Será assinado nesta quinta-feira (01), às 10h, a ordem de início das obras de revitalização do Cais Mauá

Projeto de Revitalização do Cais Mauá.

O governo gaúcho assina, nesta quinta-feira (01 de março), às 10h, a ordem de início das obras de revitalização do Cais Mauá de Porto Alegre.

Será no Armazém B2 e terá a presença do governador José Ivo Sartori e do secretário dos Transportes, Pedro Westphalen, além de representantes do setor.

Com custo estimado em torno de R$ 500 milhões, a revitalização tem início previsto para a próxima segunda (05). O Consórcio Cais Mauá, responsável pelas obras, vai divulgar o cronograma de trabalho no evento de quinta-feira.

Há mais de 30 anos a população aguarda a revitalização do Cais. O projeto prevê 3.200 metros de orla com ciclovia, dez praças de lazer e mais de 11 mil metros quadrados de área verde. Além de alavancar o turismo e o desenvolvimento do Centro Histórico da capital, vai gerar 28,8 mil novos empregos diretos e indiretos, assim como tributos municipais, estaduais e federais, na ordem de R$ 216 milhões. Com zero investimento público, serão ao todo 181 mil metros quadrados de área revitalizada, respeitando o meio ambiente e o patrimônio histórico local. Ou seja, trata-se de uma parceria entre o público e o privado que beneficiará por completo a população.

Affonso Ritter

Anúncios


Categorias:Projeto de Revitalização do Cais Mauá

Tags:, ,

13 respostas

  1. Olhando na imagem, aquele guindaste lá no fundo, que provavelmente ficará a toa como os de Puorto Madero, me lembrei do Hotel Faralda na Holanda.

    http://misturaurbana.com/2016/01/hotel-faralda-um-guindaste-transformado-em-hotel-de-luxo-em-amsterdam/

    Curtir

  2. Galerinha do contra chiando em 5, 4, 3, 2…

    Curtir

  3. E que comecem os jogos, ops, as obras. E pelo visto o Cais Maua fica pronto antes da orla e do viaduto dos açorianos, hehe

    Curtir

  4. Lançamento de pedra fundamental
    Assinatura da ordem de início das obras
    Inauguração do sítio de obras
    Solenidade de lançamento do projeto

    Quantos termos mais existem que o governo usa quando algo ainda nem foi iniciado, mas quer dar a entender que já estaria próximo do fim?

    Curtir

  5. q demora, essas coisas não podem ser online nao? pq tem que reunir sempre todo mundo pessoalmente??

    Curtir

  6. NOTICIA DA ZH:

    Fundo de investimentos da Cais Mauá muda de administração às vésperas do início das obras

    A decisão havia sido tomada ainda em dezembro, em assembleia dos cotistas do fundo, e previa um período de transição de dois meses entre os antigos gestores e os atuais

    26/02/2018 – 18h32min
    Atualizada em 26/02/2018 – 18h37min – POR MARCELO GONZATTO

    Apenas dois dias antes da entrega da autorização para início das obras no Cais Mauá, em Porto Alegre, a administração do fundo de investimentos responsável por financiar o empreendimento vai mudar de mãos.

    Nesta terça-feira (27), a gestão do fundo e da carteira de investidores deixa de ser realizada pela ICLA Trust, com sede no Rio de Janeiro, e se transfere para a Reag Investimentos, localizada em São Paulo. Essa empresa passará a ser a responsável pela captação de recursos para a continuidade da revitalização.

    A decisão havia sido tomada ainda em dezembro, em assembleia dos cotistas do fundo, e previa um período de transição de dois meses entre os antigos gestores e os atuais – prazo que venceu nesta segunda-feira (26). Durante esse período, a Reag realizou uma auditoria para averiguar a situação do empreendimento e confirmar a troca de comando. Os resultados não foram oficialmente divulgados, mas, conforme relatos de bastidores, não teriam sido encontrados obstáculos ao início das obras.

    Embora já registrada nos artigos 8º e 9º do novo regulamento do Fundo de Investimento em Participações Cais Mauá do Brasil, a mudança de administração seria anunciada publicamente somente na quinta-feira (1º), quando o Estado concederá a autorização para o começo da revitalização do cais. A assessoria de comunicação do empreendimento informou que, até o momento, não há informação sobre quaisquer outras mudanças na equipe que comanda o projeto de renovação da antiga área portuária.

    Os recursos para o começo da revitalização já estariam garantidos, conforme a Cais Mauá do Brasil. Nos primeiros dois anos, o foco será restaurar os 11 armazéns – que serão convertidos em bares, restaurantes, livraria, centro de convenções e operações de negócio, além de espaços culturais. Essa restauração irá custar R$ 70 milhões. Outros R$ 49 milhões serão investidos para atender 40 exigências feitas pela prefeitura como a criação de aproximadamente 8 quilômetros de ciclovia para Porto Alegre. Calcula-se que todo o complexo deverá custar pelo menos R$ 500 milhões.

    https://gauchazh.clicrbs.com.br/porto-alegre/noticia/2018/02/fundo-de-investimentos-da-cais-maua-muda-de-administracao-as-vesperas-do-inicio-das-obras-cje4qnxhz00c301qoizl9kg3q.html

    Curtir

  7. O Fundo de Administração do Cais Mauá mudou de mãos hoje, há dois dias do “início” da obra. Esse assunto está ficando cada vez mais delicioso. Ainda darei muitas e longas risadas sobre essa novelinha mexicana.

    Curtir

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: