priorização de acesso público e emprego de ações de sustentabilidade na edificação, como utilização de energias renováveis e materiais ecológicos e uso de placas fotovoltaicas.

Segundo os responsáveis pelo projeto, o prédio histórico, construído em 1940, terá 48 apartamentos de 25 a 51 m², um restaurante no topo, terraço com vista para o Guaíba e aberto ao público.

Link: https://prefeitura.poa.br/smamus/noticias/aprovado-primeiro-projeto-de-recuperacao-de-predios-no-centro-historico-de-porto



Categorias:Arquitetura | Urbanismo, Programa de Reabilitação do Centro Histórico

Tags:, , , ,

3 respostas

  1. Que ótima notícia! Acredito que é o prédio que foi usado para a tentativa de roubo do Banrisul, através de um túnel, há 15 anos atrás. A quadrilha foi bem ousada, comprou o prédio inteiro na época.

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: